Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Campeonato Gaúcho’

Ufa! Finalmente acabaram os chatos e pouco úteis campeonatos estaduais. É hora de pensar no Brasileirão 2010, mas obviamente não é inteligente simplesmente ignorar o que aconteceu no futebol brasileiro até agora.

Os principais campeonatos que acabaram recentemente foram o Paulista, o Gaúcho e o Mineiro. É possível tirar algumas lições deles e foi isso que alguns comentaristas procuraram fazer. Analisemos…

Santos
Elogiar o Santos é totalmente desnecessário. Destacar as qualidades dos “Meninos da Vila” é fazer o óbvio. A maioria absoluta dos comentaristas preferiu seguir esse caminho após o título paulista do Peixe.

Já eu prefiro exaltar quem seguiu por outro caminho. Também houve quem preferiu enxergar mais além: apesar das ótimas qualidades do Santos, é preciso ter os pés no chão e enxergar que o time de Dorival Jr. precisa evoluir em vários aspectos para a disputa do Brasileirão 2010.

Sérgio Xavier e Cassiano Gobbet destacaram, por exemplo, os problemas defensivos do Peixe. O primeiro a comparou com uma peneira. Já o outro escreveu que “quando se defende, o Santos é um time de quinta divisão”. São 31 gols sofridos em 23 jogos. Nada normal.

Outras dificuldade do Santos é o desgaste físico, apontado por Paulo Calçade. De acordo com ele, isso gera uma “dificuldade para cumprir necessidades táticas”. Dessa forma, “o início de maio não registra o melhor Santos do ano”, como PVC comentou.

É preciso lembrar ainda que Robinho deve sair do time ainda no meio de 2010, sem falar das possibilidades de Ganso e Neymar serem negociados. Ou seja, o Santos merece ser apontado como favorito ao título do Brasileirão, mas está longe de ser o único nessa condição.

Grêmio
Como o tricolor gaúcho conseguiu uma evolução mais lenta que a do Santos, os elogios foram maiores para o time comandado por Silas. O técnico foi criticado e sua saída chegou a ser especulada, mas o título gaúcho veio e agora sobram comentários positivos sobre seu trabalho.

“Silas começa a dar seu jeito ao time da Azenha. Ainda que com percalços, como a derrota de hoje, o Grêmio exibe uma maior segurança – mostrada na vitória contra o Fluminense, pela Copa do Brasil. Recomenda-se atenção ao que os gremistas podem fazer”, alertou Felipe dos Santos Souza.

Lédio Carmona foi além: “(o Grêmio) esse ano está mais forte do que nunca. Todos os setores são fortes. É um dos melhores times em atividade no Brasil”, decretou.

Prefiro não discordar deles neste caso. Realmente o Grêmio se ajustou, conseguiu um ataque forte e um elenco razoável. Com a força que sempre tem nos jogos em casa, é um dos favoritos para o Brasileirão 2010 sim!

Atlético-MG
O caso do Galo se assemelha ao do Grêmio: o time tropeçou no começo do ano, mas Vanderlei Luxemburgo conseguiu fazer ajustes importantes com o passar do tempo e conquistou mais um título estadual.

No entanto, ao contrário do que li por aí, ainda acho que o Atlético-MG precisa de muitas melhorias. Não é um candidato ao título, mas, reforçado, briga por uma vaga na copa Libertadores.

Não é assim que Lédio Carmona pensa: “(O time) se não está pronto (e não está mesmo) está bem adiantado. O Atlético Mineiro está em condições de dar um bote, não só na Copa do Brasil, mas também no Brasileirão”, apontou.

Pois que comece logo a principal competição nacional e então veremos todas essas questões serem colocadas em prática de verdade. O que aconteceu até agora só serviu para aquecer. Agora é que tudo pegará fogo!

Anúncios

Read Full Post »

Não gosto de explicar tudo por questões táticas no futebol, mas o que aconteceu com o Inter recentemente pode me forçar a usar esse expediente.

Desde que chegou no Inter, Jorge Fossati implantou o 3-5-2 ou o 3-6-1. Nunca entendi essa opção e até o critiquei aqui no blog por isso.

Entretanto, nos últimos dois jogos, o cenário mudou: o Inter jogou em um 4-4-2 básico, como demonstra a imagem abaixo, feito por Eduardo Cecconi, em seu ótimo blog:

Resultado: seis gols marcados, nenhum sofrido, vida mais tranquila na Copa Libertadores e no Campeonato Gaúcho, além de uma estabilidade maior para o próprio técnico.

Insisto: é importante não simplificar tudo a uma questão tática. E é preciso ressaltar também que o futebol do Colorado nesses jogos vitoriosos não foi impressionante, longe disso.

Mas um ponto ficou bem claro: se quiser um time minimamente competitivo, é melhor Fossati escalar o Inter no 4-4-2. Caso contrário, cabeças irão rolar. E a primeira será a do uruguaio!

Read Full Post »

Lauro; Bolívar, Índio, Álvaro, Kleber; Sandro, Magrão, Guiñazu, D’Alessandro (Andrezinho); Taison e Nilmar

Este time acima é a base do Internacional em 2009, que garantiu o título gaúcho de 2009 com muita sobra.

De fato, sobram jogadores de qualidade e a campanha empolga. Tanto que pipocaram diversos comentários classificando este Inter como favorito para o Brasileirão 2009. Mas… será que dá pra dizer isso mesmo?

Claro que ninguém pode ser louco o bastante para levar em conta só uma campanha no estadual como parâmetro. Afinal, o nível é fraco demais.

É preciso ir além: desde observar as opções do banco de reservas até ver o desempenho na Copa do Brasil. Fazendo isto, digo que considero sim o Inter o principal time para o Brasileirão de 2009.

Mas há um ponto fraco muito grave: alguns dos principais jogadores colorados devem sair do time em breve. Guiñazu, Nilmar e até D’Alessandro já ameçaram esta despedida em outros momentos. Agora pode ser difícil evitar o pior.

E as consequências disso podem ser duras. Por mais que Giuliano, Andrezinho, Alecsandro e Walter sejam boas opções para substituí-los, é óbvio que o Inter perderá muita força.

Claro que todos times do Brasil correm este risco no meio do ano, mas no Inter o problema deve ser ainda maior.

Read Full Post »

UM CONTRA UM

 

 

 

Para os gremistas, apenas o que motiva é a rivalidade. Afinal, o foco do time está no jogo do meio da semana, pela Copa Libertadores.

Para os colorados, que já garantiram uma vaga na final do Gaúcho, a empolgação vem mais pela festa do centenário, comemorado neste sábado.

Mas quem está com um time melhor para este jogo? Veja abaixo as bases dos times que devem entrar em campo, a minha comparação e também tirem suas próprias conclusões:

GRÊMIO
Victor; Léo, Réver e Rafael Marques; Makelele, Adilson, Souza, Tcheco, Jadílson; Jonas e Herrera
– Desfalques: William Magrão, Alex Mineiro e Ruy

INTERNACIONAL
Lauro; Bolívar, Arílton, Índio, Kleber; Sandro, Magrão, Guiñazu, Andrezinho; Taison e Nilmar
– Desfalques: D’Alessandro é dúvida

Victor x Lauro
Victor – É muito mais regular
Grêmio 1 x 0 Inter

Makelele x Bolívar
Bolívar – Ruy pelo menos equilibraria mais o duelo
Grêmio 1 x 1 Inter

Réver x Índio
Índio – Boa briga, mas o colorado é mais experiente
Grêmio 1 x 2 Inter

Léo x Arílton
Léo – O tricolor é mais técnico e completo
Grêmio 2 x 2 Inter

Rafael Marques x Sandro
Sandro – Posições diferentes, mas o zagueiro gremista ainda não convence
Grêmio 2 x 3 Inter

Jadílson x Kleber
Kleber – Prefrência pela técnica em comparação com a velocidade
Grêmio 2 x 4 Inter

Adílson x Guiñazu
Guiñazu – Se o Willian Magrão jogasse, daria pra competir. Mas…
Grêmio 2 x 5 Inter

Tcheco x Magrão
Tcheco – O capitão tricolor comanda seu time
Grêmio 3 x 5 Inter

Souza x Andrezinho
Souza – Se o Inter entrar com D’Alessandro, a coisa muda aqui
Grêmio 4 x 5 Inter

Jonas x Taison
Taison – Fase excelente da revelação do Colorado
Grêmio 4 x 6 Inter

Nilmar x Herrera
Nilmar – Preciso argumentar?
Grêmio 4 x 7 Inter

O Inter venceu aqui no Opiniões em Campo.

Mas é claro que futebol não pode ser comparado assim. Ainda mais em um clássico como este, em que tudo pode acontecer. Isto é só uma brincadeira com algumas informações. Divirtam-se e opinem!

Read Full Post »