Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Benfica’

Eu sei que para alguns é inevitável. Para outros é tentador. Mas, para mim, discutir arbitragem de futebol é algo extremamente chato. Chato e inútil. Não vai mudar absolutamente nada e pouco vai acrescentar sobre qualquer análise de jogo. Por isso, depois da polêmica vitória do Barcelona contra o Milan, nesta terça-feira, prefiro me aprofundar no futebol das equipes que ainda estão vivas na Liga dos Campeões.

Muito além dos pênaltis, é preciso entender que o Barcelona mereceu a vitória no Camp Nou. Apesar do Milan ter provado, como eu já tinha escrito aqui, que realmente pode fazer confrontos equilibrados contra o melhor time do mundo, não foi dessa vez que tudo deu certo para o time italiano. Na verdade a goleada do Barça poderia ter sido ainda maior, com pênaltis ou sem eles.

Dito isso, é preciso olhar para o que o Barça tem feito na temporada: uma profunda renovação tem acontecido no time catalão. E não digo isso só por causa dos novos jogadores que têm ganhado espaço no elenco. Mas principalmente pelas mudanças táticas. O melhor time dos últimos anos, aquele que será lembrado por toda a história, tem passado por uma metamorfose e tem gente que prefere discutir arbitragem, se foi pênalti ou não, se estava impedido ou não, etc… Enfim, bola para frente.

O site "ZonalMarking.net" ilustrou bem o 3-3-4 do Barcelona contra o Milan

O site "ZonalMarking.net" ilustrou bem o 3-3-4 do Barcelona contra o Milan

A grande mudança do Barcelona é tática. Aos poucos, Guardiola tem aposentado o 4-3-3 e implementado um curioso esquema tático que pode ser chamado de 3-4-3 ou até 3-3-4. É “curioso” porque o forte dessa tática é a movimentação dos jogadores. O ala Daniel Alves parece mais um atacante. O atacante Messi por vezes busca a bola no meio-campo. O volante Busquets pode fechar como um zagueiro e refazer a linha de quatro defensores. O meia Fabregas costuma avançar como um atacante para finalizar. E por isso é tão difícil analisar o Barcelona. E por isso é tão difícil marcar o Barcelona.

Mas difícil não é impossível. Esse novo Barcelona também tem seus pontos fracos, tanto que está atrás do Real Madrid no Campeonato Espanhol. A formação com três zagueiros ainda não está bem alinhada. Além disso, dois times já mostraram algumas estratégias que podem funcionar: o Real mostra, a cada clássico, que pressionar a saída de bola do Barcelona é necessário. Nem que seja por 15, 20 ou 30 minutos. Já o Milan provou, em seus quatro jogos nesta Liga dos Campeões, que o contra-ataque é fundamental. Pois só assim é possível encontrar o Barcelona desarmado, mal posicionado e vulnerável.

Além disso, é preciso lembrar que do outro lado da chave da Liga dos Campeões existem Real Madrid e Bayern de Munique. São times que farão um grande confronto na semifinal e depois podem sim ganhar do Barcelona na decisão – não acredito que Chelsea ou Benfica conseguirão parar o Barça. E é isso que precisa ser valorizado: os grandes jogos, os grandes confrontos e os grandes times. As péssimas arbitragens eu deixo de lado…

Anúncios

Read Full Post »

Chegou a hora da verdade: acabou a fase de grupo da Liga dos Campeões, o mata-mata vai começar e eu terei que dar a cara para bater. Isso porque, antes da competição começar, fiz meus palpites de quem se classificaria em cada chave. Agora é preciso conferir para ver o quanto acertei ou errei nas análises.

Foi umas das “Champions” mais surpreendentes dos últimos anos. Manchester United, Porto e Shakhtar Donetsk foram algumas vítimas dessas zebras, que me deixaram com 11 acertos e 5 erros nos palpites. Não é um número ruim, mas definitivamente não sirvo para Mãe Dinah.

Por isso aproveito para também traçar um panorama de como está o futebol europeu, já que neste semestre o Brasileirão acabou ganhando mais espaço e no próximo com certeza a Liga dos Campeões merecerá mais destaque. Confira tudo abaixo:

GRUPO A
MEU PALPITE: Bayern de Munique e Manchester City
RESULTADO: Bayern de Munique e Napoli

O City não conseguiu repetir na Liga o bom futebol que tem mostrado no Campeonato Inglês, então mereceu ser eliminado, mas seria interessante vê-lo na próxima fase.

Já Bayern e Napoli têm tudo para fazer bonito no mata-mata, principalmente o time alemão, que tem se consolidado como um dos três melhores times da Europa atualmente.

GRUPO B
MEU PALPITE: Inter de Milão e CSKA Moscou
RESULTADO: Inter de Milão e CSKA Moscou

Já neste grupo ninguém apresentou um bom futebol. A Inter se perdeu no começo da temporada, trocou de técnico e até agora ainda sofre para se arrumar. Tem potencial de crescimento, mas não dá para apostar nela.

O CSKA se classificou no sufoco e não mostrou que pode ser uma surpresa na temporada. Não é sequer o melhor time russo na Liga, já que prefiro o futebol apresentado pelo Zenit até agora.

GRUPO C
MEU PALPITE: Manchester United e Benfica
RESULTADO: Benfica e Basel

Foi o resultado mais surpreendente até agora, sem dúvidas. Alex Ferguson pagou por brincar demais nos primeiros jogos e também pela renovação no time. O United até contratou bem, mas perdeu seu padrão e agora terá que ir para a Liga Europa.

Entre os classificados do grupo, o Benfica é o melhor, claro, mas o Basel mostrou alguma qualidade também. Ambos ainda podem se classificar para as quartas de final, dependendo da sorte no sorteio.

GRUPO D
MEU PALPITE: Real Madrid e Lyon
RESULTADO: Real Madrid e Lyon

Impressionante a campanha do time de José Mourinho. Com 100% de aproveitamento, tem mostrado na Liga e no Campeonato Espanhol que está pronto para encarar qualquer time, até mesmo o Barcelona. Uma final entre os dois nesta Liga seria histórica.

Já o Lyon não assusta. Preferia até que o Ajax passasse, pois tem um time com mais potencial para crescer. Mas uma goleada estranha do time francês acabou selando a eliminação da equipe holandesa…

GRUPO E
MEU PALPITE: Chelsea e Bayer Leverkusen
RESULTADO: Chelsea e Bayer Leverkusen

O time de André Villas-Boas demorou para se encontrar na temporada e ainda nem dá para dizer que isso aconteceu. Apesar da classificação em primeiro lugar, o Chelsea ainda precisa achar sua melhor formação do meio pra frente. Não dá para depender de Drogba sempre.

Quando apostei no Bayer Leverkusen, disse que o time tinha tudo para evoluir ao longo da temporada. Isso tem acontecido de fato, mas por enquanto ainda é pouco para que ele possa surpreender de verdade na Liga.

GRUPO F
MEU PALPITE: Arsenal e Borussia Dortmund
RESULTADO: Arsenal e Olympique de Marselha

O Borussia Dortmund sentiu o peso da Liga e decepcionou demais nesta chave. Já Arsenal e Olympique cresceram durante o semestre e por isso se classificaram para a próxima fase.

Porém, tanto o time inglês como o francês ainda não passam confiança suficiente de que podem ir longe. Com tantas surpresas nos outros grupos, eles precisam torcer para que tenham sorte no sorteio.

GRUPO G
MEU PALPITE: Porto e Shakhtar Donetsk
RESULTADO: Zenit e Apoel

“Surpreendente” é pouco para definir o que aconteceu nessa chave. Com um time cheio de brasileiros, o cipriota Apoel foi o primeiro a se classificar. Depois, a equipe russa ainda acabou com as chances do irregular Porto.

Agora todos querem ter a sorte de enfrentá-los na próxima fase, mas eu ainda fugiria do Zenit, que pode surpreender muito time mediano nessa competição.

GRUPO H
MEU PALPITE: Barcelona e Milan
RESULTADO: Barcelona e Milan

Não tinha como fugir do óbvio. Mesmo com todas tranformações pelas quais o Barça tem passado, ainda trata-se de um time poderoso demais e grande favorito ao título.

Já o Milan só tem crescido. Conseguiu encarar o Barça de frente em dois jogos e está com um elenco cada vez melhor. Ao lado do Bayern de Munique, é um dos poucos que pode tirar esse título europeu dos times espanhóis.

Read Full Post »

Começa nesta terça a Liga dos Campeões da Europa, a maior competição de clubes do mundo. Como já comentado aqui, a competição começa com três grandes favoritos, times que estão um nível acima dos demais: Barcelona, Manchester United e Real Madrid.

Barça x United

Barça e United: eu não me incomodaria ter os dois na final de novo

Mas é claro que um campeonato tão grande não se resume a isso. Existem vários outros times em franca evolução que devem chegar prontos na reta final da temporada europeia. Por isso é necessário fazer uma análise mais profunda.

Seguem abaixo os comentários, grupo por grupo, e também os palpites, que serão conferidos no final da fase de grupos:

GRUPO A
Bayern de Munique, Villarreal, Manchester City, Napoli

Não é um grupo da morte, como alguns chamaram, mas é a chave mais difícil. Mesmo assim, é improvável que as vagas não fiquem com Bayern e City.O time alemão melhorou sua defesa e continuou com um dos melhores ataques da Europa. Já o “novo rico” inglês fez contratações pontuais e segue em evolução desde a temporada passada.

Villareal e principalmente o Napoli tem times perigosos, principalmente por causa dos seus ataques. Teriam tudo para se classificar em outros grupos. Mas deram azar.

PALPITE: Bayern e City

GRUPO B
Inter de Milão, CSKA Moscou, Lille, Trabzonspor

Depois do estrago feito na última temporada, a Inter, com técnico novo, ainda precisa se reinventar. Mas ganhou tempo para isso, já que caiu em um grupo tranquilo, em que vai conseguir a classificação sem grande esforço.

A grande briga dessa chave vai acontecer entre Lille e CSKA. O atual campeão francês teoricamente até tem um time melhor, mas vou apostar em uma surpresa russa aqui.

PALPITE: Inter e CSKA

GRUPO C
Manchester United, Benfica, Basel, Otelul Galati

O grande time de Alex Ferguson deve sobrar e dar show nesse grupo. E a segunda vaga também não será de difícil definição. Apesar de ainda não me convencer, o Benfica se reforçou bem e não deve ser surpreendido pelo Basel. Já o campeão romeno Otelul.. nem o próprio time deve acreditar na classificação.

PALPITE: Manchester United e Benfica

GRUPO D
Real Madrid, Lyon, Ajax, Dínamo Zagreb

Mesmo sem grandes reforços, aposto que o Real Madrid vai evoluir de vez nessa temporada. As dificuldades para o time de Mourinho só começarão a surgir mais pra frente. Por enquanto será fácil se classificar.

Cristiano Ronaldo

Cristiano Ronaldo, agora vai?

Difícil de verdade será o Ajax ou Dínamo surpreenderem o Lyon. O time francês, apesar de ter perdido jogadores importantes recentemente, ainda tem uma base forte que deve ser suficiente para a classificação.

PALPITE: Real e Lyon

GRUPO E
Chelsea, Valencia, Bayer Leverkusen, Genk

Os “Blues” ainda são uma incógnita na temporada, já que estão com técnico novo, reforços e muita indefinição. Mas há potencial suficiente para se classificar nesse grupo, mesmo que Valencia e Bayer Leverkusen incomodem bastante, o que deve acontecer.

Aliás, o vice-campeão alemão é minha aposta nessa chave. Apesar de ter trocado de técnico, foi bem ao trazer o jovem Schürrle e o time todo deve evoluir ao longo da temporada.

PALPITE: Chelsea e Leverkusen

GRUPO F
Arsenal, Olympique de Marselha, Olympiacos, Borussia Dortmund

É o único grupo em que o cabeça de chave, Arsenal, tem grandes chances de não se classificar. Afinal, os “Gunners”, que já não mostravam poder de fogo na Liga, perderam jogadores importantes e não souberam buscar reposições. Mas ainda faltam dois times para desbancar o Arsenal no grupo…

Um deles seria o Dortmund, que foi campeão alemão, mas não começou bem nesta temporada e não parece ter força para surpreender mais. Já o Marselha e o Olympiacos estão em um nível ainda inferior. Portanto…

PALPITE: Arsenal e Dortmund

GRUPO G
Porto, Shakhtar Donetsk, Zenit, Apoel

Porto e Shakhtar foram duas grande suspresas da temporada passada na Europa. Apesar do time português ter perdido Falcao, continua forte e a grande questão no grupo agora é: o Zenit pode realmente incomodar essa dupla?

Os atuais campeões russos formam um time interessante e a tendência é que realmente dê trabalho. Mas classificar para próxima fase ainda parece muito para eles.

PALPITE: Porto e Shakhtar

GRUPO H
Barcelona, Milan, BATE Borisov, Viktoria Plzen

É um dos grupos mais definidos da história. O Barça é o melhor time do mundo e o Milan talvez seja a quarta força europeia atualmente. Há pouco para comentar aqui e quem apostar em surpresas é louco. No mínimo.

PALPITE: Barcelona e Milan

Read Full Post »

A janela de contratações internacionais foi fechada nesta quarta-feira para os times brasileiros. A oportunidade de buscar bons reforços fora do país acabou e nem foi tão bem aproveitada por vários clubes.

Mas houve quem se mexeu bastante e conseguiu peças importantes para a disputa do segundo semestre. As dez melhores contratações internacionais para a reta final do Brasileirão foram…

10º) André (Bordeaux-Atlético-MG)
É um jogador supervalorizado, principalmente por causa das convocações para a Seleção Brasileira, quando Mano Menezes se importava mais com o projeto olímpico do que com o seu emprego.

Ele não é tudo que pintaram, mas pode sim fazer uma dupla perigosa com Guilherme. O problema é que o Atlético-MG não tem um time tão forte para abastecer essa parceria.

André

André pode dar certo mesmo sem Neymar e Ganso?

9º) Iván Piris (Cerro Porteño-São Paulo)
Jean quebrava bem o galho na lateral-direita, mas o São Paulo ainda precisava de um jogador de origem para a posição.

É preciso ter cautela com Piris, afinal ele ainda corre o risco de não se adaptar. Mas trata-se de um jogador de qualidade, com características mais defensivas, mas que pode ser muito útil para reforçar o elenco do São Paulo.

8º) Cícero (Wolfsburg-São Paulo)
É um jogador versátil, que sabe chegar no ataque, mas também costuma voltar bem para a marcação. Tudo isso pode ajudar para que Cícero logo se torne importante no São Paulo.

O problema é a forte concorrência. O jovem Casemiro, por exemplo, tem características parecidas. Na armação de jogadas a disputa com Rivaldo e Lucas é complicada. Mas Adilson Batista conhece o jogador e saberá usá-lo.

7º) Renato (Sevilla-Botafogo)
Não é a solução do Botafogo, como chegou a ser propagado em General Severiano. Mas é um volante bastante interessante, já que pode até ajudar o time na armação de jogadas.

A experiência de Renato também se tornará fundamental, já que o Botafogo, com seus jovens talentosos, como Elkeson e Lucas Zen, tem mostrado bastante irregularidade no Brasileirão.

6º) Denílson (Arsenal-São Paulo)
Teve apenas uma temporada realmente brilhante no Arsenal, mas sempre foi um volante seguro, que sabe fazer o simples com ou sem a bola.

É preciso que o torcedor saiba que ele não vai fazer a diferença. Mas junto com os bons volantes do São Paulo ele pode ajudar bastante a proteger uma defesa que ainda dá sinais de insegurança.

5º) Ibson (Spartak-Santos)
O único problema dessa contratação é o preço: 9 milhões de reais por um jogador que talvez nem seja titular imediatamente é um exagero.

Porém, com a saída de Ganso em breve, Ibson deve se tornar fundamental para o Santos, já que é um meio-campista de bom passe e experiente.

Ibson

A camisa 10 deve ser de Ibson em um futuro não tão distante

4º) Juninho Pernambucano (Al Gharafa-Vasco)
Ele não vai poder jogar sempre e sequer será tão letal quanto foi na sua estreia, mas certamente vai trazer algo de especial para o Vasco.

Além da ajuda em campo, com cobranças de faltas e muita raça, é uma grande contratação simbólica. Afinal, ter um ídolo em um time é sempre importante.

3º) Henrique (Racing-Palmeiras)
Surgiu tão bem no próprio Palmeiras que fica difícil entender porque ele não deu certo na Europa. Poderia ter sido melhor aproveitado até no próprio Barcelona…

Porém, com o sistema defensivo forte que Felipão já montou no Palmeiras, Henrique deve sobrar. Tem potencial para ser um dos melhores zagueiros do Brasileirão.

2º) Aírton (Benfica-Flamengo)
A dupla de volantes que ele tem feito com Williams já se tornou uma das melhores do Brasileirão, principalmente pelo grande poder de desarme deles.

É tudo que o Flamengo precisava para acertar melhor sua defesa e se firmar como um dos candidatos ao título do Brasileirão.

1º) Alex (Spartak-Corinthians)
Deu azar por ter chegado logo no momento em que Danilo cresceu de produção demais. Fora de posição, Alex será pouco útil.

Porém, Danilo deve cair de produção quando os jogos no meio de semana acontecerem com mais frequência. E é nesse momento que Alex pode ser decisivo para o Corinthians.

Read Full Post »

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o último time do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

Barcelona – Giuseppe Rossi (A-Villareal) – Caso confirmada, pode ser a grande contratação da temporada. O italiano é perigoso demais e se encaixaria bem no Barcelona, no lugar de Pedro, por exemplo.

Barcelona – Thiago Silva (Z-Milan) – Se hoje o Barça já parece imbatível, imagine com uma zaga formada por Piqué e o brasileiro do Milan.

Liverpool – Clichy (LE-Arsenal) – A letral-esquerda foi um dos grandes problemas dos ‘Reds’ na temporada, mas com Clichy isso se resolveria.

Manchester City – Cristiano Ronaldo (A-Real Madrid) – Duvido que vá acontecer, mas é divertido imaginar como seria. Com certeza essa contratação colocaria o City no topo dos times europeus.

Real Madrid – Agüero (A-Atlético de Madri) – É um atacante matador que participa bem do jogo, então traria um diferencial para o Real de hoje, que fica mais congelado com Higuaín ou Benzema.

Real Madrid – Maicon (LD-Inter de Milão) – Mourinho sabe tirar o melhor do brasileiro, que liberaria Sergio Ramos para jogar como zagueiro, fazendo o Real ter uma das melhores defesas do mundo.

Real Madrid – Pastore (M-Palermo) – Não seria fácil encaixá-lo, mas já mostrou que tem bola para se destacar entre os principais times europeus.

TANTO FAZ…

Chelsea – Luka Modric (M-Tottenham) – Provavelmente vai chegar e já jogar bem, mas não é exatamente o que o time precisa.

Juventus – Vucinic (A-Roma) – Os atacantes da Juve realmente não convencem, então é preciso trazer outra opção. Mas é arriscado pensar em Vucinic como solução.

Juventus – Lass Diarra (V-Real Madrid) – Pode até ser o volante mais marcador que a Juve precisa, mas não vai fazer tanta diferença para a força da equipe.

Manchester United – Ashley Young (MA-Aston Villa) – Preferia que os ‘Red Devils’ contratassem alguém de mais peso para a função, mas Young tem chances de dar certo.

Manchester United – Kagawa (M-Borussia Dortmund) – Não é de hoje que o time precisa de um armador, mas ainda é cedo para dizer que o japonês daria conta do recado.

Milan – Eriksen (M-Ajax) – Ainda é muito jovem e precisa mostrar mais futebol, mas é interessante para a renovação gradual que o Milan tem feito em seu elenco.

Milan – Keita (V-Barcelona) – É um volante de qualidade, mas o Milan já tem outros jogadores parecidos em seu elenco.

Real Madrid – Fábio Coentrão (LE-Benfica) – Com a temporada que Marcelo fez, não entendo porque o Real faria essa contratação. Mas o português sabe jogar, tem qualidades.

CAI FORA!

Bayern de Munique – Boateng (LE-Manchester City) – Com Lahm e Rafinha, ele só seria reserva para as laterais. Pode jogar também como zagueiro, mas os bávaros poderiam trazer jogadores melhores para a posição.

Liverpool – Doni (G-Roma) – O time precisa mesmo de alguém que faça sombra para Reina, mas o brasileiro não conseguiria isso.

Manchester City – Vucinic (A-Roma) – Além do montenegrino não ter tanta qualidade, como já dito, o time não precisa de mais um atacante desse tipo.

Real Madrid – Felipe Melo (V-Juventus) – Prefiro não imaginar como seria Pepe e Felipe Melo no mesmo time.

Roma – Bojan Krkic (A-Barcelona) – O atacante é uma das poucas decepções das categorias de base do Barça. Não dá pra confiar que ele é melhor do que Borriello, por exemplo.

NÃO ENXERGAM?

Freddy Guarín (M-Porto) – Entre tantos destaques da grande temporada do Porto, ele quase passou desapercebido. Mas na verdade tem um futebol técnico e que poderia ser muito útil em times grandes da Europa.

Veja também:

Read Full Post »

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o último time do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

Barcelona – David Silva (M-Manchester City) – O meia já é naturalmente adaptado ao futebol espanhol e o Barça precisa mesmo de mais opções para jogar pelas pontas.

Chelsea – Sneijder (M-Inter de Milão) – Não há equipe no mundo que possa desprezar o holandês atualmente. E no Chelsea ele poderia organizar ainda melhor o meio-campo do time.

Chelsea – Srna (LD-Shakhtar Donetsk) – É um jogador que sabe bater na bola e certamente seria uma opção melhor do que Ivanovic ou Bosingwa, por exemplo.

Inter de Milão – Messi (A-Barcelona) – É um boato que parece absurdo, mas seria realmente interessante ver o argentino jogar na Itália, país que tem a tradição de contar com os melhores defensores do mundo.

Juventus – Cassano (A-Sampdoria) – Está mais calmo e traria a habilidade e a velocidade que o time precisa no ataque para ficar mais encorpado na disputa do Campeonato Italiano.

Lazio – Miranda (Z-São Paulo) – Um dos melhores zagueiros do Brasil reencontraria seus ex-companheiros André Dias e Hernanes, certamente se sentiria em casa e levaria a Lazio para outro patamar no Campeonato Italiano.

Liverpool – Fábio Coentrão (LE-Benfica) – Não seria a solução dos problemas imensos do Liverpool, mas poderia virar uma arma mais eficiente para as jogadas laterais do time.

Manchester City – Daniel Alves (LD-Barcelona) – Poucos laterais são comparáveis ao brasileiro em sua posição atualmente e ele colocaria Micah Richards no banco facilmente.

Manchester United – Gareth Bale (LE-Tottenham) – Os Red Devils já tem Evra para a lateral, então Bale poderia virar uma ótima opção para jogar mais avançado, como faz de vez em quando no Tottenham.

Manchester United – Schweinsteiger (V-Bayern de Munique) – É um time que já tem bons volantes, mas nenhum com as características e com a fase tão boa quanto a do alemão. Seria um diferencial para a equipe, com certeza.

Manchester United – Ribéry (M-Bayern de Munique) – Caso essa contratação se confirmasse, finalmente Alex Ferguson teria um substituto à altura para Cristiano Ronaldo, com mais de um ano de atraso.

TANTO FAZ…

Inter de Milão – Jucilei (V-Corinthians) -Não chegaria para ser titular, mas teria tudo para virar um bom reserva e ganhar seu espaço no time aos poucos.

Juventus – Glen Johnson (LD-Liverpool) – Já esteve melhor, mas é um jogador com mais qualidade do que Marco Motta ou qualquer outro atleta que a Vecchia Signora tenha para a posição.

Juventus – Luís Fabiano (A-Sevilla) – Parece estar em franca decadência, mas sempre mostrou ter mais talento do que vários centroavantes que estão no elenco do time de Turim.

Manchester United – Hulk (A-Porto) – Berbatov tem dado conta da missão de ser o centroavante do time, mas é limitado e seria razoável a contratação do brasileiro para fazer sombra ao búlgaro.

Manchester United – Luka Modric (V-Tottenham) – Não aposto que ele conseguiria facilmente seu espaço no time, mas pode ser um jogador com características interessantes e que abriria um leque maior de opções para o time.

Milan – Luis Suárez (A-Ajax) – É versátil e goleador, mas a equipe rossonera já tem opções demais no ataque e vagas de menos. Seria difícil encaixá-lo.

CAI FORA!

Chelsea – Pepe (Z-Real Madrid) – É um zagueiro caro e que viria para ser reserva, pois não é melhor do que Alex e nem Terry.

Juventus – Bojan Krkic (A-Barcelona) – O jovem atacante até agora não correspondeu às expectativas criadas sobre ele nas categorias de base do Barcelona e não creio que ele teria um sucesso maior no futebol italiano. Não tem características para isso.

Lazio – Thiago Heleno (Z-Corinthians) – Só pode ser brincadeira de mal gosto de alguém empresário querendo promover um zagueiro que foi um enorme fracasso no Corinthians até agora.

Liverpool – Kerzakhov (A-Zenit) – É melhor manter o fraquíssimo N’Gog como reserva do ataque do Liverpool do que investir em um jogador tão limitado e bom apenas para o futebol russo mesmo.

Liverpool – Royston Drenthe (LE-Hércules) – Mostrou no Real Madrid que marca mal para ser lateral e é  pouco talentoso para jogar mais avançado. O Liverpool precisa de soluções mais convincentes.

Milan – Funes Mori (A-River Plate) – É um atacante com características interessantes, mas surgiu há pouco tempo e ainda precisa ser melhor observado. o Milan não precisa ter toda essa pressa, pois já tem boas opções ofensivas.

NÃO ENXERGAM?

Júlio Baptista (M-Roma) – Não é um jogador em boa fase, mas já teve seus grandes momentos na Europa e pode voltar a brilhar caso vá para um ambiente mais confiável e atue mais vezes em sua posição.

Read Full Post »

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o último time do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

Arsenal – Stekelenburg (G-Ajax) – É mais um goleiro que os Gunners precisam realmente tentar contratar para o lugar de Almunia. Mas a concorrência está grande…

Barcelona – Tévez (A-Manchester City) – É um jogador excelente que só precisa de um time melhor arrumado, como o Barça, para estourar de vez.

Inter de Milão – Schweinsteiger (V-Bayern de Munique) – O volante poderia melhorar ainda mais a saída de bola da Inter de Milão, algo realmente necessário no time italiano.

Juventus – Fernando Torres (A-Liverpool) – Está insatisfeito na Inglaterra e é um dos melhores do mundo entre os centroavantes, posição na qual a Juve realmente precisa de reforços. Ou seja, seria ótimo para todos.

Manchester City – Alexandre Pato (A-Milan) – Faria uma dupla de ataque infernal com Tévez, já que ambos são versáteis e sabem jogar tanto dentro quanto fora da área.

Manchester United – Michel Bastos (M-Lyon) – Seria uma boa opção para as jogadas pelas laterais, que sentem falta de Valencia, gravemente lesionado.

Milan – Fábio Coentrão (LE-Benfica) – Foi um dos melhores laterais-esquerdos da Copa de 2010 e merece esse chance em um time grande da Europa.

Real Madrid – Rooney (A-Manchester United) – É um dos melhores atacantes do mundo, então é claro que cairia como luva no time em que ele se reencontraria com Cristiano Ronaldo, repetindo uma dupla que impressionou em 2008.

TANTO FAZ…

Inter de Milão – Rodrigo Palacio (A-Genoa) – Faz funções interessantes em campo, mas seria no máximo um reserva útil.

Inter de Milão – Xabi Alonso (V-Real Madrid) – É bom jogador e conta com a confiança do técnico da Inter, mas é semelhante a opções que o time já tem.

Juventus – Adebayor (A-Manchester City) – Mudaria muito pouco em comparação com as opções que a Juve já tem em seu elenco atualmente.

Manchester United – Gourcuff (M-Lyon) – Não acho que ele tem condições de chegar, ser titular e resolver, mas tem características do jogador que o time está precisando. Então pode dar certo.

Real Madrid – Nilmar (A-Villareal) – O time já tem atacantes demais e, mesmo que eles não estejam em grande fase, não seria fácil para o brasileiro se firmar.

CAI FORA!

Barcelona – Denílson (V-Arsenal) – Seu estilo de jogo não combina perfeitamente com o do Barça e, além disso, a recente chegada de Mascherano complicaria sua briga pelo titularidade no time espanhol.

Barcelona – Pepe (Z-Real Madrid) – Nunca me convenceu de que é tudo o que comentam sobre ele no futebol espanhol. Esse não me engana: é atrapalhado e estabanado mesmo!

Juventus – Maxi López (A-Catania) – Costumar ter curtas fases boas, mas na verdade a Juve precisa de um atacante que resolva com mais regularidade.

Liverpool – Kiessling (A-Bayer Leverkusen) – Até é um bom jogador, mas não seria um substituto à altura de Fernando Torres, que está cada vez mais fora do Liverpool.

Liverpool – Muntari (V-Inter de Milão) – Não gosto do futebol do ganês e os Reds já têm opções melhores pra essa posição.

Manchester United – Benzema (A-Real Madrid) – Não faria muito diferente do que Berbatov tem feito no time.

Manchester United – Douglas Costa (M-Shakhtar Donetsk) – Ainda é uma aposta arriscada demais para o futuro. Ainda mais se for tratado como o “novo Cristiano Ronaldo”.

NÃO ENXERGAM?

Fernando Llorente(A-Athletic de Bilbao) – O grandalhão está em grande fase e poderia ir para times que precisam de centroavantes. Não faltam clubes nessa condição na Europa. Por enquanto ele só foi sutilmente cogitado no Real Madrid.

Read Full Post »

Older Posts »