Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Brasileirão 2007’

no fim do mundo header

Lembra dele? Revelado pelo Paraná, Thiago Neves já foi eleito, pela revista Placar, o melhor jogador do Campeonato Brasileiro de 2007. Além disso, marcou três gols em uma final de Copa Libertadores pelo Fluminense, em 2008, o que acabou ofuscado por ele ter desperdiçado uma cobrança na decisão por pênaltis.

Qual foi sua última aparição? Alguns recentes gols dele até foram lembrados por alguns veículos, mas sem grande destaque. Então a última lembrança mesmo é de quando ele fez de tudo para ficar no Fluminense quando seu contrato de empréstimo já estava perto do fim.

A negociação não deu certo e ele viajou para fora do Brasil, após fazer sua despedida no dia  28 de junho de 2009, em um Fla-Flu que terminou 0 a 0.

Thiago Neves saiu do Flu em junho e pôde fazer uma pré-temporada tranquila na Arábia Saudita, o que tem gerado os bons resultados recentes

Thiago Neves saiu do Flu em julho para fazer uma pré-temporada tranquila na Arábia

Onde é o fim do Mundo? Thiago foi sumir no Al Hilal, localizado na cidade de Riyadh, na Arábia Saudita. É um clube que já foi 11 vezes campeão nacional e 2 vezes campeão continental, mas não tem muitas glórias recentes.

Como está? O único brasileiro do Al Hilal vive uma grande fase. Com a camisa 7 do time árabe, ele tem jogado praticamente como um 2º atacante pelo lado esquerdo, como fez na Copa Libertadores de 2008.

Thiago chegou a passar por uma fase delicada na Árabia. Basta ver, por exemplo, que ele ficou sem balançar as redes até o final do mês passado. Agora ele já acumula 3 tentos que ajudaram a colocar seu time no topo da tabela e na briga pelo título do Campeonato Saudita.

Vai reaparecer? Ele tem contrato por 3 anos com o Al-Hilal e a sua boa fase deve atrapalhar uma negociação de empréstimo. Se voltar ao Brasil, isso só deve acontecer no meio de 2010, quando termina a temporada na Árabia Saudita.

Read Full Post »

no fim do mundo header

Caio estava em um ótimo momento no Palmeiras quando resolveu ir para o futebol alemão. Normal. O problema é que ele foi se “esconder” em um clube de pouca visibilidade, o Eintracht Frankfurt, no começo de 2008. Desde então ele pouco apareceu para os brasileiros.

Caio é um meia-atacante de talento interessante. Quando ainda jogava pelo Brasil, já mostrava qualidades, como uma ótima finalização, bons chutes de fora de área e uma força física realmente útil.

Muitas vezes o seu problema era apenas uma questão de maturidade, pois ele esquecia de ser objetivo e exagerava nos dribles. Mas quando ele pensava no gol era fatal: chegou a ser o artilheiro do Palmeiras em 2007.

Na Alemanha veio a maturidade e o sucesso não foi diferente: o  primeiro gol dele pelo Frankfurt, junto de uma bela atuação, renderam até comparações com Ballack e Raí. De acordo com o site da Bundesliga, ele seria um “mix” dos 2 jogadores. Um exagero que mostra como ele já foi bem visto por lá.

Caio chegou a decepcionar posteriormente. Perdeu espaço na equipe, que também não fez boa campanha nos recentes campeonatos nacionais. Entretanto, na nova temporada, o brasileiro fez um  gol, porém não evitou o empate contra o Nuremberg por 1 a 1 na 2ª rodada do Alemão.

Ele pode não ser um Raí. Nem um Ballack. Mas menos que isso já ajudaria muito o Frankfurt...

Ele pode não ser um Raí. Nem um Ballack. Mas mesmo assim ainda pode ajudar muito o Frankfurt...

Caio mostra que ainda precisa evoluir, amadurecer mais ainda, ser menos atrapalhado por lesões e mostrar mais regularidade. Além disso, seria interessante não se “esconder” tanto. Afinal, tem talento para, quem sabe, se destacar longe do fim do mundo.

Read Full Post »

no fim do mundo header

Depois de ser uma das peças mais importantes no título brasileiro do São Paulo em 2007, Leandro “Gianecchini” foi “se esconder” no Japão, mais precisamente no Verdy Tokyo.

Agora o atacante parece que vai reaparecer. O Grêmio está negociando para contar com o jogador para a reta final do Brasileirão 2009 e ainda enfrenta a concorrência de Fluminense e Santos.

Resta saber como chega esse Leandro atual e o que tem acontecido com ele durante esse um ano e meio que esteve do outro lado do mundo.

E as notícias são pouco animadoras: ele não chegou a passar por grandes momentos no Japão. Em um clube que não conquista um Campeonato Japonês há 15 anos, ele chegou até a jogar a Segunda Divisão por lá.

Mesmo tendo jogado mais perto do gol, no ataque mesmo, apenas 2 gols foram marcados por ele em 22 jogos oficiais disputados. O que também significa dizer que ele ficou muito tempo apenas na reserva do Verdy.

Outra situação ruim enfrentada por Leandro aconteceu recentemente, quando ele acusou um zagueiro do Ventforet Kofu, Arata Sugiyama, de atos de racismo. Ele teria mitado os trejeitos de um primata, balançando os braços, mas foi inocentado posteriormente por falta de provas.

Até o cabelo ficou pior no Japão. Reynaldo Gianecchini não deve ter aprovado a ideia do seu "sósia"

Até o cabelo ficou pior no Japão. Nem Reynaldo Gianecchini não deve ter aprovado a ideia do seu "sósia"

Deixando de lado todas essas más notícias, Leandro “Gianecchini” pode recuperar a boa fase e provar que é mesmo um bom reforço. Mas Grêmio, Flu ou Santos não poderão se empolgar tanto.

Read Full Post »