Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Ceará’

Não tem jeito: no período de férias do futebol brasileiro os boatos tomam conta do noticiário. Nas últimas duas semanas quase todos jogadores foram especulados em quase todos times.

Mas também é inevitável imaginar o que acontecerá se algumas dessas contratações realmente acontecerem. Por isso veja abaixo análises dos principais boatos que surgiram recentemente no futebol brasileiro…

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o último time do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

Botafogo – Andrezinho (M-Internacional) – É um jogador que precisa mudar de time, pois merece mais chances, uma posição mais destacada, uma grande sequência de jogos como titular, etc…

Corinthians – Willians (V-Flamengo) – Se estiver focado, consegue colocar Ralf na reserva facilmente e melhorar ainda mais o forte meio-campo corintiano.

Flamengo – Bolívar (Z-Internacional) – Apesar de ter feito uma fraca temporada no Sul, ele é experiente e ainda tem lenha para queimar.

Fluminense – Anderson (Z-Atlético-GO) – É um zagueiro experiente que fez bons trabalhos no Brasileirão, tanto pelo Ceará quanto pelo Atlético-GO.

Grêmio – Carlos Eduardo (MA-Rubin Kazan) – Foi prematuramente para a Europa e ainda assim conseguiu algum sucesso. Caso volte para o time que o revelou, tem tudo para reencontrar seu futebol de habilidade e velocidade.

Grêmio – Ederson (M-Lyon) – Interessante que o Grêmio saiba que precisa reforçar seu meio-campo. O meia do Lyon é bastante técnico, por isso traria um diferencial interessante para o time gaúcho.

Palmeiras – Giuliano (M-Dnipro) – Surgiu como um meia diferenciado, mas ainda precisa comprovar essa condição. Conseguir isso no sempre conturbado Palmeiras seria realmente um grande feito.

TANTO FAZ…

Botafogo – Jorge Wagner (M-Kashiwa Reysol) – Seria interessante vê-lo cruzar bolas para o bom cabeceador Loco Abreu, mas o Botafogo teria que mudar seu estilo de jogo para isso.

Corinthians – Gil (Z-Valenciennes) – Era útil no Cruzeiro e pode até ser titular no Corinthians, mas não é muito melhor que Castán, Paulo André, Chicão, etc…

Corinthians – Guilherme (V-Portuguesa) – Parece ser uma boa opção para o time paulista manter sua tradição de bons volantes. Só é difícil saber se ele dará conta da pressão de um time grande.

Cruzeiro – Osvaldo (A-Ceará) – Um atacante de velocidade é o que o Cruzeiro mais precisa. Resta saber se ele mostrará o mesmo bom futebol em um time maior. É bom desconfiar.

Fluminense – Thiago Neves (MA-Flamengo) – É claro que trata-se de um grande jogador, mas depois de tudo que aconteceu, parece absurdo o Flu ainda aceitá-lo de volta. A torcida não deve aceitar…

Vasco – Kleber (LE-Internacional) – É um bom nome, até porque o Vasco não tem ninguém para essa posição. Mas é preciso entender que ele piorou bastante nos últimos anos.

Vasco – Rodolfo (Z-Grêmio) – O Vasco precisa mesmo de um jogador para a posição. Quando surgiu no Fluminense, Rodolfo parecia ser um zagueiro de alto nível. Mas há tempos não comprova essa condição.

CAI FORA!

Botafogo – Tanaka (Z-Nagoya Grampus) – Seria folclórico e interessante, mas pouco útil. O brasileiro naturalizado japonês não é tão bom e ainda teria que se adaptar. Difícil dar certo.

Corinthians – Neto Coruja (V-Vitória) – É um jogador versátil, mas seria reserva e acrescentaria pouco ao elenco.

Flamengo – Rafa Márquez (Z-New York Red Bull) – A experiência dele não justifica. Trata-se de um defensor mediano que não joga em bom nível há muito tempo.

São Paulo – Edson Silva (Z-Figueirense) – É verdade que ele fez um bom Brasileirão, mas parece ser só mais um zagueiro comum que viveu boa fase.

NÃO ENXERGAM?

Roger Carvalho (Z-Figueirense) – Estão indo atrás do zagueiro errado do Figueirense. Roger é mais técnico e está de saída para a Europa. Um time brasileiro deveria tentar mantê-lo no país.

LEIA TAMBÉM

Read Full Post »

Não vou perder tempo palpitando sobre a briga pelo título. Já escrevi que aposto no Corinthians, mas isso só será resolvido nas últimas rodadas. E com tanto equilíbrio no Brasileirão 2011 é sacanagem e perda de tempo fazer qualquer comentarista palpitar sobre a disputa na parte de cima da tabela.

Mas o que me chama mais atenção nesse momento é a briga contra o rebaixamento. Especialmente por causa do Cruzeiro. Impressiona como o time mineiro caiu de produção durante o ano e, agora que está entre os quatro piores, dá sinais claros de que realmente vai cair. Às vezes parece até ser incompreensível como um time pode piorar tanto em tão pouco tempo. Mas na verdade sobram motivos e fatos para entender essa queda. Explico…

Em primeiro lugar, basta olhar para o time do Cruzeiro para entender por que a campanha tem sido tão ruim no Brasileirão. Afinal, o elenco foi superestimado depois de ter sido campeão mineiro e impressionado na Copa Libertadores. Porém, esse time, que já não era tão bom, foi desmontado. Gil, Henrique, Gilberto, Dudu e Thiago Ribeiro foram negociados. E Wallyson ainda se lesionou gravemente.

Aliás, o principal problema do time é o ataque. A defesa é fraca também, mas ter opções como Anselmo Ramon, Wellington Paulista, Bobô, Keirrison, Farías e Ortigoza é triste. Faltou ter alguém com mais velocidade e habilidade para fazer do Cruzeiro um time mais perigoso na frente.

Zezé Perrella, presidente do Cruzeiro

Senador Zezé Perrella, se o Cruzeiro cair, Vossa Excelência terá a maior parcela de culpa

Mas a análise dos problemas do Cruzeiro não pode ser tão superficial e parar apenas na análise do elenco. É preciso lembrar que o time ficou sem estádio em Belo Horizonte, problema que também fez o Atlético-MG sofrer. Além disso, a questão política, com o afastamento de Zezé Perrella para se dedicar à carreira política, com certeza atrapalhou demais.

Por fim, mas não menos importante, existe também a questão dos técnicos que passaram pelo Cruzeiro. Cuca foi prematuramente demitido, mas a chegada de Joel Santana trouxe algum alívio e tenho certeza que o time não cairia se ele estivesse no comando até agora. Vide o Bahia, que tem um time pior e está conseguindo fugir do rebaixamento aos poucos.

Depois de Joel, a aposta em Emerson Ávila foi absurda. Era evidente que não ia dar certo. Agora Vágner Mancini tenta recuperar o tempo perdido. Até gosto dele como técnico, mas não parece pronto para um desafio desse tamanho.

Com tudo isso, a situação ficou realmente perigosa para o Cruzeiro. Os três times acima dele na tabela, Atlético-MG, Bahia e Ceará estão em um momento melhor e parecem ter mais gás para fugir do rebaixamento. Eu até queria apostar que o Cruzeiro não vai cair, porque toda essa situação realmente surpreendeu, mas na verdade faltam motivos para acreditar nisso. E sobram razões para apostar na queda da Raposa…

Read Full Post »

O Campeonato Brasileiro de 2011 tem muitos pontos fortes. Tem craques de carreira consolidada. Tem jovens que despontam como estrelas para o futuro. Tem grandes e emocionantes jogos. Mas não tem algo que sempre teve: revelações. São poucos os jovens que fazem seu primeiro Brasileirão de destaque em 2011.

Entre os melhores jogadores do campeonato, há vários jovens, como Neymar, Lucas, Oscar, Elkeson, Dedé, Fágner, Mário Fernandes, Casemiro, Rômulo, etc… mas todos estes já tinham surgido antes, participado de outros Brasileirões e agora estão apenas consolidando o potencial que já tinham mostrado.

Portanto, são poucos aqueles que surgiram nesta temporada e mostraram talento. E vários deles, na verdade, já tinham disputado pelo menos uma Série B antes de se destacar no Brasileirão 2011, além de já terem uma idade razoavelmente elevada.

É um cenário que não chega preocupar por enquanto, mas que serve de alerta – a repetição disso pode indicar que as limitações do futebol brasileiro, que já são grandes atualmente, podem aumentar.

Mesmo assim, ainda é possível indicar algumas revelações que surgiram recentemente. Veja a lista com os onze melhores jovens que fazem em 2011 seu primeiro Brasileirão de destaque:

11º) Fernandão (Palmeiras) – 24 anos

Fernandão, do Palmeiras
Ele parece ruim, mas é útil

Fernandão começou a carreira tarde e até por isso só agora chegou a um time grande. Veio do Guarani para conseguir algo difícil: firmar-se como centroavante do Palmeiras, algo que muitos tentaram durante o último século, mas praticamente ninguém conseguiu.

Alto, forte e bom finalizador, ele também é um tanto desajeitado e atrapalhado com a bola. Mas costuma dar trabalho para qualquer defesa e por isso Felipão tem o escalado como titular. Seu grande momento foi logo na estreia, com um belo gol no clássico contra o Corinthians.

10º) Élton (Inter) – 21 anos
A pré-temporada colorada trouxe os primeiros indícios de que ele poderia ser uma boa revelação para 2011. Élton começou o ano no Inter B, mas logo chamou atenção, foi promovido e, aos poucos, tem se tornado o verdadeiro substituto de Sandro no time gaúcho.

A concorrência não é fácil. Élton tem que superar o competente Bolatti e ainda tem sofrido com lesões. Mas tudo bem, pois ele mostra que, se isso não acontecer agora, tem tudo para se firmar e ter um bom futuro no clube.

9º) Renan Rocha (Atlético-PR) – 24 anos
A missão dele também não é das mais fáceis: além de substituir Neto, revelado no clube e vendido para a Fiorentina-ITA, Renan Rocha precisa se destacar em uma defesa fraca e em um time desorganizado.

Mas a campanha ruim do Atlético-PR não tem manchado o surgimento desse jovem goleiro, que tem aproveitado bem suas primeiras chances no time.

8º) Wellington Nem (Figueirense) – 19 anos
Na verdade ele pertence ao Fluminense e até se destacou na Copa São Paulo pelo time. Porém, sem chances no time carioca, Wellington aceitou ser emprestado para o Figueirense, em busca de mais oportunidades.

Em seu novo clube, o meia-atacante demorou para se firmar. Mas agora tem formado uma boa dupla ofensiva com Júlio César. Com seis gols marcados, ele tem ajudado na campanha segura do Figueirense no Brasileirão.

7º) Saimon (Grêmio) – 20 anos
É um zagueiro que sempre foi muito elogiado nas categorias de base, mas demorou para ficar pronto para o time profissional. Até chegou a jogar nas edições de 2009 e 2010 do Brasileirão, mas só agora, em 2011, conseguiu uma sequência maior no time.

Seu grande momento no campeonato foi no Gre-Nal do primeiro turno, quando teve que enfrentar Leandro Damião em alta. O jovem conseguiu marcar o centroavante da Seleção, e o Grêmio saiu com a vitória no clássico.

Saimon, do Grêmio
O homem que parou Damião

6º) Muriel (Internacional) – 24 anos
A Série B de 2009 foi a competição em que Muriel começou a despontar, pela Portuguesa. Mas isso não foi suficiente para que o jovem goleiro recebesse chances imediatas no Internacional, que teve problemas na posição, com Renan, Lauro, etc…

Mas em 2011 finalmente Muriel teve uma sequência como titular do Inter e mostrou que tem condições de defender a meta colorada. Com firmeza no gol, ele tem sido um dos melhores do Brasil em sua posição.

5º) Lucas (Botafogo) – 24 anos
Ele foi um dos melhores laterais-direito da Série B de 2010, pelo Figueirense. Isso fez com que o Botafogo reparasse no talento de Lucas e o contratasse. Mas seu futebol simples fez com que ele demorasse para roubar a vaga de Alessandro no time carioca.

Com o tempo, isso aconteceu naturalmente. As qualidades de Lucas, como a boa técnica e os cruzamentos precisos, tornaram-se importantes armas do Botafogo, que costuma dar liberade para seus jovens laterais atacarem. Dessa forma, Lucas se tornou também um dos melhores laterais-direito do Brasileirão.

4º) João Filipe (São Paulo) – 23 anos
Ele chegou ao São Paulo cercado de desconfiança. Afinal, depois de fazer uma boa Série B pelo Figueirense, foi para o Botafogo e não conseguiu virar titular por lá. Porém, ao chegar no time do Morumbi, ele voltou a mostrar um bom futebol.

Alto e firme, ele tem formado uma boa dupla de zaga com Rhodolfo e resolvido, na medida do possível, um problema que ameaçava tirar o São Paulo da disputa pelo título. Tem mostrado que não é apenas um jogador de Série B.

3º) Osvaldo (Ceará) – 24 anos
O que era para ser um time envelhecido ganhou um novo fôlego com Osvaldo. O Ceará evoluiu com a ascensão desse atacante, que tem a velocidade como sua principal arma.

O Ceará ainda tem que lutar contra o rebaixamento, mas Osvaldo já tem a garantia que terá um bom 2012, com evolução na carreira. Afinal, ele tem sido especulado em grandes times, como Santos, Corinthians e Palmeiras.

2º) Willian (Corinthians) – 24 anos
Ele chegou a disputar a artilharia do Brasileirão nas primeiras rodadas e teve tudo para se firmar como a melhor revelação do campeonato. Mas a queda de rendimento do Corinthians o levou para a reserva e agora ele tem aproveitado as poucas chances que têm para voltar a ser titular do time.

É um atacante mais técnico do que habilidoso, que sabe jogar pelas pontas e finalizar bem. Jogou bem em duas Séries B pelo Figueirense, mas só agora tem se destacado em um Brasileirão – marcou cinco gols até agora, acertou bons passes e ainda deve dar mais trabalho na reta final, pois não parece ser do tipo de atacante que amarela.

1º) Bruno Cortês (Botafogo) – 24 anos
A convocação para a Seleção Brasileira era o que faltava para consolidar o lateral-esquerdo como uma das melhores novidades do campeonato. Ele, que chegou discretamente do Nova Iguaçu, mostrou uma personalidade ímpar, além de muita velocidade e habilidade.

Ainda é preciso ter calma com ele, mas, caso mantenha essa humildade que tem marcado seu início de carreira, tem tudo para ir longe. Afinal, ele joga em uma posição carente do futebol brasileiro e tem tudo para voltar à Seleção em breve. E o Botafogo, time no qual ele já se tornou protagonista, tratou de melhorar seu contrato e fazer esforços para segurá-lo no time. Nada mais justo.

Cortês, do Botafogo
Por enquanto ainda é uma cena estranha, mas pode virar comum

Há outros jogadores que podem ser considerados revelações do Brasileirão: Delatorre (Inter), Felipe Anderson (Santos), Lucas Mendes (Coritiba), Fillipe Soutto (Atlético-MG), Lucas Zen (Botafogo), Edenilson (Corinthians), Bernard (Atlético-MG) e Negueba (Flamengo) são alguns deles.

Mas a maioria ainda precisa evoluir demais e só deve se firmar em seus times na temporada que vem. Ou pelo menos é isso que espero, para o bem do futebol brasileiro…

Read Full Post »

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o último time do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

Botafogo – Diego (M-Wolfsburg) – A fase do meia é muito ruim, mas ele tem futebol para voltar ao Brasil e sobrar por aqui.

Botafogo – Gustavo (Z-Lecce) – Chegaria para ser o melhor zagueiro da irregular defesa do Botafogo.

Flamengo – Alex Silva (Z-São Paulo) – Estava mal no São Paulo durante o primeiro semestre, mas ainda dá para confiar que ele pode jogar bem melhor.

Flamengo – Kleber (A-Palmeiras) – Tem mostrado no Palmeiras que pode jogar como centroavante também e, portanto, se encaixaria bem no ataque do Fla.

TANTO FAZ…

Corinthians – Samudio (LE-Libertad) – O time precisa mesmo de um jogador melhor para a posição, mas é arriscado dizer que essa seria a solução.

Flamengo – André (A-Bordeaux) – Trata-se de um jovem que ainda precisa provar algo, mas pode ser uma boa aposta do Fla.

Fluminense – Rafael Sóbis (A-Internacional) – Talvez o reencontro com Abel Braga faça o atacante reencontrar seu melhor futebol. Talvez…

CAI FORA!

Botafogo – Alexandre Oliveira (A-Al Wasl) – Prefiro ver o Bota apostar em seus jovens, como Alex, a vê-lo trazer um centroavante de qualidade duvidosa.

Ceará – França (A-Kashiwa Reysol) – O Ceará já tem um time velho demais para apostar em mais um veterano. Não precisa honrar tanto assim o apelido de “Vozão”.

Grêmio – Cañete (M-Universidad Católica) – Não mostrou ter nada demais na Copa Libertadores. Seria uma aposta arriscada e só.

NÃO ENXERGAM?

Diego Renan (LE-Cruzeiro) – Já demorou para alguém tirá-lo do time mineiro. Um jovem de potencial como ele não pode ficar tão esquecido no banco de reservas.

Read Full Post »

O ORGULHO DA TORCIDA

Atlético-MG – Conseguiu vencer o Goiás e se livrou de uma vez por todas do rebaixamento, como esperado por esse blog há tempos.

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Flamengo – Em casa, perdeu para o Cruzeiro de virada e só se livrou do rebaixamento por causa de outros resultados.

TROFÉU HERÓI

Caio – A grande novidade do Avaí no campeonato foi esse meia habilidoso e objetivo, que fez três gols na vitória contra o Santos, livrando o Leão da Ressacada de vez do rebaixamento.

TROFÉU VILÃO

Ronaldo – O jogador do Guarani fez um pênalti decisivo na derrota do seu time contra o Goiás. Dessa forma, o Bugre foi rebaixado para a série B.

DESTAQUE PARA O JOVEM

Lucas Zen – Olho nele! É um jovem que jogou na vitória do Botafogo contra o Grêmio-SP e pode atuar tanto de volante como de zagueiro, sendo importante para o time futuramente, em 2011.

VALEU O INGRESSO

Caio – O meia do Avaí fez um dos gols mais bonitos do Brasileirão ao driblar três jogadores do Santos e finalizar com precisão.

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Flamengo 1 x 2 Cruzeiro – A reação do time mineiro movimentou a partida, que teve emoção de sobra.

TÉDIO EM 90 MINUTOS

Inter 1 x 1 Vitória – Nem o desespero do time baiano fez o jogo ser mais atraente, já que a partida praticamente não teve 1º tempo e só melhorou por pouco na 2ª etapa.

DETALHE TÁTICO

Corinthians e Cruzeiro com 2 meias – Os dois candidatos ao título, que costumam jogar com 3 volantes, adotaram táticas mais ofensivas e conseguiram seus resultados. E se tivessem feito isso antes?

DETALHE DO TÉCNICO

Muricy Ramalho – O técnico do Fluminense foi bem ao colocar Tartá em campo para substituir Deco. O jovem fez o gol decisivo do jogo contra o Palmeiras.

O FUTEBOL É INJUSTO

Atlético-GO merecia mais – Só um empate contra o São Paulo não foi justo. Com mais disposição, naturalmente, os rubro-negros mereceram a vitória.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Ceará – Mesmo com pouca ambição no campeonato, o Vovô conseguiu um empate que acabou com o objetivo do Atlético-PR e se classificou para a Copa sul-Americana de 2011.

PAPO RETO

Flamengo,

Não se iluda.

Você se livrou do rebaixamento, mas precisa reformular seu elenco se quiser escapar de novo no ano que vem.

ACRÉSCIMOS

Última rodada – Botafogo x Grêmio e Vitória x Atlético-GO serão como verdadeiros mata-matas. Que jogaços!

Read Full Post »

O ORGULHO DA TORCIDA

Flamengo – Finalmente o time venceu um jogo importante, praticamente colocando o Guarani na Série B de 2011 e ficando bem longe do risco de rebaixamento.

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Corinthians – Mais uma vez em um jogo polêmico, o agora vice-líder do Brasileirão sentiu a falta de Ronaldo, caiu de produção e poderia até ter saído com uma derrota de Salvador.

TROFÉU HERÓI

Neymar – Impressionou mais uma vez ao marcar três gols, decidir a vitória do Santos e decretar de vez o rebaixamento do Goiás.

TROFÉU VILÃO

Xandão e Richarlyson – Foram expulsos de maneiras patéticas contra o Fluminense, tornando fácil a vida do novo líder do Brasileirão.

DESTAQUE PARA O JOVEM

Muriel – Fechou o gol no jogo contra o Botafogo e de quarto reserva pode até virar titular do Inter no Mundial de Clubes.

VALEU O INGRESSO

Renato Augusto – O jovem volante do Vasco acertou um chute cruzado impressionante na derrota do Vasco para o Cruzeiro.

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Grêmio 3 x 1 Atlético-PR – A briga quente por uma possível vaga na próxima Copa da Libertadores proporcionou um jogo animado, de técnica razoável e, como não poderia deixar de ser, com polêmica. Valeu a pena!

Fico imaginando como o Brasileirão perderia se não existisse a possibilidade do G4…

TÉDIO EM 90 MINUTOS

Ceará 1 x 1 Grêmio-SP – Os times jogaram para menos de mil torcedores e mostraram porque buscam poucos objetivos nessa reta final do Brasileirão.

DETALHE TÁTICO

São Paulo – Carpegiani escalou o São Paulo sem volantes dessa vez. Para 2011 ele precisa rever esse seu conceito de ofensividade exagerada, que é preocupante para um time que corre o risco de perdeu seu principal zagueiro, Miranda, no começo do ano que vem.

DETALHE DO TÉCNICO

Vágner Benazzi – O técnico do Avaí acertou em cheio ao arriscar na substituição do volante Rudnei pelo meia Jéferson, que fez dois gols na vitória do Avaí contra o Atlético-GO.

O FUTEBOL É INJUSTO

Atlético-PR prejudicado – Sálvio Spíndola enxergou um pênalti inexistente a favor do Grêmio, que foi convertido por Douglas e decidiu o jogo.

E a rodada não parou por aí nos erros de arbitragem, como de praxe.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Internacional e Santos – Dois times que pouco se preocupam no Brasileirão venceram seus jogos e quebraram a cara de gente que os considerava os adversários mais fáceis dessa reta final, como eu mesmo.

PAPO RETO

Palmeiras,

E agora?

E se o Goiás te eliminar da Copa Sul-Americana? Vai voltar a jogar com os titulares no Brasileirão ou os reservas entrarão em campo mesmo assim para possivelmente prejudicar o rival Corinthians?

ACRÉSCIMOS

Torcidas unidas – Acho graça de ver o torcedor do São Paulo torcer para a vitória do Fluminense para o seu time. Futebol é feito disso também.

Mas é fato que a CBF precisaria pensar em algo para evitar situações desse tipo em campeonatos futuros. Mas é melhor não esperar por qualquer atitude dessa entidade para isso…

Read Full Post »

O ORGULHO DA TORCIDA

Botafogo – Venceu o Atlético-GO por 3 a 2 e agora sonha até com o título. É realmente surpreendente, mas ainda não me convenceu. Deve ficar apenas com a quarta posição até o fim do Brasileirão. O que não é pouco para esse time…

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Goiás – Perdeu em casa para o Grêmio, por 2 a 0, e agora já está praticamente rebaixado. Normal. Quando Jorginho assumiu o time, isso já ficou evidente, como sempre opinei aqui.

TROFÉU HERÓI

Ricardo Berna – O goleiro, que até outro dia era a 3ª opção de Muricy Ramalho, evitou uma derrota do Fluminense contra o Internacional, com defesas incríveis.

TROFÉU VILÃO

Robinho e Emerson – Os jogadores do Avaí foram expulsos e facilitaram para que Ronaldo e Dentinho se consagrassem.

DESTAQUE PARA O JOVEM

Caio – É uma revelação que merecia aparecer aqui até por tudo que ele fez no 1º semestre.

É um bom jogador, de boa técnica e muita velocidade, que marcou um dos gols da vitória do Botafogo contra o Atlético-GO.

VALEU O INGRESSO

Bruno César – Impressionou a precisão do chute que o meia do Corinthians acertou para abrir o placar no jogo contra o Avaí.

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Ceará 2 x 2 Flamengo – A expectativa para o jogo era grande, pois poderia colocar o time vencedor em uma situação muito traquila.

Com o empate, ninguém se deu bem, mas a partida não decepcionou, com 4 gols e emoção até o final.

TÉDIO EM 90 MINUTOS

Guarani 0 x 0 Atlético-MG – Os dois times exibiram total falta de técnica, mostrando claramente o que os colocou na luta contra o rebaixamento.

DETALHE TÁTICO

Cruzeiro e São Paulo ofensivos – Foi interessante ver o jogo no qual os dois times resolveram arriscar, partiram para cima e buscaram a vitória.

O curioso é que o fator decisivo do jogo foi a defesa. Os zagueiros do São Paulo estiveram bem demais e deram a segurança necessária para o time atacar bem.

DETALHE DO TÉCNICO

Sérgio Soares – Colocou os sempre criticados atacantes Marcelo e Nieto em campo e eles fizeram a jogada do único gol da vitória do Atlético-PR contra o Palmeiras.

O FUTEBOL É INJUSTO

Cruzeiro prejudicado – O árbitro Nielson Nogueira Dias foi até afastado após errar em um lance que até um jogador do São Paulo, Ricardo Oliveira, admitiu que foi apitado incorretamente.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

São Paulo – Apesar do erro de arbitragem, é preciso reconhecer o tanto que o time tem evoluído desde a chegada de Carpegiani. Tem usado uma tática arriscada, mas que pode dar certo e colocá-lo na Copa Libertadores de 2011.

PAPO RETO

Palmeiras,

Incrível como foi acertada sua decisão de se concentrar na Copa Sul-Americana.

Pelo Brasileirão, com esse futebol abaixo do razoável, vai ser difícil conseguir até ficar na parte de cima da tabela. Já em um mata-mata tudo pode acontecer.

ACRÉSCIMOS

Corinthians x São Paulo – Que clássico ficou desenhado para a próxima rodada! Desde já, fica a expectativa para esse grande jogo, que com certeza será uma das principais partidas dessa reta final, seja qual for o resultado.

Read Full Post »

O ORGULHO DA TORCIDA

Atlético-PR – Foi um sufoco e talvez tenha envolvido até mais um erro de arbitragem da rodada, mas fato é que o Furacão venceu o Goiás por 2 a 1 e seguiu em sua caminhada surpreendente para o alto da tabela.

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Santos – Teve tudo para vencer o clássico quando Richarlyson foi expulso, mas conseguiu ficar sem um ponto sequer no final do jogo.

TROFÉU HERÓI

Deivid – Fez dois gols na vitória convincente do Flamengo contra o Inter e ainda se deu ao luxo de perder uma outra chance de forma absurda. Mas é perdoável.

TROFÉU VILÃO

Carlinhos – O lateral do Vasco foi expulso e, a partir desse momento, o Atlético-GO cresceu no jogo e venceu por 2 a 0, sainda da zona de rebaixamento.

DESTAQUE PARA O JOVEM

Júnio Viçosa – O atacante recém-contratado estreou já fazendo seu gol e mostrando qualidade para substituir Borges e André Lima, os centroavantes do Grêmio que estão machucados.

VALEU O INGRESSO

Neto Berola – Entrou com velocidade na área do Avaí, driblou bonito o goleiro adversário e ainda finalizou de letra. Belo gol!

UM SHOW EM 90 MINUTOS

São Paulo 4 x 3 Santos – Foi um dos cinco melhores jogos do Brasileirão 2010 até agora, sem dúvidas.

Muitos gols, bolas nas traves, defesas espetaculares, boas atuações individuais e emoção até o fim – rolou um pouco de tudo no clássico. Já dava pra imaginar que seria um jogaço, mas até superou as expectativas.

TÉDIO EM 90 MINUTOS

Fluminense 0 x 0 Botafogo – Fizeram um jogo estranhamente travado, já que os dois times precisavam da vitória e o resultado sem gols foi extremamente prejudicial para as ambições de ambos.

DETALHE TÁTICO

São Paulo ofensivo – Tem sido interessante ver a proposta de Carpegiani no time do Morumbi, que tem buscado fortemente o ataque e até jogou com apenasu m volante de ofício contra o Santos.

Por enquanto tem dado certo principalmente pelo fator surpresa. Resta saber até quando essa novidade durará.

DETALHE DO TÉCNICO

Dorival Júnior – Tirou Daniel Carvalho no intervalo do jogo contra o Avaí e colocou Neto Berola em campo. Resultado: o jovem atacante participou dos dois gols da vitória importante contra o Avaí.

O FUTEBOL É INJUSTO

Cruzeiro prejudicado – O gol invalidado de Wellington Paulista e o pênalti mal marcado para o Grêmio são apenas duas pequenas mostras de como Paulo César de Oliveira é mesmo um dos piores árbitros do Brasil.

E a rodada ainda teve o Corinthians prejudicado também, no jogo contra o Guarani, mas por lances menos escandalosos.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Ceará – Foi o único visitante que conseguiu incomodar.

Conseguiu um empate que até fez justiça por tudo que o Palmeiras não jogou no segundo tempo da partida.

PAPO RETO

Avaí,

E agora?

Agora que entrou na zona de rebaixamento, você acredita de verdade que Vágner Benazzi vai tirar você de lá? Talvez só seja um acerto se ele foi um técnico contratado já pensando na Série B de 2011.

ACRÉSCIMOS

Atlético-PR e Grêmio – Como nenhum dos cinco primeiros colocados da tabela venceu, os dois chegaram mais perto do topo da tabela.

Ambos ainda precisam mostrar mais para entrar na briga pelo título, mas podem se empolgar: não há ninguém que convença de fato nessa briga. É um Brasileirão 2010 cada vez mais parecido com o Brasileirão 2009.

Read Full Post »

O ORGULHO DA TORCIDA

São Paulo – O Tricolor Paulista conseguiu se impor no Morumbi e bateu o Vitória por 2 a 0 com autoridade na estreia de Carpegiani.

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Fluminense – Perder por 3 a 0 para o Santos é mais um claro sinal que o time de Muricy Ramalho não está pronto para ser campeão brasileiro. Resultados como esse me fazem desacreditar no Tricolor Carioca na briga pelo título.

TROFÉU HERÓI

Jonas – Fez três gols e ainda participou de outro na vitória do Grêmio sobre o Grêmio-SP por 3 a 0. É impressionante o que ele tem jogado! Só não dá pra considerar surpreendente…

TROFÉU VILÃO

Zé Carlos – O goleiro do Avaí fez um pênalti infantil, foi expulso e consagrou Valdívia, que teve uma boa atuação na vitória do Palmeiras por 4 a 1.

DESTAQUE PARA O JOVEM

Gabriel Silva – Acostumado a jogar também na lateral-direita, inclusive durante a Copa São Paulo de 2010, o canhoto do Palmeiras fez um golaço com a perna “errada” e mostrou porque tem virado titular no time de Felipão, apesar de seus defeitos como defensor.

VALEU O INGRESSO

Fernandinho – Driblou um defensor do Vitória, passou fácil pelo goleiro e finalizou com o gol aberto em uma linda jogada de velocidade, o que é esperado dele.

E a rodada ainda teve outros bonitos gols com chutes de longa distância, como os de Jonas (Grêmio), Valdívia, Gabriel Silva (ambos do Palmeiras) e Heleno (Ceará).

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Fluminense 0 x 3 Santos – Apesar do resultado apontar para um massacre do Peixe, não foi isso que aconteceu no jogo. A partida foi realmente muito disputada, o que só valoriza a atuação de Zé Eduardo, que fez três gols e foi capaz de decidir uma grande partida como essa.

TÉDIO EM 90 MINUTOS

Ceará 1 x 0 Internacional – O Colorado estava muito desfalcado e sofreu para conseguir mostrar alguma criatividade, o que o Ceará normalmente já não possui. Portanto, o jogo foi sem graça e pouco atrativo.

DETALHE TÁTICO

Goiás no 3-6-1 – Jorginho tem insistido em utilizar esquemas táticos com três zagueiros, mas já deveria ter percebido que isso não vai funcionar.

Trocar um atacante por um meia, saindo do 3-5-2 para o 3-6-1, também só trouxe mais problemas para um acanhado Goiás na derrota por 1 a 0 para o Cruzeiro.

DETALHE DO TÉCNICO

Vanderlei Luxemburgo – O técnico do Flamengo reestreou no time com a sua enorme estrela, como antigamente. Val Baiano e Diego Maurício saíram do banco de reservas para resolver a vitória do Rubro-Negro por 2 a 0.

O FUTEBOL É INJUSTO

Atlético-PR merecia mais – O Furacão apenas empatou com o Vasco por 0 a 0, mas foi o único time que realmente buscou a vitória na Arena da Baixada.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Atlético-MG – Não acreditava na vitória do Galo contra o Corinthians, mesmo com o jogo acontecendo em Minas Gerais. A vitória por 2 a 1 é um sinal fraco de alívio para a equipe de Dorival, mas uma mostra forte de que o time paulista precisa se preocupar.

PAPO RETO

Adilson Batista,

E a defesa do Corinthians?

O time tem sofrido mais gols do que nunca em 2010, mas você insiste em minimizar essa questão. É melhor você perceber logo que seu meio-campo não tem protegido os zagueiros e que Thiago Heleno não é um beque com a qualidade que você tem comentado.

ACRÉSCIMOS

Cruzeiro – Chegou à vice-liderança do Brasileiro e entrou de vez na briga pelo título do Brasileirão. Está em uma fase melhor do que Fluminense e Corinthians, podendo ser campeão e finalmente fazer justiça ao técnico Cuca, que entende bastante de futebol, mas, por motivos diversos, ainda não ganhou um título que comprovasse isso. Ele merece!

Read Full Post »

O ORGULHO DA TORCIDA

Inter – Foi o único candidato ao título que venceu. Bateu o Guarani por 3 a 0 e conseguiu encostar um pouco mais no Fluminense.

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Atlético-GO – Chegou a estar vencendo o Atlético-MG, mas sofreu a virada em casa e perdeu um duelo de seis pontos na luta contra o rebaixamento.

TROFÉU HERÓI

Éder Luis – Tem emendado uma boa sequência de jogos pelo Vasco e contra o Goiás não foi diferente: marcou gol e foi decisivo na vitória por 3 a 2.

TROFÉU VILÃO

Alessandro – Errou uma saída de bola, cometeu um pênalti e foi expulso em um lance só. A sorte dele é que Renato, do Flamengo, foi expulso também, o que freou a reação adversária.

DESTAQUE PARA O JOVEM

Neto – O goleiro recentemente convocado por Mano Menezes para a Seleção Brasileira, que já vinha fazendo uma boa temporada, teve uma atuação espetacular contra o Cruzeiro.

VALEU O INGRESSO

Réver – Parecia um atacante quando acertou um gol de bicicleta impressionante para a vitória fundamental do Atlético-MG contra o Atlético-GO.

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Vasco 3 x 2 Goiás – Era um duelo de times fracos, mas eles se superaram e fizeram uma partida interessante para assistir em plena sexta-feira.

TÉDIO EM 90 MINUTOS

Avaí 0 x 0 São Paulo – Richarlyson poderia ter sdo o vilão da rodada, pois foi expulso ainda no 1º tempo, mas o Avaí não reagiu e o jogo ficou entendiante até o final.

DETALHE TÁTICO

Cruzeiro – Cuca insistiu no 4-3-1-2 e só colocou Roger ao lado de Montillo durante o empate por 0 a 0 contra o Atlético-PR. A Raposa pode render bem mais com os dois jogando juntos mais frequentemente.

DETALHE DO TÉCNICO

Dorival Jr. – O técnico tirou o volante Alê para colocar o meia Renan Oliveira, que ele recentemente resgatou do Vitória.

O jovem jogador participou do gol decisivo na vitória contra o Atlético-GO e mostrou que foi um erro de Luxemburgo liberá-lo para o empréstimo.

O FUTEBOL É INJUSTO

Cruzeiro merecia mais – Neto foi o grande culpado dessa injustiça. O goleiro do Atlético-PR evitou que a Raposa concretizasse sua merecida vitória.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Ceará – Por pouco não venceu o Corinthians em pleno Pacaembu e tem mostrado, mesmo com um técnico interino, que está um nível acima de outros candidatos ao rebaixamento.

PAPO RETO

Renato Gaúcho,

Parabéns!

Quando você assumiu o Grêmio, apostei que você faria o time evoluir. Porém, não esperava que fosse tanto. Mesmo cheio de desfalques, o Tricolor tem vencido todas e jogado razoavelmente bem, como contra o Vitória nessa rodada

ACRÉSCIMOS

Paulo César Carpegiani – A principal consequência da 27ª rodada foi a ida do técnico do Atlético-PR parao São Paulo. Deve ser péssimo para todos lados: perde muito o Furacão, que estava em alta, e ganha pouco o Tricolor Paulista, que continuará com um técnico exageradamente inventivo no comando.

Read Full Post »

O Brasileirão 2010 segue com uma incrível média de quase uma mudança de técnico por rodada. Marcelo Rospide, ex-Grêmio-SP, foi o último demitido – nem deveria ter sido contratado, claro. Agora o Flamengo tem indicado que Silas pode ser a próxima vítima dessa situação alarmante, na qual todos treinadores parecem interinos em seus cargos.

Elaborei uma lista das piores trocas de técnicos que aconteceram durante o Brasileirão. Não foi fácil, pois as opções negativas eram muitas. Pensei em usar o aproveitamento de pontos com cada técnico para fazer isso, mas creio que estatísticas são insuficientes para isso. É preciso levar em conta questões complexas dos contextos de cada caso. Com esses critérios e essas análises, fiz a lista abaixo:

11º) São Paulo – saiu Ricardo Gomes. Sérgio Baresi assumiu interinamente.
Realmente o time precisava muito de uma mudança de técnico, mas era algo que precisava ter sido melhor pensado. Baresi tem trazido novidades interessantes para o São Paulo, principalmente na revelação de jogadores, mas claramente ele não está pronto para ficar no cargo. E o pior: o Tricolor Paulista perdeu a chance de contratar Dorival Júnior.

10º) Vasco – saiu Celso Roth. PC Gusmão assumiu.
O time carioca não poderia ter perdido o técnico que depois virou campeão da Copa Libertadores. É claro que o trabalho de PC Gusmão também tem dado algum resultado, mas a equipe segue lutando contra o rebaixamento, sendo que poderia estar em uma situação melhor.

9º) Flamengo – Rogério Lourenço. Silas assumiu.
A crise enfrenta pelo Rubro-Negro atualmente é resultado de uma troca que foi justificada da pior maneira possível: Zico deixou claro que só fez isso por causa da torcida. Ora, se ele vai deixar os flamenguistas comandarem o time dessa maneira, é melhor pedir demissão e entregar seu cargo de uma vez.

8º) Vasco – Gaúcho saiu. Celso Roth assumiu.
É claro que Gaúcho não era o nome certo para comandar o Vasco no Brasileirão, mas os erros aqui foram outros: em primeiro lugar, o elenco do Vasco era muito fraco no começo da competição e não houve tempo para que os reforços estreassem sob o comando de Gaúcho. E a própria sucessão também foi um erro, como já comentado acima.

7º) Goiás – Leão saiu. Jorginho assumiu.
Difícil é saber o que foi pior: ter dado a chance para que Leão ficasse no cargo por tanto tempo ou contratar um técnico ainda inexperiente para consertar toda a bagunça que foi deixada. Jorginho chegou há pouco tempo e até conseguiu alguns poucos bons resultados, mas não deve fazer o time escapar do rebaixamento.

6º) Ceará – PC Gusmão saiu. Estevam Soares assumiu.
Aqui os resultados são implacáveis: com um técnico, o time estava organizado defensivamente e até estava no alto da tabela. Com outro treinador, já era esperada uma queda de rendimento, mas Estevam desorganizou o time, que já virou candidato ao rebaixamento novamente.

5º) Atlético-GO – Geninho saiu. Roberto Fernandes assumiu.

O time de Goiás tentou aproveitar a pausa para a Copa do Mundo e mudou seu treinador, mas rapidamente teve que admitir que fez a escolha errada: Roberto Fernandes ficou no cargo apenas por quatro rodadas, fazendo o time desperdiçar um bom período que teve para treinamentos.

4º) Grêmio-SP – Toninho Cecílio saiu. Antônio Carlos Zago assumiu.

Não era hora para uma aposta. E Zago por enquanto é apenas só isso. O time de Presidente Prudente errou demais ao substituir um técnico que, se não era o ideal, pelo menos estava conseguindo surpreender. Com a reposição mal feita, a entrada na zona do rebaixamento foi uma questão de tempo.

3º) Ceará – Estevam Soares saiu. Mário Sérgio assumiu.
Se tudo já tinha ficado ruim com a saída de PC Gusmão, imagine quando chegou um técnico que há anos só tem acumulado trabalhos ruins. Ele quis fazer uma grande reformulação no elenco, mas durou apenas um mês no cargo e só piorou a situação do Ceará.

2º) Grêmio-SP – Antônio Carlos Zago saiu. Marcelo Rospide assumiu.
Aqui é necessária a utilização dos números: 15 pontos foram disputados desde que essa mudança foi efetuada no time prudentino,  mas nenhum foi conquistado. Após cinco derrotas seguidas, Rospide pediu demissão e provou que nem deveria ter sido contratado.

1º) Vitória – Ricardo Silva saiu. Toninho Cecílio assumiu.
Não havia um motivo para a demissão de Ricardo Silva, que tinha levado o time à final da Copa do Brasil. Mesmo assim, a troca aconteceu e só serviu para piorar a situação do time baiano na tabela, com crises e derrotas vexatórias. Após 9 rodadas, Toninho foi demitido e a diretoria do Vitória admitiu seu erro ao voltar com Ricardo Silva no comando da equipe.

É claro que existem casos nos quais o resultado foi inverso: um novo técnico chegou e mudou para melhor a situação do time. Foi assim com Carpegiani no Atlético-PR, e com Renato Gaúcho no Grêmio, só para citar dois exemplos. Mas a cautela nesse tipo de decisão deve sempre prevalecer. O que não tem ocorrido de maneira nenhuma no Brasileirão 2010 ultimamente.

Que não só o Flamengo siga esse receita, mas Ceará, Santos, São Paulo e Avaí também tomem cuidado. Todos estão sem técnicos efetivados no momento e podem se complicar com essa importante decisão. Quem vai querer engrossar a lista acima?

Read Full Post »

O ORGULHO DA TORCIDA

Fluminense – Foi um sufoco, já que o Avaí conseguiu montar uma retranca realmente forte, mas Conca fez o gol da vitória que deixou o time ainda mais tranquilo na liderança do Brasileirão.

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Guarani – Perdeu feio para o lanterna, o Grêmio-SP. Foi uma goleada de 4 a 2 para preocupar qualquer torcedor do Bugre. Não creio que o time vá ser rebaixado, mas é melhor que ninguém lá tenha essa mesma confiança.

TROFÉU HERÓI

André Lima – Foi fundamental na vitória do Grêmio contra seu ex-time, o São Paulo, ao marcar dois gols na vitória por 4 a 2.

TROFÉU VILÃO

Renan – Marcos Assunção, Valdívia e Kleber tiveram boas atuações, mas na verdade o goleiro do Inter foi o principal responsável pela vitória do Palmeiras por 2 a 0.

Ao montar a barreira, ele subestimou a capacidade de Assunção no primeiro gol. No segundo, confirmou sua má fase e seguiu sua sina recente de se mostrar um goleiro inseguro, ao contrário do que era quando foi revelado.

DESTAQUE PARA O JOVEM

Gabriel Silva – O lateral-esquerdo do Palmeiras tem evoluído e mostrado um pouco do futebol que o fez ser uma das principais revelações da Copa São Paulo de 2010.

VALEU O INGRESSO

Éder Luis – Foi impressionante. Outro golaço para ficar entre os principais do Brasileirão, assim como o de Alex Sandro na última rodada. Ele partiu do meio-campo, passou por três defensores do Santos na velocidade e finalizou com precisão.

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Grêmio 4 x 2 São Paulo – Além da grande quantidade de gols, vale valorizar essa partida por ter sido uma partida quente, na qual os dois times estavam nervosos e com excessiva vontade de mostrar futebol.

TÉDIO EM 90 MINUTOS

Ceará 0 x 0 Atlético-MG – Times provaram porque estão há cinco rodadas sem vitórias no Brasileirão. O empate foi péssimo para ambos, que só poderiam estar na luta contra o rebaixamento mesmo.

DETALHE TÁTICO

Flamengo – Silas isolou o atacante Deivid ao escalar cinco jogadores no meio-campo e montou um verdadeiro ferrolho, que pouco funcionou e quase entregou a vitória nas mãos do Goiás.

DETALHE DO TÉCNICO

Cuca – O técnico do Cruzeiro foi bem ao colocar o jovem e rápido Wallyson no lugar de Thiago Ribeiro. Ele entrou para fazer o gol que matou o jogo contra o Atlético-GO, vencendo por 3 a 0.

O FUTEBOL É INJUSTO

São Paulo prejudicado – Não houve pênalti para o Grêmio marcado pelo fraco Ricardo Marques Ribeiro. Mas vale lembrar que depois ainda houve uma falha de Rogério Ceni, mostrando que a vitória do Grêmio não veio só por causa do erro da arbitragem.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Botafogo – Em um jogo cheio de polêmica para todos lados, o time carioca pelo menos conseguiu um empate e ainda saiu com a sensação de que a vitória poderia ter acontecido. Por essa eu não esperava.

PAPO RETO

Silas,

Você errou feio.

Foi realmente um absurdo sua declaração que expôs o zagueiro Jean como culpado pelo empate contra o Goiás. Não é o caso para demití-lo, mas, caso isso aconteça, saiba que você mereceu por esse ato irresponsável.

ACRÉSCIMOS

Palmeiras fora do Pacaembu – É realmente interessante notar como o time de Felipão não se deu bem com o estádio que sempre foi utilizado pelo seu rival, o Corinthians. Bastou mudar para a Arena Barueri e foi confirmada uma importante sequência de vitórias do time.

Read Full Post »

Older Posts »