Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Alexandre Pato’

Assim que virou presidente da CBF, José Maria Marin fez uma afirmação que foi mal interpretada e gerou polêmica: “o desempenho na Olimpíada vai ser fundamental para o futuro da Seleção Brasileira”. Acharam que ele estava apenas pressionando o técnico Mano Menezes, indicando que ele sairá do cargo se não for campeão em Londres.

Calma, Mano, não é bem assim...

Calma, Mano, não é bem assim…

Pode até ser que essa tenha sido a intenção de Marin. Mas o importante é que essa frase é verdadeira por outras razões: o time olímpico realmente vai trazer observações fundamentais para a Seleção Brasileira. É algo que vai influenciar demais a Copa do Mundo de 2014 e não apenas pelo resultado, mas principalmente pelo desempenho de alguns jogadores.

Listo a seguir as sete principais questões que precisam ser observadas na Olimpíada e que serão fundamentais para a Copa de 2014:

Tática definida?
Mano Menezes ainda não conseguiu sequer definir qual é o esquema tático ideal da Seleção Brasileira. Sua tendência é escalar a equipe em um 4-3-3, o que deve ser feito na Olimpíada. Se funcionar, será mantido para a equipe principal. O importante é manter um padrão para os jogadores não ficarem ainda mais perdidos do que estão.

Temos um substituto do Ganso?
É uma questão que tem atrapalhado Mano Menezes desde o começo do seu trabalho. Ele aposta no camisa 10 santista, mas as lesões do meia insistem em aparecer. Diversos jogadores já foram testados na função dele, como meia central. Mas agora, principalmente nos amistosos, teremos um teste importante: Oscar vai jogar na posição e tem potencial para dar conta do recado. Já começou bem contra a Dinamarca…

Neymar é craque?
Não se trata de discutir a genialidade de Neymar. Mas ainda é preciso medir o quanto ele é decisivo. No Santos ele já provou que realmente é um craque, mas falhou em sua única missão de verdade pela Seleção, a Copa América de 2011. Contra jogadores olímpicos ele terá mais facilidade, mas a responsabilidade e a pressão também será maior. Caso aguente tudo isso, será um bom sinal de que Neymar está pronto para a Copa de 2014.

Lucas é Seleção?
Mano Menezes tem uma clara má vontade com o meia-atacante do São Paulo. Lucas já foi convocado pelo técnico dez vezes, mas jogou poucos minutos em todas estas oportunidades. Como foi discreto contra a Dinamarca, deve ir para o banco de reservas. Porém, na Olimpíada a tendência é que ele seja titular. Resta saber se ele convencerá Mano de que essa é a escolha certa.

Temos goleiros e volantes?
São as duas posições que temos mais carência na Seleção principal, pois não há um nome que seja indiscutível. Entre os goleiros, resta saber se Jefferson será convocado entre os três jogadores acima de 23 anos. Ele é o goleiro que mais recebeu convocações de Mano Menezes e parece ter a confiança do treinador. Mas se ele não for para Londres, a bomba estará com Rafael, do Santos, que parece pronto para o desafio, mas ainda não foi testado de verdade.

Já entre os volantes a situação é mais complicada. Sandro, Rômulo e Casemiro não aparentam ter a maturidade necessária para serem titulares da Seleção principal. Fernando, do Grêmio, que vive grande fase no Grêmio e ainda pode ser chamado, tem o mesmo problema. Mas quem não tem? Mano tem escalado Lucas Leiva e Fernandinho, mas é uma dupla que não inspira confiança e ainda deve mudar até 2014. Resta saber se os olímpicos farão parte dessa mudança.

Quem será nosso centroavante?
Não vejo a situação dos nossos centroavantes com tanto pessimismo quanto outras pessoas. Confio mais em Leandro Damião, mas também acho que o único problema do Alexandre Pato é físico. Entre os olímpicos, realmente não há mais ninguém de nível, mas Fred pode assumir a camisa 9 na Seleção principal. Portanto, o problema nem é a falta de nomes, mas sim a falta de definição sobre quem será o titular. A Olimpíada pode ajudar com isso

Mano tem que ficar?
É impossível não pensar que o cargo do técnico está sob risco. Mas ele terá que se esforçar demais para perdê-lo. Acima de tudo, porque a Seleção caiu em um grupo fácil na Olimpíada. Mas também porque este time tem qualidade e muito potencial para conquistar o primeiro ouro olímpico do Brasil. Se for para apostar, coloco meu ouro no título tupiniquim em Londres. E, portanto, Mano Menezes como técnico da Seleção até 2014.

Read Full Post »

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o último time do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

Arsenal – Alexandre Pato (A-Milan) – Não sei como faria para encaixá-lo ao lado de Van Persie, mas é evidente que o brasileiro tem qualidade e merece mais espaço do que tem no Milan atualmente.

Chelsea – Higuaín (A-Real Madrid) – O argentino finalmente tem dado certo na Europa e possui características para se destacar no futebol inglês.

Liverpool – Leandro Damião (A-Inter) – Pode formar uma dupla matadora com Luis Suárez e ser a solução para o ataque do Liverpool, setor que é o principal problema do time inglês atualmente.

Manchester United – Khedira (V-Real Madrid) – O time inglês já tem várias boas opções para a posição, mas o alemão traria uma agressividade diferente para o meio-campo, com uma chegada melhor ao ataque.

Milan – Fernando Torres (A-Chelsea) – A passagem do espanhol pelo Chelsea tem sido vergonhosa, mas ele tem condições de se recuperar e dar certo no futebol italiano.

Milan – Keita (V-Barcelona) – O volante do Barça tem evoluído e precisa de um time que lhe dê mais chances para mostrar como pode ser útil.

TANTO FAZ…

Chelsea – Gary Cahill (Z-Bolton) – O time precisa de um zagueiro, já que Alex está de saída, mas Cahill chegaria para ser reserva mesmo.

Chelsea – Jack Rodwell (M-Everton) – É um jovem de qualidade, mas está longe de ser a solução para o meio-campo pouco criativo do Chelsea.

Inter de Milão – Lucas (MA-São Paulo) – O são paulino ainda não parece pronto para o futebol europeu, mas, caso consiga se adapatar, pode trazer uma velocidade que o ataque da Inter precisa.

Juventus – Rhodolfo (Z-São Paulo) – O são paulino ainda não provou ser uma opção melhor que Bonucci ou Barzagli, mas também não é pior que eles.

CAI FORA!

Inter de Milão – Juan (Z-Inter) – Ainda não é um zagueiro pronto para o futebol europeu e a Inter nem precisa tanto de um jogador para esta posição.

Real Madrid – Chivu (Z-Inter de Milão) – Pode ser útil como zagueiro, mas não é a solução ideal. Como lateral seria apenas mais um reserva.

Real Madrid – De Jong (V-Manchester City) – Faz pouco sentido contratar um volante tão pouco técnico para um meio-campo que precisa de mais qualidade na saída de bola.

NÃO ENXERGAM?

Gourcuff (M-Lyon) – Passou da hora do talentoso meia francês ser testado de verdade em um grande campeonato da Europa. Mas por enquanto poucos boatos indicam que isso vá acontecer…

VEJA TAMBÉM

Read Full Post »

Mano/ AFP

Está chegando a hora, Mano

A Seleção Brasileira voltou a decepcionar no sábado e deixou uma grande lista de dúvidas na cabeça de Mano Menezes. “Troco Fred por Pato?”. “Mantenho o Jadson como titular?”. “Dou uma chance ao Robinho?”. “Troco os laterais?”. 

Essas devem ser algumas questões que estão na cabeça do técnico da Seleção. Porém, ele precisa perceber que o problema do time é muito mais profundo. Ou seja…

Não adianta colocar Fred no lugar de Alexandre Pato se o centroavante da Seleção Brasileira continuar isolado, sozinho na frente.
Não adianta colocar Jadson no lugar de Robinho se ele continuar sendo apenas um jogador preso na ponta direita.
Não adianta colocar Neymar em campo se ele ficar só na ponta esquerda e ninguém se aproximar para jogar com ele.
Não adianta torcar os laterais, mesmo o fraquíssimo André Santos, se a ordem é para eles não subirem tanto para o ataque.
Não adianta tirar Lúcio ou Thiago Silva para colocar o David Luiz se a marcação dos volantes ainda deixar os zagueiros tão expostos.

Enfim, Mano precisa entender que não é só uma questão de trocar peças, colocar esse ou aquele jogador como titular. A tática a estratégia da Seleção também precisam mudar. Esse 4-2-3-1 com jogadores tão fixos não funciona. O posicionamento tem que mudar, a movimentação tem que acontecer e é o próprio Mano quem precisa corrigir tudo isso.

Afinal, não adianta se classificar contra o Equador se esse time não vai melhorar.
Não adianta esperar que os jogadores façam lances individuais e salvem o seu cargo, Mano Menezes.
Porque, pelo visto, não adianta mesmo torcer para essa Seleção tão mal treinada e tão pouco comprometida.

Não adianta!

Read Full Post »

Ronaldo vai se despedir oficialmente da Seleção Brasileira no dia 7 de junho e nem tem para quem passar a amarelinha número 9. Depois de Careca, Romário e o próprio “Fenômeno”, o posto de centroavante canarinho ficou sem dono.

Ronaldo se despede sem deixar um substituto pronto
Ronaldo se despede sem deixar um substituto pronto

O sucessor natural é Alexandre Pato, claro. Trata-se de um jovem diferenciado, com tudo para se tornar um craque. Mas seu frequentes problemas físicos o atrapalham demais e já não dá mais para confiar nele. É preciso ter um plano B, algo que Mano Menezes não conseguiu até agora. As opções são poucas, não é fácil mesmo, mas o técnico do Brasil também errou demais nessa missão.

Por isso o Opiniões em Campo resolveu ajudá-lo e elaborou uma lista com as melhores opções que o Brasil tem para ser o reserva do Pato. Porém, mais importante do que lembrar de todos eles, é dar continuidade para alguém e não ficar inventando Tardellis ou Jonas a cada convocação.

Aproveite, Mano! De nada.

7º) Luis Fabiano (São Paulo)
Está com sérios problemas físicos e ainda tem o agravante da idade avançada. Parece até que já está fora dos planos do Mano, mas eu não o descartaria totalmente por enquanto.

6º) Adriano (Corinthians)
Poderia até ser o titular da Seleção, se não fossem seus problemas físicos e psicológicos. Não tenho fé que tudo isso vá se resolver no Corinthians, então realmente é uma opção apenas para o futuro.

5º) Kleber (Palmeiras)
Desde que voltou ao Palmeiras, tem mostrado que está mais calmo e pode sim jogar fixo na área. É claro que vai render mais se puder sair dela e atuar de frente para o gol, mas nessa posição ele não teria chances na Seleção.

4º) Fred (Fluminense)
Mano não deveria ter lhe convocado agora, já que seu momento é fraco. Mas ele tem potencial para ser um dos melhores centroavantes do Brasil. Em forma e motivado, pode assumir a liderança dessa lista facilmente.

3º) Leandro Damião (Internacional)
A sua primeira convocação veio cedo demais, mas aposto que com o tempo ele vai justificar isso. Depois de Pato, é o melhor centroavante que surgiu recentemente e por isso precisa mesmo entrar nos planos para renovar a Seleção.

2º) Nilmar (Villareal-ESP)
Foi bem demais na temporada europeia e, apesar de não ser sempre o centroavante do time, pode resolver o problema da Seleção. Tem até um futebol parecido com o de Pato, com velocidade e boa finalização.

1º) Hulk (Porto-POR)
A temporada excepcional que ele teve deveria lhe render muito mais chances do que aquelas que recebeu. Não joga como centroavante no Porto, mas pode fazer essa função na Seleção e até revezar com Neymar ou Robinho, caindo pelas pontas também.

Além deles, para a Copa do Mundo de 2014 podemos ainda torcer pelas evoluções de André, Diego Maurício, Wallyson, Willian José e Walter. Não vejo potencial em nenhum deles para serem jogadores de Seleção, mas são os melhores centroavantes jovens que temos no momento e nem é preciso explicar o quanto o futebol é surpreendente. Mano pode ter que contar com essa sorte também…

Read Full Post »

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o último time do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

Arsenal – Stekelenburg (G-Ajax) – É mais um goleiro que os Gunners precisam realmente tentar contratar para o lugar de Almunia. Mas a concorrência está grande…

Barcelona – Tévez (A-Manchester City) – É um jogador excelente que só precisa de um time melhor arrumado, como o Barça, para estourar de vez.

Inter de Milão – Schweinsteiger (V-Bayern de Munique) – O volante poderia melhorar ainda mais a saída de bola da Inter de Milão, algo realmente necessário no time italiano.

Juventus – Fernando Torres (A-Liverpool) – Está insatisfeito na Inglaterra e é um dos melhores do mundo entre os centroavantes, posição na qual a Juve realmente precisa de reforços. Ou seja, seria ótimo para todos.

Manchester City – Alexandre Pato (A-Milan) – Faria uma dupla de ataque infernal com Tévez, já que ambos são versáteis e sabem jogar tanto dentro quanto fora da área.

Manchester United – Michel Bastos (M-Lyon) – Seria uma boa opção para as jogadas pelas laterais, que sentem falta de Valencia, gravemente lesionado.

Milan – Fábio Coentrão (LE-Benfica) – Foi um dos melhores laterais-esquerdos da Copa de 2010 e merece esse chance em um time grande da Europa.

Real Madrid – Rooney (A-Manchester United) – É um dos melhores atacantes do mundo, então é claro que cairia como luva no time em que ele se reencontraria com Cristiano Ronaldo, repetindo uma dupla que impressionou em 2008.

TANTO FAZ…

Inter de Milão – Rodrigo Palacio (A-Genoa) – Faz funções interessantes em campo, mas seria no máximo um reserva útil.

Inter de Milão – Xabi Alonso (V-Real Madrid) – É bom jogador e conta com a confiança do técnico da Inter, mas é semelhante a opções que o time já tem.

Juventus – Adebayor (A-Manchester City) – Mudaria muito pouco em comparação com as opções que a Juve já tem em seu elenco atualmente.

Manchester United – Gourcuff (M-Lyon) – Não acho que ele tem condições de chegar, ser titular e resolver, mas tem características do jogador que o time está precisando. Então pode dar certo.

Real Madrid – Nilmar (A-Villareal) – O time já tem atacantes demais e, mesmo que eles não estejam em grande fase, não seria fácil para o brasileiro se firmar.

CAI FORA!

Barcelona – Denílson (V-Arsenal) – Seu estilo de jogo não combina perfeitamente com o do Barça e, além disso, a recente chegada de Mascherano complicaria sua briga pelo titularidade no time espanhol.

Barcelona – Pepe (Z-Real Madrid) – Nunca me convenceu de que é tudo o que comentam sobre ele no futebol espanhol. Esse não me engana: é atrapalhado e estabanado mesmo!

Juventus – Maxi López (A-Catania) – Costumar ter curtas fases boas, mas na verdade a Juve precisa de um atacante que resolva com mais regularidade.

Liverpool – Kiessling (A-Bayer Leverkusen) – Até é um bom jogador, mas não seria um substituto à altura de Fernando Torres, que está cada vez mais fora do Liverpool.

Liverpool – Muntari (V-Inter de Milão) – Não gosto do futebol do ganês e os Reds já têm opções melhores pra essa posição.

Manchester United – Benzema (A-Real Madrid) – Não faria muito diferente do que Berbatov tem feito no time.

Manchester United – Douglas Costa (M-Shakhtar Donetsk) – Ainda é uma aposta arriscada demais para o futuro. Ainda mais se for tratado como o “novo Cristiano Ronaldo”.

NÃO ENXERGAM?

Fernando Llorente(A-Athletic de Bilbao) – O grandalhão está em grande fase e poderia ir para times que precisam de centroavantes. Não faltam clubes nessa condição na Europa. Por enquanto ele só foi sutilmente cogitado no Real Madrid.

Read Full Post »

Após três jogos, a seleção brasileira de Mano Menezes já parece ter uma base, uma espinha dorsal: Daniel Alves, Thiago Silva, André Santos, Lucas, Ramires, Robinho e Alexandre Pato são jogadores que devem constar em quase todas convocações futuras.

Até aqui foram três vitórias, alguns momentos de futebol bonito e muita organização tática. Mas o verdadeiro teste só acontecerá contra a Argentina. E para esse jogo até o próprio Mano já admite que pode mudar a sua base: “É uma situação que talvez faça você pensar em algumas peças novas”.

Agora fica a questão: quais serão essas novas peças? Abaixo tento adivinhar e analisar algumas delas, posição por posição:

Goleiros: Júlio César e Gomes?
Um dos melhores goleiros do mundo, Júlio César precisa voltar ao time. Goleiro é uma posição de confiança, e Mano precisa começar a criar esse elo.

O reserva deve ser Victor e, caso continue a ser chamado um terceiro nome, Gomes aparece como favorito, já que tem até a experiência de participação em uma Copa do Mundo.

Zagueiros: Lúcio e Juan?
Thiago Silva e David Luiz tem tudo para formar uma boa dupla, mas será que Mano vai querer a volta de Lúcio ou Juan ao time? Eu aposto que não. Ambos já têm mais de 30 anos e a renovação até aqui tem sido radical, o que é correto, já que de fato não há necessidade de apelar para jogadores mais velhos nessa posição. Estamos bem servido com os jovens.

Caso queira jogadores com mais passagens pela Seleção, mas que tenham mais condições de ir para a Copa de 2014, Mano pode optar, por exemplo, por Alex (Chelsea, 28 anos), Naldo (Werder, 28 anos) ou Alex Silva (São Paulo, 25 anos). Dentre esses três, aposto que pelo menos um será convocado para o jogo contra a Argentina.

Laterais: Maicon e Filipe Luís?
Aqui aparentemente os titulares já estão definidos. Pela direita, Daniel Alves teve atuações decisivas e se garantiu. André Santos também brilhou, especialmente contra os EUA, e mesmo antes já tinha a confiança de Mano.

Dentro da proposta de convocar mais jogadores experientes, é possível que Maicon finalmente volte, mesmo que seja para ser reserva. Já do outro lado é mais difícil achar nomes com rodagem pela Seleção, mas Filipe Luís, por exemplo, pode ser lembrado. É uma pena que Marcelo tenha queimado seu filme com Mano recentemente…

Volantes: Felipe Melo?
É a posição que Mano mais tem acertado, com Lucas, Sandro e Ramires sempre convocados. Fica apenas a dúvida para um quarto nome, que teoricamente seria disputado por Hernanes, Jucilei e Elias. Eu daria preferência para o primeiro e arrisco dizer que Mano fará o mesmo.

Porém, ele pode preferir um jogador mais rodado para a posição. Dentre aqueles que normalmente eram convocados por Dunga, apenas Felipe Melo pode surgir como opção, já que vive uma fase mais “zen” na Juventus. Porém, duvido que Mano vá fazer essa aposta de alto risco agora. Talvez só em um futuro distante. Assim espero…

Meias: Diego e 2 Alexs?
Mano ainda não encontrou o substituto ideal de Ganso. Por causa disso tem faltado um melhor toque de bola para a Seleção. Entendo que a solução para isso não passa pelos jogadores já convocados. Diego, Alex (Fenerbahçe) e Alex (Spartak) seriam opções melhores para o setor. Dentre os já chamados, Giuliano é o único que talvez resolva.

Atacantes: Nilmar e Vágner Love?
As vagas de Alexandre Pato e Robinho ninguém tira. Resta saber, por exemplo, quem seria o outro atacante de velocidade: Neymar e Philipe Coutinho podem ficar com a vaga, mas seria mais inteligente Mano apostar no já experiente Nilmar, que tem feito por merecer uma nova chance como titular do Brasil.

Já para ser o reserva de Pato a situação é mais delicada: André ainda é novo demais. Luis Fabiano talvez seja velho demais. E Adriano ainda não jogou de verdade pela Roma. Olhando para quem Mano já convocou, pode ser novamente a vez de Hulk ou Diego Tardelli. Mas uma aposta em Vágner Love, que tem feito boas atuações em 2010, também seria válida e compreensível.

Read Full Post »

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o último time do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

Barcelona – Filipe Luís (LE-La Coruña) – Seria ótimo para o time espanhol, que teria uma opção para fortalecer seu apoio ofensivo pelo lado esquerdo.

Bayern de Munique – Fábio Coentrão (LE-Benfica) – O custo de Coentrão está alto demais, mas, caso ele vá para a Alemanha, o time de Munique teria uma das melhores duplas de laterais do mundo.

Chelsea – Ramires (V-Benfica) – O esquema tático do time inglês pode precisar de três volantes em campo, então o brasileiro poderia teria e usaria sua velocidade para dar certo no rápido futebol inglês.

Chelsea – Schweinsteiger (V-Bayern de Munique) – Fez uma Copa do Mundo impressionante e certamente seria uma ótima contratação para qualquer clube do mundo.

Juventus – Dzeko (A-Wolfsburg) – Pode até não brilhar tanto quanto na Alemanha, mas provavelmente seria melhor do que Amauri e Iaquinta.

Manchester City – Daniel Alves (LD-Barcelona) – É muito superior a Zabaleta e Micah Richards. Mesmo se for caro, deve fazer valer o dinheiro investido.

Manchester United – Neuer (G-Schalke 04) – É jovem, mostrou talento na Copa e pode ser preparado para substituir Van der Saar no futuro.

Manchester United – Sneijder (M-Inter de Milão) – Foi um dos melhores jogadores da última temporada na Europa e, mesmo que saia caro, vale a pena, pois poderia ser peça fundamental para o time inglês voltar aos títulos.

Milan – Ibrahimovic (A-Barcelona) – O sueco não brilhou no futebol espanhol, mas está mais do que acostumado a fazer a diferença na Itália.

Milan – Luis Fabiano (A-Sevilla) – O time italiano poderia investir em alguém mais novo, mas o brasileiro deve dar conta do recado.

Real Madrid – Khedira (V-Stuttgart) – O time já tem uma boa dupla de volantes, com Lass e Xabi Alonso, mas o jovem alemão sabe marcar e chegar ao ataque como poucos, podendo até virar titular.

TANTO FAZ…

Arsenal – Wright Phillips (M-Manchester City) – Os Gunners já têm Arshavin e Nasri, que podem jogar pelas pontas, mas contar com mais uma boa opção de velocidade seria razoável.

Barcelona – Luis Suárez (A-Ajax) – Chegaria para ser reserva e teria que provar que pode se destacar em um campeonato mais difícil do que o Holandês.

Barcelona – Van der Wiel (LD-Ajax) – É bom jogador, mas só seria reserva de Dani Alves.

Juventus – Elano (M-Galatasaray) – No máximo pode ser um bom coadjuvante na reconstrução do elenco da Juventus.

Liverpool – Van der Vaart (M-Real Madrid) – O holandês está longe de ser um jogador decisivo, mas pode completar bem o elenco do time inglês.

Manchester City – Donovan (M-LA Galaxy) – Fez uma boa Copa do Mundo e está no auge, mas só conseguiria ser uma boa opção no banco de reservas.

Milan – Robinho (A-Santos) – Não consigo acreditar que o brasileiro daria certo no futebol italiano, mas ele  tem talento e pode aproveitar chances na nova equipe do técnico Allegri.

CAI FORA!

Arsenal – Felipe Melo (V-Juventus) – A sorte do time inglês é que lá já existem volantes de qualidade que certamente fariam o “queridinho de Dunga” jogar com menos frequência.

Barcelona – Alexandre Pato (A-Milan) – Não seria bom para nenhum dos dois lados, já que o clube gastaria para trazer um atacante que provavelmente ficaria no banco de reservas, mesmo com a possível saída de Ibrahimovic.

Liverpool – Gago (V-Real Madrid) – Só faria algum sentido se realmente Mascherano sair do time, mas ainda assim seria uma queda de qualidade.

Manchester City – Balotelli (A-Inter de Milão) – É temperamental demais e não vale a pena, principalmente pelo valor que tem sido especulado: 40 mi de euros.

Manchester City – Podolski (A-Colônia) – Ele não fez uma Copa tão boa e o time inglês não precisa tanto de mais opções para o ataque.

NÃO ENXERGAM?

Honda (M-CSKA Moscou) – O versátil japonês brilhou na Copa e já tinha feito bons jogos na Rússia. Pode ser uma boa opção para  completar o elenco de vários times grandes da Europa.

Read Full Post »

Dentre os 23 jogadores que disputaram a Copa de 2010 pelo Brasil, só Thiago Silva, Ramires e Nilmar  terão menos de 30 anos no Mundial de 2014. Isso só prova como a Seleção vai ter que se renovar. O legado que Dunga deixou após sua saída é pequeno, como escreveu Arnaldo Ribeiro, e, na verdade, pouco tem a ver com a escolha dos jogadores.

O legado em Copas/ Arte: Jornal Placar
Seleção Brasileira de 2014 pode ter o menor índice de jogares da Copa anterior desde 1950/ Arte: Jornal Placar

Ou seja, como se não bastasse a pressão gigantesca para que hexacampeonato venha em 2014, o próximo técnico da Seleção ainda terá que saber reformular a equipe e apresentar novidades para quase todas posições. Existem indefinições para achar o novo lateral-esquerdo, o 1º volante, talvez um meia e o centroavante. Difícil! Tenho pena de quem assumir essa missão.

O máximo que posso fazer para ajudar é o levantamento que segue abaixo, com indicações de possíveis jogadores com qualidades e idade para disputar a Copa de 2014. Pelo menos há uma boa notícia: ainda sobra talento em terras tupiniquins. Vejam:

GOLEIRO
Estão prontos: Júlio César, Victor, Gomes e Diego Alves
Precisam evoluir: Renan, Fábio, Felipe e Diego Cavalieri
Olho neles: Neto, Cássio, Dênis e Marcelo Grohe

Ter feito uma Copa de 2010 abaixo do esperado não pode queimar Júlio César na Seleção. Pelo contrário, pela sua experiência e por suas atitudes após a eliminação, ele deve virar um dos líderes do Brasil. Seu reserva, Gomes, é irregular, mas também pode ser mantido caso siga em ótima fase no Tottenham.

Já Victor, que deveria ter ido à África do Sul, atualmente é o melhor entre todos da sua geração. Renan tem passagens por categorias de base da Seleção e deve se destacar em sua volta ao Inter. Já Cavalieri precisa sair do Liverpool se quiser voltar a ser lembrado. Entre os mais jovens que estes, nenhum mostrou ser diferenciado por enquanto.

Eu convocaria desde já: Júlio César e Victor

LATERAL-DIREITO
Estão prontos: Maicon e Daniel Alves
Precisam evoluir: Rafinha, Ilsinho e Jonathan
Olho nele: Rafael

Os dois laterais de 2010 têm qualidades indiscutíveis, mas terão 32 e 31 anos, respectivamente. Portanto, estudar uma nova solução seria útil. O problema é que Rafinha, Ilsinho e Jonathan, por questões diferentes, estão longe de convencer. Rafael, do Manchester United, parece ter mais futuro como jogador de Seleção Brasileira.

Eu convocaria desde já: Daniel Alves e Maicon

ZAGUEIRO
Estão prontos: Thiago Silva, Luisão, Miranda, Alex, Naldo e Alex Silva
Precisam evoluir: David Luiz, Mário Fernandes, Réver e Felipe Santana
Olho neles: Rafael Tolói, Dalton, Breno, Sidnei e Douglas

Os ótimos Lúcio e Juan vão sair de cena, mas a reposição para eles não deve ser um problema. Se quiser experiência e bom jogo aéreo, o técnico pode insistir em Luisão, que terá 33 anos em 2014. Além dele, também com passagens pela Seleção, existem outros 5 bons nomes, citados entre os que “estão prontos”.

Caso queira uma renovação ainda maior, o novo treinador também terá variedade de opções, com jogadores que ainda não vestiram a amarelinha, mas que merecem ser testados. Douglas, que foi importante no título do Twente e que já teve até sua naturalização especulada na Holanda, seria a melhor dessas apostas.

Eu convocaria desde já: Thiago Silva, Luisão, Miranda e Alex Silva

Luisão e Alex Silva
Luisão e Alex Silva – uma dupla de zagueiros irmãos deve funcionar. Entrosamento não faltaria.

LATERAL-ESQUERDO
Estão prontos: Filipe Luís e Marcelo
Precisam evoluir: André Santos, Adriano, Diego Renan e Carlinhos
Olho neles: Fábio e Gabriel Silva

O problema da falta de talentos na lateral-esquerda é grave no Brasil e precisa ser tratado com mais cuidado dessa vez. Não há nenhum talento excepcional e poucas promessas são realmente animadoras. Dentro desse cenário, é preciso confiar nos mais regulares e com maior experiência internacional, além de dar chances rápidas para possíveis revelações do futuro.

Eu convocaria desde já: Filipe Luís e Marcelo

VOLANTE
Estão prontos: Sandro, Ramires, Anderson e Hernanes
Precisam evoluir: Denílson, Lucas, Arouca, Elias, Thiago Motta e Dudu Cearense
Olho neles: Adílson, Jean, Willians, Rafael Carioca, Souza, Jucilei e Wesley

É uma das poucas posições em que Dunga convocou uma quantidade razoável de jovens jogadores. A base para o futuro está preparada, já que Sandro, Ramires, Anderson, Hernanes e Lucas participaram de amistosos ou jogos das Eliminatórias.

A principal dificuldade é achar o substituto ideal de Gilberto Silva. Porém, para a função de Felipe Melo, como 2º volante, não faltam opções que, aliás, já deveriam ter ido para a África do Sul.

Eu convocaria desde já: Sandro, Denílson, Ramires e Hernanes

MEIA
Estão prontos: Kaká, Diego e Elano
Precisam evoluir: Alex (ex-Inter), Diego Souza, Renato Augusto, Carlos Eduardo, Wagner, Thiago Neves, Jádson e Michel Bastos
Olho neles: Paulo Henrique Ganso, Phillipe Coutinho, Giuliano, Maylson, Willian, Oscar, Felipe Menezes e Bruno César

Aqui a renovação precisa ser grande. Kaká e Ganso têm tudo para formar a dupla ideal, mas ainda geram desconfiança, por problema físico ou por inexperiência. Caso esses fatores os atrapalhem, não será fácil achar novas opções. Entre os experientes, nenhum convence ainda. A grande (e única?) saída pode ser realmente apostar na juventude.

Eu convocaria desde já: Kaká, Ganso, Diego e Giuliano

Neymar e Ganso
Ok, agora eu convocaria Neymar e Ganso, mas ainda é preciso ter calma com os dois. Deixo a empolgação cega pros santistas…

2º ATACANTE
Estão prontos:
Robinho, Nilmar e Alexandre Pato
Precisam evoluir: Kléber, Vágner Love, Rafael Sóbis e Thiago Ribeiro
Olho neles: Neymar, Caio, Guilherme, Dentinho, Welliton, Taison, Maicon, Diogo, Wellington Silva e Alex Teixeira

Quatro se destacam aqui: Robinho, Nilmar, Alexandre Pato e Neymar. Os primeiros até corresponderam razoavelmente na Copa de 2010. Os outros dois já mostraram potencial e podem ser craques do futuro. Esses quatro têm uma concorrência formada por vários jovens, que vão ter dificuldades para entrar nessa briga, mas são boas opções que ainda podem melhorar com o tempo.

Eu convocaria desde já: Robinho e Neymar

CENTROAVANTE
Estão prontos:
Luis Fabiano, Fred e Diego Tardelli
Precisam evoluir: Adriano, Hulk e Jô
Olho neles: André e Keirrison

Essa posição pode virar o novo grande problema para o Brasil. O país de Careca, Romário e Ronaldo agora sofrerá sem um grande marcador de gols, já que Luis Fabiano e Adriano, com 33 e 32 anos, respectivamente, podem não chegar bem em 2014.

Também não é fácil apostar nas últimas revelações entre os centroavantes. André e Keirrison ainda parecem limitados. Talvez seja até o caso de acreditar que Nilmar ou Alexandre Pato podem fazer essa função. Mas eu optaria por insistir em quem conhece mais do ofício e pelo menos tem alguma experiência em Copas. Pelo menos enquanto não surgir um novo Careca, um novo Romário…

Eu convocaria desde já: Luis Fabiano e Fred

MEU TIME TITULAR DESDE JÁ: é preciso começar um novo projeto com muitas chances para novas apostas, mas elas precisam entrar aos poucos no onze inicial. Portanto, seria interessante escalar, a princípio, um time assim…

Júlio César; Maicon, Thiago Silva, Luisão, Filipe Luís; Sandro, Ramires, Ganso e Kaká; Robinho e Fred

Esqueci de alguém?

Com certeza ainda surgirão novos talentos, que sempre serão seguidos de perto aqui, principalmente pela seção “Olho Nele”.

No mais, o importante é notar que, apesar de alguns problemas e carências em determinadas posições, existem talentos suficientes para que o novo técnico da Seleção Brasileira conquiste o hexa em casa. Resta saber quem será esse “coitado”, mas isso é assunto pra outro post…

Read Full Post »

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o último time do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

Chelsea – Kaká (M-Real Madrid) – Tem sido criticado na Espanha, mas tem talento mais do que suficiente para se recuperar no futebol inglês.

Inter de Milão – Tévez (A-Manchester City) –  O argentino quer ficar, mas, se a Inter levá-lo, com certeza vai fazer um ataque super forte, com Eto’o, Milito e o próprio Carlitos.

Manchester City – Di María (M-Benfica) – Conseguiu um grande destaque no futebol português e é um dos principais jogadores da seleção argentina. O City não precisa tanto dele, mas sem dúvidas é uma ótima aposta.

Manchester United – Modric (V-Tottenham) – Já comentei aqui que o croata estava sendo esquecido mesmo com o bom futebol apresentado pelo Tottenham. Agora parece ter sido muito bem achado pelos Red Devils.

Milan – Fernando Torres (A-Liverpool) – El Niño já provou na Inglaterra que tem qualidade pra ser um dos principais centroavantes do mundo.

Milan – Ivanovic (Z-Chelsea) – Fez uma boa temporada na Inglaterra e reforçaria duas posições carentes do time italiano: a defesa e a lateral.

Real Madrid – Rooney (A-Manchester United) – É um dos melhores jogadores da atual temporada europeia e obviamente seria excelente para qualquer time.

TANTO FAZ…

Arsenal – Bojan (A-Barcelona) Ainda não me convenceu totalmente, mas pode ser uma boa opção ofensiva para completar o elenco do time inglês.

Arsenal – David Luiz (Z-Benfica) – O brasileiro tem impressionado na atual temporada, mas chegaria para ser reserva de Gallas e Vermaelen nos Gunners.

Juventus – Robinho (A-Santos) – Não creio que o atacante se daria bem no fuebol italiano, mas o reencontro com Diego poderia fazer com que ele surpreendesse.

Manchester United – Steven Defour (M-Standard Liege) – A princípio o meia seria só mais uma aposta de Ferguson, mas pode representar uma boa mudança no meio-campo do time.

Real Madrid – Alexandre Pato (A-Milan) – Mais um atacante não é o que o Real precisa, mas ele pode ser uma opção interessante na montagem do elenco.

Real Madrid – Evra (LE-Manchester United) Confiar em Marcelo seria uma opção melhor, mas, como o braisleiro joga no meio-campo às vezes, seria interessante não tem que improvisar o mediano Arbeloa na esquerda.

CAI FORA!

Arsenal – René Adler (G-Bayer Leverkusen) É bastante desncessário, já que o titular Almunia não tem ido mal.

Inter de Milão – Ballack (M-Chelsea) – Foi-se o tempo em que o meia alemão era realmente diferenciado. Agora seria só mais em um time que já tem boas opções para jogar na sua posição.

Manchester United – Lass Diarra (M-Real Madrid) Os Red Devils precisam renovar seus volantes, mas seria melhor fazer isso com jogadores mais técnicos e não só com marcadores.

Milan – Benzema (A-Real Madrid) – Não é um centroavante muito melhor que Boriello, e o Milan pecisa se preocupar mais com outras posições do elenco.

Milan – Máxi Lopez (A-Catania) – Realmente se destacou demais em seis meses pelo Catania, mas isso ainda é pouco para credenciá-lo para ser contratado por um dos maiores times da Europa.

Milan – Trezeguet (A-Juventus) Não serve nem pra Juventus mais. Por que seria útil para o Milan? Parece piada…

NÃO ENXERGAM?
 
Fletcher (V-Manchester United) – O volante evoluiu nos últimos pelo time inglês, que agora mostra disposição em negociá-lo, já que novos reforços devem chegar para essa posição.

Read Full Post »

Wayne Rooney foi o melhor jogador do mundo em janeiro, como comentado aqui. Mais do que isso: 2010 pode ser o ano dele, pois tudo que ele fez em fevereiro comprova isso. O mês acabou e mais uma vez sobraram lembranças de grandes atuações do atacante inglês.

Neste domingo, por exemplo, ele decidiu a final da Copa da Liga Inglesa com um gol de cabeça.  Só que o auge recente veio mesmo no importante jogo do Manchester United contra o Milan, pela Liga dos Campeões. Ainda dá pra citar também o jogo contra o West Ham, em que Rooney fez dois gols.

É claro que não foi só ele que brilhou no futebol em fevereiro. Ainda na Inglaterra, Didier Drogba teve uma ótima atuação contra o Arsenal, em um jogo de enorme importância na briga pelo título do Campeonato Inglês.

Cristiano Ronaldo chegou a ser chamado de “Deus” após o jogo contra o Villareal. Já pelo Barcelona, Lionel Messi foi quem desequilibrou, principalmente no duelo contra o Getafe. O argentino é o atual artilheiro do Campeonato Espanhol, junto com David Villa, e tem atropelado os números de Ronaldinho Gaúcho no time espanhol.

Aliás, na Itália, os melhores momentos vieram com Alexandre Pato e principalmente com Ronaldinho. O primeiro se destacou demais contra o Atalanta, no último domingo, enquanto o Gaúcho decidiu partidas contra Udinese e Bari, além de ter ido bem na Liga dos Campeões.

Só que tudo isso não supera o que Rooney tem feito pelo Manchester United. Março já começou e agora fica o desafio: será que alguém vai conseguir ter um mês melhor do que o impressionante atacante inglês? Concorrentes não faltam, como deu pra ver em fevereiro, mas a tarefa não é fácil.

Read Full Post »

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o time atual do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

Fiorentina – Nani (M-Manchester United) – Só fortaleceria ainda mais um time em alta e que pode surpreender mais se fizer boas contratações como essa.

Inter de Milão – Gerrard (M-Liverpool) – É a peça que falta para deixar o time mais preparado para grandes jogos e conquistas de títulos maiores.

Manchester City – Ibrahimovic (A-Barcelona) – Não sei como o sueco entraria no time, mas sempre há espaço para um grande talento como esse.

Real Madrid – Alexandre Pato (A-Milan) – Seria mais uma boa opção ofensiva do time, tanto para jogar centralizado como mais aberto pela direita.

Real Madrid – Fàbregas (M-Arsenal) – Teria que jogar mais recuado e brilharia menos do que no Arsenal, mas com certeza levaria o time para outro nível.

Real Madrid – Vidic (Z-Manchester United) – É um dos melhores zagueiros do mundo sem dúvidas, então seria ótimo para os merengues.

TANTO FAZ…

Arsenal – Higuaín (A-Real Madrid) – Enquanto Van Persie está lesionado, ele joga. Depois será mais difícil encaixá-lo e suas características não combinam com as do time.

Inter de Milão – Júlio Baptista (M-Roma) – Seria só uma opção interessante no banco de reservas de José Mourinho.

Inter de Milão – Kolarov (LE-Lazio) – O time precisa mesmo de um lateral como ele, mas ainda é uma aposta para um time grande como a Inter.

Liverpool – Maxi Rodriguez (M-Atlético de Madrid) – Não seria a solução do time, mas é um bom começo pra reformular o elenco.

Manchester United – Bruno Alves (Z-Porto) – Não é melhor do que os atuais titulares do time. Seria um bom reserva e só.

Milan – Cassano (A-Sampdoria) – Não dá pra contestar o seu futebol, mas é obrigatório desconfiar de seu temperamento explosivo.

Milan – Krasic (M-CSKA Moscou) – Tem se destacado na Rússia, mas jogar na Itália é diferente e seria arriscado acreditar que ele daria certo rapidamente.

CAI FORA!

Juventus – Ledesma
(V-Lazio) – O time realmente precisa de um volante, mas o argentino não é o nome ideal para melhorar a situação do time.

Juventus – Guti (V-Real Madrid) – Não é à toa que o espanhol tem tido poucas chances em um Real Madrid melhorado e com boas opções.

Liverpool – Van Nistelrooy (A-Real Madrid) – Praticamente não joga há muito tempo e o time precisa de soluções mais rápidas e confiáveis.

Manchester City – Verón (M-Estudiantes) – O veterano funciona bem na Argentina porque o time gira em torno dele. Isso seria diferente na Inglaterra, ainda mais em um time com tantas opções para sua posição.

Milan – Diamanti (A-West Ham) – Tem tido um bom começo de temporada realmente, mas ainda não está credenciado para voltar com moral ao futebol italiano.

NÃO ENXERGAM?

Aaron Lennon (M-Tottenham) – A velocidade e a habilidade do meia inglês poderia ser fundamental na maioria dos times europeus.

Read Full Post »

Header Eu sou

Prazer, eu sou o segundo melhor jogador jovem do futebol internacional atualmente. Pelo menos foi isso que mostrou a eleição do Golden Boy 2009, prêmio do jornal italiano “Tuttosport”, em que o Alexandre Pato saiu como vencedor. Aliás, apesar de ser montenegrino, é aqui na Itália que eu tenho brilhado na atual temporada, com a camisa da Fiorentina.

Tenho marcado gols, sempre com habilidade, inteligência e velocidade. Atuo como um meia-atacante e também facilito a vida do centroavante Gilardino quando me desloco pelas pontas para fazer assistências.

Tudo isso começou quando eu fui um dos destaques do Campeonato Europeu sub-17, em 2006. Com a camisa da antiga Sérvia e Montenegro, eu passei a chamar a atenção de vários times. Eu jogava no Partizan, também tive boas atuações durante a Copa UEFA 2007/2008, fui comprado pela Fiorentina por 8 milhões de euros e agora há quem diga que meu futuro é no Manchester United ou no Real Madrid.

Enquanto isso, no presente, prefiro pensar na campanha surpreendente que a Fiorentina tem feito e que ainda pode ir longe. O meu time superou os gigantes Lyon e Liverpool na fase de grupos, eliminando o time inglês da competição. É claro que eu tenho culpa por isso e espero ir ainda mais longe.

Prazer, eu sou Steven Jovetic
e é melhor você prestar atenção no meu futebol na Itália e principalmente na Liga dos Campeões.

Hoje a camisa é roxa. Amanhã pode ser vermelha. Ou branca...

Read Full Post »

Older Posts »