Feeds:
Posts
Comentários

Archive for julho \31\-03:00 2009

BOLETIM BR

O ORGULHO DA TORCIDA

São Paulo – Na rodada anterior, foi o “alarme” desta seção, por causa do otimismo gerado com a vitória sobre o Barueri.

Nesta rodada, o time venceu bem o Grêmio, e a torcida gritou que “o campeão voltou”. Exagero, claro, mas já é possível imaginar que sim.

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Sport – Jogou com um a mais a maior parte do tempo, mas não conseguiu vencer o Cruzeiro.

TROFÉU HERÓI

Andrezinho – Salvou o técnico Tite e o goleiro Michel Alves com participações valiosas nos três gols do Inter contra o Barueri.

TROFÉU VILÃO

Gladstone – Foi expulso e decidiu a vitória do Santos contra o Náutico.

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Coritiba 2 x 2 Botafogo – A emoção no final foi realmente até o último segundo.

DETALHE TÁTICO

Diego Souza no Palmeiras – Começou como atacante contra o Fluminense.

Mas, após a entrada de Ortigoza, virou meia e, vindo de trás, decidiu o jogo para o Palmeiras. Ponto para Muricy.

O FUTEBOL É INJUSTO

Santo André merecia mais – Comandado pela boa atuação de Marcelinho Carioca, o Ramalhão poderia ter vencido o Corinthians.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Avaí – Mais do que bater o Vitória por 4 a 0, o importante é que o time conseguiu a 5ª vitória consecutiva. Impressionante!

ALGUÉM ME EXPLICA?

Neymar na reserva – Sou radicalmente contra o excesso de cuidado com jovens talentos, que precisam amadurecer, mas só vão fazer isso se jogaram como frequência.

Ele já pode realmente resolver jogos, como fez contra o Náutico.

ALARME

Campanha do Goiás – É difícil confiar, mas está no G4 e vai enfrentar o Santo André, em processo de troca de técnico, na próxima rodada.

Tem tudo para continuar em alta no Brasileirão 2009.

VALEU O INGRESSO

Dagoberto – Conclui com oportunismo o passe espetacular de Hernanes.

Read Full Post »

E SE FOR VERDADE?

A cada dia parece que Fernandão está mais perto de voltar para jogar no Brasil.  O retorno de um centroavante como ele seria uma ótima notícia para o nosso futebol.

Mas seria melhor ainda pra quem exatamente? Ou seja, qual time interessado em seu futebol precisa mais de um jogador como ele? Vejamos…

No Inter
Quando Nilmar foi para a seleção, Alecsandro, bom jogador, não deu conta do recado. Agora Nilmar foi vendido e não acredito que a situação mudará. O Colorado precisa de Fernandão.

No Palmeiras
Obina está em grande fase, ok. Mas dá para confiar? Eu não consigo. O ataque alviverde precisa de um “algo a mais” ou o sonho do título pode ir por água abaixo. O Palmeiras precisa muito de Fernandão.

No Santos
Kléber Pereira tem muitas qualidades, mas está em má fase faz tempo. O time praticamente não tem outras opções pra posição. O Peixe precisa bastante de Fernandão.

No São Paulo
Borges e Washington até marcam seus gols, mas nunca conseguem convencer totalmente o técnico e a torcida. Então o time precisa, mas nem tanto, de Fernandão.

A tendência é que ele acerte mesmo com o Inter, por causa de sua bela história já construída em Porto Alegre.

Mas fica bem claro que o Palmeiras é quem mais precisa fazer grandes esforços para mudar o provável destino de Fernandão.

Read Full Post »

O que aconteceu com Valdivia?

no fim do mundo header

“Do outro lado do mundo estarei torcendo pelo time, pelos meus companheiros, pela comissão técnica, dirigentes e principalmente por você, torcedor palmeirense”

Foi assim que Jorge Valdivia se despediu e deixou para trás uma ótima fase no Palmeiras, com 24 gols em 94 partidas, e partiu para jogar no Oriente Médio.

No Al-Ain, clube dos Emirados Árabes Unidos, o chileno “sumiu”. Ainda ressurge em convocações da seleção chilena ou em boatos sobre sua volta ao Brasil, mas é difícil saber como ele está à distância.

Treinado pelo alemão Winfried Schaefer, Valdivia tem conseguido bastante sucesso em mais um clube. A principal prova disso aconteceu recentemente, quando o Al-Ain ofereceu um contrato vitalício para o “El Mago”, que, obviamente, recusou a proposta. Antes disso, ele chegou a ser eleito o melhor jogador da história do clube.

Apesar do 3º lugar final no campeonato nacional, Valdivia comandou o Al-Ain em dois títulos na temporada: A Etisalat Emirates Cup e a UAE President Cup.

Em breve, ele deve ser novamente convocado para a seleção chilena, mas por enquanto está na Suíça, onde seu time se prepara para mais uma temporada. O Valencia, da Espanha, será o adversário do Al-Ain em um amistoso internacional do dia 11 de agosto.

Valdivia no Al-Ain: "chororô" com saudades do Brasil?

Valdivia no Al-Ain: "chororô" com saudades do Brasil?

Todo esse sucesso o deixa mais longe de voltar ao Brasil, mas o Opiniões em Campo estará de olho nele, nem que seja no fim do mundo.

Read Full Post »

VALE A VISITA

  • Aydano André Motta escreve belo texto para destacar as lágrimas de Andrade após a vitória contra o Santos. Clique aqui e leia mais.
  • Bruno Soraggi, em seu novo blog sobre futebol português, explica que Keirrison pode ter evitado a reserva do Barcelona pra ficar na reserva do Benfica. Clique aqui e leia mais.
  • Dassler Marques comenta bem a disputa no jornalismo esportivo quando Muricy Ramalho acertou com o Palmeiras. Clique aqui e leia mais.
  • 7 derrotas, 18 gols sofridos e 12 pontos negativos na 4ª divisão estadual. Essa é a campanha do Jaboticabal, muito bem explicada por Emanuel Colombari. Clique aqui e leia mais.
  • Maurício Noriega entrevista o meia Alex, do Fenerbahçe, que já fala sobre voltar ao Brasil em breve. Clique aqui e leia mais

Read Full Post »

Dizem por aí...

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o time atual do atleta

DEMOROU!

Corinthians – Battaglia (V-Boca Juniors) – Com as devidas ressalvas sobre adaptação, tem futebol para se destacar no Brasil.

Inter – Thiago Humberto (M-Barueri) – Seria só para 2010, mas é uma boa aposta desde já.

TANTO FAZ…

Santos – Anderson (Z-Cruzeiro) – Não deu certo em dois times desde que voltou. Mas tem sim um bom futebol e pode dar certo.

CAI FORA!

Fluminense – Souza (A-Corinthians) – Até apostar em Kieza é melhor que pagar o alto salário que ele deve pedir.

Santos – Dodô (A-sem clube) – Passou da hora do Peixe ter alguém mais inteiro no comando do ataque, não?

NÃO ENXERGAM?

Leandro “Gianechini” (A-Verdy Tokyo-JAP) – Foi essencial no Brasileirão de 2007 do São Paulo e sempre foi subvalorizado. Já demorou para alguém fazer justiça.

Read Full Post »

Ele não tem rosto, não tem corpo e nem tem voz. Sequer tem um nome definido. Mas ele assusta. Ele Aterroriza. E decide.

Em pouco tempo, ele já causou preocupações nas duas maiores torcidas do Brasil: Flamengo e Corinthians sentiram na pele o poder dele. Inter, Cruzeiro, Botafogo e até o “pobre” Barueri já passaram por traumas com ele também. Mas vem muito mais por aí: os líderes do Brasileirão 2009, Atlético-MG e Palmeiras, tremem de medo dele neste momento.

No fundo, todos nós, fãs de futebol, odiamos ele. E o pior: nada podemos fazer.

Olha a tristeza de quem sofreu nas mãos dele

Olha a tristeza de quem sofreu nas mãos dele

Ele é chamado de “mercado da bola”, “janela de tranferências” ou simplesmente “futebol internacional”. Ele é um monstro.

Tardelli, Diego Souza, Cleiton Xavier, Kléber, Madson, Réver, Miranda, Victor, Felipe e outros correm o risco de serem “devorados” por ele em breve.

Por causa dele é difícil analisar o campeonato agora. Não dá para saber quem estará realmente forte ou fraco daqui uma semana.

Sem Tardelli, quem fará os gols do Galo? Sem Diego Souza, quem será o diferencial do Palmeiras? Sem Victor, quem vai evitar os gols sofridos pelo Grêmio?

Complicado. É ele, esse monstro, que vai decidir de verdade quem ganhará o Brasileirão 2009.

Mais uma vez.

Read Full Post »

NO SEU TIME

Não teve jeito: os três gols de Val Baiano em um só jogo o fizeram vencer a enquete mais recente do Opiniões em Campo.

Neste final de semana, ele perdeu um gol incrível contra o São Paulo, mas ainda é o artilheiro isolado do Brasileirão 2009.

Felipe e Roger seguem vivos na briga, que não deve ficar polarizada só entre esses nomes.

Nova enquete
Três goleiros jovens estão em excelente fase no Brasil atualmente: Felipe, do Corinthians, Fábio, do Cruzeiro, e Victor, do Grêmio.

Marcos, do Palmeiras, é outro em ótimo momento, mas este não precisa mais provar nada pra ninguém, ao contrário dos outros. Qual deles seria a melhor opção para a reserva de Júlio César na Seleção Brasileira?

Ou melhor: no seu time quem você escolheria primeiro: Fábio, Felipe ou Victor? Vote na enquete da coluna ao lado>>>

Read Full Post »

SALA DE IMPRENSA

Com um a menos, em pleno Maracanã, O Cruzeiro fez o Fluminense se encolher em campo por muitos instantes. Este episódio da 14ª rodada do Brasileirão 2009 é só mais um exemplo que mostra como é gigante a crise do tricolor carioca.

Para combatê-la, é preciso entendê-la. Vários tentam explicar, conseguem enxergar vários motivos, mas o que me pergunto é: se é tão óbvio, porque ninguém faz nada para solucionar? Vejam…

Paulo Calçade aponta: “O treinador é só parte do problema do Fluminense. A questão principal é que tipo de relação, entre clube e patrocinador, há nas Laranjeiras. As atribuições de clube e de patrocinador se confundem”.

André Rocha analisa o problema ainda mais detalhadamente e opina: “A penúltima colocação no Brasileiro não é a pior notícia para o Fluminense. O mais trágico é ver os estilhaços de um clube partido e sem credibilidade”.

Como bem escreveu Maurício Noriega, “Como é previsível o desespero da massa fluminense“.

A revista Placar deste mês traz um bom resumo sobre a situação: “presidente e investidor que não se entendem, excesso de poder do patrocinador, falta de um CT para os profissionais e dívidas. Só podia dar em crise”.

É exatamente isso! E não é difícil de enxergar. Então porque não se mexem? Insisto: tudo isso só “mostra como é gigante a crise do tricolor carioca”.

Read Full Post »

BOLETIM BR

O ORGULHO DA TORCIDA

Grêmio – Reagiu contra o Santo André e mostrou, diante de um Olímpico cheio, que está vivo no Brasileirão 2009.

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Atlético-PR – Perdeu para o Avaí e mostrou, diante de uma Arena cheia, que vai sofrer demais nesse Brasileirão 2009.

TROFÉU HERÓI

Obina – 3 gols contra o Corinthians é pra cair de vez na graça da torcida.

TROFÉU VILÃO

Pará – Decidiu o jogo para o Flamengo na Vila Belmiro. Pena, para ele, que é jogador do Santos.

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Sport 3 x 3 Náutico – Com muito poder de reação, os times pernambucanos chegaram a um resultado ruim pra ambos

DETALHE TÁTICO

3 volantes no Palmeiras – Pierre, Edmílson e Souza foram a surpresa tática de Jorginho para o clássico.

Deu tão certo que Mano tentou imitar, com Moradei no lugar de Ronaldo. Sem treino, não deu certo para os alvinegros.

O FUTEBOL É INJUSTO

Atlético-MG merecia mais – O Goiás tem seus méritos por saber se defender e contra-atacar como poucos.

Mas o Galo atacou bem e poderia não ter decepcionado seus 50 mil torcedores que estiveram no Mineirão.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Flamengo – Não imaginei que o time reagiria já com Andrade.

ALGUÉM ME EXPLICA?

Mádson e Neymar – Quem Luxemburgo queria como centroavante nessa dupla de ataque? Falta muito elenco para o Peixe!

ALARME

São Paulo – Eu ainda não confio, mas, depois depois de mais uma vitória, os jogadores estão mais otimistas do que nunca.

Esse princípio de boa fase pode colocar o tricolor paulista pronto para engatar uma reação no campeonato.

VALEU O INGRESSO

Souza – Acertou um belo chute para coroar sua excelente atuação.

Read Full Post »

“Histórias a contar, personagens a descobrir”

Essa é a missão e o objetivo do Última Divisão. Trata-se de um blog em equipe, da qual faço parte. E é um projeto bem diferente do que é encontrado aqui no Opiniões em Campo, claro.

Junto com (por enquanto) 6 amigos, tentaremos trazer grandes histórias do futebol, curiosidades e detalhes “alternativos”. Ou seja, como bem define Júlio Simões, mostraremos o que “alguns veículos de imprensa até sabem da existência, mas que também não fazem questão de acompanhar”.

E a ambição não é pouca. O time tem talento, certa experiência e quer ser “a nova referência na cobertura daquele futebol que não aparece nos jornais”. Tenho certeza: não é nem um pouco impossível.

Acompanhem o blog (o twitter é @ultimadivisao) e vejam se conseguiremos atingir tal meta. Além disso, é claro, divirtam-se com detalhes do futebol que poucos fazem questão de destacar.

Que venham as descobertas das histórias e dos personagens!

Read Full Post »

SALA DE IMPRENSA

“O Palmeiras sempre entra para ganhar, não pode ter outro pensamento. O time tem condições de brigar pelo título”.

No Palestra Itália, com essa frase, Muricy confirmou a expectativa gerada por todos em cima de seu trabalho no Palmeiras.

Mas será que essa pressão não pode atrapalhar? A questão é: o que vai acontecer se o Palmeiras não for o Campeão Brasileiro de 2009?

É quase impossível achar algum comentarista esportivo que conteste a nova contratação do alviverde paulista. Entretanto, o problema pode ser exatamente esse: está criada uma enorme esperança pelo sucesso do técnico em seu novo clube. Basta ver algumas opiniões geradas desde que ele foi anunciado.

“Está nas mãos dele a conquista do pentacampeonato nacional”, por Vitor Birner.

“Muricy pega um Palmeiras em posição privilegiada na tabela, bem armado por Luxa e Jorginho, com todas as condições, pois, de brigar pelo título”, por Alberto Helena Jr.

“Muricy é um treinador que sabe trabalhar, não é marqueteiro e aprendeu a ganhar. E o Palmeiras, entra de vez, no grupo dos candidatos ao título brasileiro”, por Lédio Carmona.

“Acerta o Palmeiras ao substituir Jorginho, que vinha bem? Acerta muito. Um bom negócio para todos os envolvidos. Tudo indica.”, por Caio Maia.

São opiniões normais e totalmente aceitáveis.  A preocupação fica apenas com o futuro e as consequências dessa contratação. Muricy precisa de um certo tempo para encaixar melhor as suas equipes e é preciso que a diretoria alviverde dê esse tempo.

Ou seja, é normal esperar o título do Brasileirão 2009. Mas, se ele não vier, é preciso paciência para poder colher o melhor do trabalho de Muricy Ramalho. Será que o Palmeiras terá essa cautela?

Read Full Post »

BOLETIM BR

O ORGULHO DA TORCIDA

Cruzeiro – Venceu o Santo André fora de casa e mostrou que pode começar a reagir no Brasileirão 2009.

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Coritiba – Deixou de vencer o Sport em casa e perdeu 3 pontos por puro nervosismo em campo.

TROFÉU HERÓI

Neymar – Salvou a estreia de Luxa com um belo gol.

TROFÉU VILÃO

Tcheco – Saiu como principal culpado pela derrota do Grêmio contra o Avaí em Florianópolis.

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Inter 2 x 2 São Paulo – Em uma rodada de poucos jogos realmente bons, este se destacou principalmente pelo 2º tempo.

DETALHE TÁTICO

Fluminense no 3-5-2 – Renato Gaúcho mexeu bastante na equipe e, apesar da derrota, pode ter achado uma solução para o futuro.

O FUTEBOL É INJUSTO

Palmeiras e São Paulo – Os dois times paulistas foram prejudicados pela arbitragem fora de casa.

Evandro Rogério Román e Rodrigo Nunes de Sá foram os juízes injustos da rodada.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Avaí – Mais do que bater o Grêmio, conquistou sua 3ª vitória seguida.

Segue em ascenção na tabela e já é o 12º lugar. Quem diria?

ALGUÉM ME EXPLICA?

Cruzeiro sem zagueiros – Como o Santo André não conseguiu passar por Henrique e Elicarlos?

Os volantes foram improvisados na defesa, mas conseguiram passar o jogo sem tomar gols.

ALARME

Flamengo em casa – Conseguiu dois pontos em nove disputados no Maracanã.

Esse prejuízo vai fazer muita falta no futuro.

VALEU O INGRESSO

Diego Souza e Dentinho – Preferi não escolher nenhum dos dois golaços para acirrar a rivalidade entre Corinthians e Palmeiras para o clássico da próxima rodada.

Read Full Post »

Older Posts »