Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘arnaldo tirone’

“Quando surge o alviverde impotente…”. Era apenas uma piada infantil. Mas se tornou a melhor descrição da realidade palmeirense. Um clube imponente foi representado por um time impotente e broxou durante 36 rodadas nesta temporada. Caiu de divisão e caiu em dignidade, mas precisa entender: foi a melhor coisa que poderia acontecer. E não é difícil entender. Explico…

Palmeiras rebaixado/ Mauro Pimentel/ Terra

De Maurício Ramos a Maikon Leite, o torcedor palmeirense pode eleger muitos culpados pela queda. Mas na prática só há um grande culpado: Arnaldo Tirone é maior símbolo de incompetência do clube. Porque é preciso ser muito ruim para rebaixar um time como o Palmeiras, com orçamento, torcida e estrutura muito maiores que os adversários. É preciso ser péssimo para contratar Leandro Amaros e Luans, dar poder para Frizzos e Piracis, além de se omitir nos piores momentos.

Mesmo assim, se não houvesse rebaixamento, Tirone iria buscar a reeleição no Palmeiras. E talvez conseguisse, baseado no título mentiroso da Copa do Brasil e na política bagunçada do clube. Ele ficaria por mais dois anos e teria a máquina na mão para afundar de vez o Palmeiras. O clube continuaria com seu estatuto atrasado, com seus conselheiros retrógrados e com suas ideias antiquadas. Tudo no Palmeiras é antigo, inclusive a incompetência.

Por isso o time precisa de mudanças, que só podem começar pela presidência. As eleições estão marcadas para janeiro, data essa que já deveria ser antecipada. É preciso eleger já um novo nome, que deve ficar entre Paulo Nobre, Décio Perin e Wlademir Pescarmona. Pouco se conhece sobre eles, mas já fizeram algo de bom…

Na última sexta-feira, os três assinaram juntos uma carta na qual se comprometeram a fazer um “governo de transição”. Vão trabalhar juntos, desde já, para planejar o 2013 do Palmeiras. E, de acordo com PVC, pretendem manter Gilson Kleina. Creem que o treinador é a pessoal ideal para manter, tirar e indicar novos jogadores. Independente desta escolha, só o fato dos três terem se unido já mostra que uma mudança começou. O Palmeiras precisa de paz e união. Todas as confusões possíveis já aconteceram.

Por essas e outras que o rebaixamento pode ser tão importante para o Palmeiras.  Nem sempre cair é bom, concordo – tantos outros foram rebaixados, não aprenderam e continuam a repetir velhos vexames.  Mas o “alviverde imponente precisava disso para ter esperança de mudar. É possível fazer um novo velho Palmeiras, que não broche e honre sua história. Mas antes de se levantar, esse time precisava cair. O primeiro passo está dado. Comemore, Palmeiras!

Vinicíus caído/ Mauro Pimentel/ Terra

Depois de cair, é preciso mudar para se levantar

Read Full Post »

Um goleiro que falha em uma final do Mundial de Clubes não pode ser realmente bom. Um jogador que troca o Arsenal pela Série B brasileira não deve bater bem da cabeça. Um atleta que vence no futebol com honestidade, integridade e cárater simplesmente não existe. Um ídolo do Palmeiras jamais pode conquistar o respeito de boa parte dos corintianos.

Todas frases acima fazem sentido. Mas nenhuma delas é real quando falamos de São Marcos. Com ele tudo é possível. Dentro de campo ele fez milagres e se consagrou. Fora dele, foi uma exceção em um futebol cada vez mais sujo.

Pois nesta quarta-feira foi anunciada a aposentadoria de São Marcos. Com isso, acabou uma Era no Palmeiras. Um período de tempo com poucos títulos, mas com o mais importante deles: a Copa Libertadores de 1999, em que o melhor jogador da competição foi exatamente o milagreiro verde.

Desde então, os anos palmeirenses foram terríveis e tudo só piorou com a notícia desta quarta. Sem Marcos, o Palmeiras fica sem ídolo, sem identidade e com a sensação de que tudo sempre pode piorar. Se o ano passado foi ruim, não é difícil prever que 2012 será ainda pior. E não é só por causa da saída de Marcos, claro…

A falta de reforços, tão criticada pela torcida, é um dos problemas. Mas a eterna crise no Palestra Itália vai além. Passa pela comissão técnica, já que Felipão parece ser incapaz de fazer um grande trabalho; esbarra na falta de comunicação com a diretoria, que pode até ser resolvida em parte por César Sampaio; chega na diretoria e na presidência, cada vez mais omissa; e acaba no momento político, já que até Mustafá Contursi é especulado como possível sucessor de Arnaldo Tirone como presidente do clube.

Com tantos problemas, é difícil apostar que em campo os jogadores terão tranquilidade para fazer algo de bom. Como se não bastasse, parte da torcida ainda piorou tudo, com protestos e uma faixa homofóbica logo no primeiro dia de trabalho de 2012.

Tudo isso só ensina uma coisa: é importante demais que o torcedor reverencie a história e a carreira de São Marcos. Valorize seu passado, palmeirense. Pois o futuro será de sofrimento.

O Palmeiras tem muitos motivos para chorar

Read Full Post »