Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Danilinho’

Como não poderia deixar de ser, a contratação de Ronaldinho gerou diversas críticas ao Atlético-MG, além de várias piadas infames. Normal, justo e às vezes até engraçado. Mas falar sério sobre esse reforço do time mineiro também é necessário. Afinal, é natural que Ronaldinho queira calar os críticos e ele terá condições para isso.

Se estiver disposto a jogar futebol, Ronaldinho pode encontrar não apenas bons parceiros para as baladas. O Atlético-MG também tem jogadores de qualidade e um técnico competente. Isso pode contribuir para que o “R49” se torne importante para a equipe – o que atualmente já seria um grande feito, visto que no Flamengo ele virou dispensável rapidamente.

Mas, além da vontade de Ronaldinho, o sucesso da contratação depende também da forma como Cuca vai escalar o Atlético-MG. Afinal, há uma possibilidade perigosa: Ronaldinho pode ser escalado como meia central, já que no elenco do Galo sobram opções de jogadores rápidos que atuam pelas pontas, como os titulares Bernard, Danilinho, além de Mancini , Neto Berola e até o recém-contratado Juninho.

Nunca vi Ronaldinho como um meia central, aquele camisa 10 que distribui as bolas e dita o ritmo de jogo. Em seus melhores momentos, ele sempre foi um meia-atacante que saia da ponta para aparecer na área com perigo. E o ideal é que ele jogue no Atlético-MG dessa forma.

É evidente que ele não pode ficar preso na ponta esquerda, como fez com frequência no Flamengo. É nesse ponto que entra novamente a vontade do Ronaldinho – sem dedicação, ele não vai dar certo em posição alguma. Mas como ponta esquerda é mais provável que ele se sinta à vontade para apresentar um futebol digno de sua história no futebol.

Mas para que ele jogue assim é preciso que Cuca abra mão de fazer o que seria mais fácil: colocar Ronaldinho no lugar de Escudero, como meia central, e manter o esquema tático (4-5-1) e a titularidade de seus pontas – o ideal na verdade é adaptar Bernard e Danilinho entre a faixa central e a direita. Deixem a esquerda para Ronaldinho jogar como se sente bem. Só dessa forma poderemos ter certeza que nada, além da sua própria vontade, vai lhe atrapalhar no Atlético-MG.

Read Full Post »

Nem só de boatos e especulações vive o mercado da bola do futebol brasileiro. Contratações já foram fechadas, jogadores já foram anunciados e alguns até se apresentaram em seus novos clubes. Mesmo antes do Natal, vários times conseguiram dar presentes para seus torcedores.

Porém, nem tudo que é apresentado como “reforço” realmente traz força a mais para os elencos. Entre apostas de risco e contratações que  tem tudo para dar errado, consegui achar dez transferências que realmente podem ser consideradas presentes de Natal. Veja os melhores reforços do futebol brasileiro até agora:

10º) Marco Antônio (M-Grêmio)
Em primeiro lugar, é preciso entender que o Grêmio realmente precisa de mais opções para o seu meio-campo, ainda mais se a saída de Douglas for confirmada. Além disso, o desempenho de Marco Antônio na Portuguesa e o fato da contratação ter custo zero contribuem para que esse seja mesmo um bom negócio.

É claro que a pressão agora será maior e o jogador terá que provar, aos 27 anos, que realmente pode brilhar em um time grande. Potencial e espaço ele terá de sobra.

9º) Fabrício (V-São Paulo)
Trata-se de um volante limitado tecnicamente, mas que pode trazer algo diferente para o elenco do São Paulo. A raça, a seriedade e a pegada de Fabrício às vezes fazem falta no meio-campo tricolor.

Com isso, ele terá grandes chances de conseguir a titularidade e até superar outros reforços que foram anunciados junto com ele. Maicon e Edson Silva, por exemplo, vieram do Figueirense e podem ser mais úteis, mas ainda é preciso desconfiar, pois eles podem sentir a pressão.

Contratações do São Paulo em 2011 para 2012

O São Paulo fez mais apostas do que contratações certeiras

8º) Jonas (LD-Santos)
Jonas fez uma temporada realmente brilhante pelo Coritiba. Com velocidade e forte apoio ao ataque, ele se destacou com muita movimentação e boa presença na área. Foi um dos motivos do sucesso do time paranaense na temporada.

O problema é que Jonas chegará ao Santos para substituir Danilo. Nada fácil, pois o novo jogador do Porto era muito versátil e técnico. Mas Jonas tem qualidade para, pelo menos, manter um bom nível na lateral-direita.

7º) Juninho (LE-Palmeiras)
Foi uma das poucas e boas revelações do Brasileirão 2011. O lateral-esquerdo mostrou talento no Figueirense, evoluiu com Jorginho e agora terá a missão de repetir o sucesso em um time grande.

Ele terão também a chance de conquistar algo que é para poucos no Palmeiras: conseguir se firmar na lateral-esquerda do time. Nem Gabriel Silva, prata da casa com potencial, fez isso. Não será fácil.

6º) Danilinho (M-Atlético-MG)
É um jogador que já conhece o clube e pode atuar em várias funções, como meia, ponta ou meia-atacante. Tem habilidade e velocidade para dar uma nova dinâmica ao Atlético-MG.

As ressalvas ficam por conta de possíveis problemas de readaptação, além das dificuldades físicas, que sempre atrapalharam a carreira de Danilinho.

5º) Marcelo Moreno (A-Grêmio)
A parceria entre Marcelo Moreno e Kleber tem boas chances de ser uma das melhores duplas de ataque do Brasil. O boliviano foi mal na Europa, mas mostrou alguma qualidade diferente em sua passagem pelo Cruzeiro.

Resta saber quanto tempo os dois terão para se entrosar. Seria importante que a torcida gremista tivesse paciência com os dois, mas sempre é difícil isso acontecer.

4º) Cortês (LE-São Paulo)
O lateral ex-Botafogo teve uma temporada de altos e baixos em 2011. Por um lado, mostrou habilidade que o levou à Seleção Brasileira. Por outro, mostrou irregularidade, exibiu pontos fracos e comprovou que precisa evoluir.

No São Paulo ele chegará com moral e deverá ter tempo para crescer. Caso consiga emplacar uma boa fase rapidamente, terá sucesso garantido, até porque há tempos o time não consegue alguém que se firme nessa posição.

3º) Kleber (A-Grêmio)
Já escrevi um post mais aprofundado sobre a contratação de Kleber. Ele é um atacante superestimado e por isso é importante que o Grêmio não se iluda.

Ainda assim, o talento do “Gladiador” é inegável. Ao lado de Marcelo Moreno, ele pode criar uma nova força para o Grêmio. Além disso, seu estilo agrada o torcedor gremista. Tem tudo para dar certo, mas ressalvas precisam ser feitas.

2º) Dagoberto (A-Inter)
A irregularidade marcou a longa passagem de Dagoberto pelo São Paulo. Mas em 2011 ele se encontrou, mostrou seu melhor futebol e provou que pode ser um dos melhores atacantes do Brasil.

Em boa fase, ele vai chegar a um time quase pronto e com um técnico de qualidade. Além disso, há espaço para que ele jogue, já que Leandro Damião ainda não tem um companheiro de ataque definido. São indícios demais para que tudo dê certo.

1º) Wagner (M-Fluminense)

Conca saiu do Flu no meio de 2011 e só agora um substituto à altura foi contratado. Demorou, mas valeu a pena. Wagner pode não ser tão genial e habilidoso quanto o argentino, mas é suficientemente técnico e cerebral para tomar conta do meio-campo do time.

Ao lado de Deco, Wagner formará um meio-campo experiente demais, que ainda municiará um ataque poderoso, com Rafael Sóbis, Fred, Rafael Moura e o recém-revelado Wellington Nem. O setor ofensivo do Fluminense está mais do que pronto e será um dos mais perigosos de 2012.

Read Full Post »

Dizem por aí...

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o time atual do atleta

DEMOROU!

Corinthians – Ramon (LE-Vasco) – Tem jogado bem no Rio e é realmente uma boa opção para substituir André Santos.

Cruzeiro – Guerrón (A-Getafe) – Faria uma dupla de ataque muito forte (em todos sentidos) com Kléber.

Fluminense – Danilinho (A-Atlético-MG) – Seria um bom companheiro pra Fred, se este ficar mesmo no Flu.

Palmeiras – Rentería (A-Sporting) – Ótimo substituto de Keirrison

TANTO FAZ…

Santos – Émerson (V-sem clube) – Não chegaria bem fisicamente. E o time nem precisa tanto de volante.

CAI FORA!

Flamengo – Bóvio (V-Al-Shabab) – A sua passagem pelo Corinthians foi uma vergonha. Não dá pra confiar.

Avaí – Roque Jr. (Z-sem clube) – A sua passagem pelo Palmeiras foi uma vergonha. Não dá pra confiar.

NÃO ENXERGAM?

Danilo (M-Kashima Antlers) – Há quem garanta que o meia ex-São Paulo está feliz no Japão. Mas será que não vale a pena sequer tentar repatriá-lo depois de tanto tempo? Ninguém o procurou por enquanto, pelo menos é o que dizem por aí…

Read Full Post »