Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Gilberto Silva’

A primeira constatação é a mais óbvia: com a chegada de Gilberto Silva, o Grêmio ganha parte da experiência que Renato Gaúcho tanto pediu recentemente. A juventude exagerada do elenco gremista ficou escancarada na derrota para o Corinthians, no último domingo. O time sentiu o gol de empate, piorou no jogo e logo sofreu a virada. Enfim, realmente o Grêmio precisa de jogadores mais experientes.

Mas isso não faz de Gilberto Silva uma solução definitiva para o time. Muito pelo contrário. O volante, que só deve estrear em julho ou agosto, pode sim trazer ainda mais problemas para Renato Gaúcho. Quem acompanhou as últimas temporadas dele sabe disso: Gilberto Silva hoje é um volante discreto, lento e simplista demais. Faz o básico, mas não é do básico que o Grêmio precisa.

Quando puder jogar, Gilberto Silva deve fazer com que Fábio Rochemback avance mais e jogue em linha com Adilson ou Lúcio, contando com a armação de Douglas mais à frente. Seria um meio-campo razoavelmente técnico e de forte marcação, mas lento demais e com poucos diferenciais na saída de bola.

Portanto, prefiro não entrar na empolgação de que um campeão do mundo está chegando ao Grêmio. Na verdade trata-se de uma contratação arriscada para uma posição que o time não precisava. Como vai ser? Aposto que, na melhor das hipóteses para o gremista, fará pouca diferença.

Anúncios

Read Full Post »

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o último time do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

Arsenal –  Mertesacker (Z-Werder Bremen) – Seria uma perfeita contratação dos Gunners depois da saída de Gallas.

Bayern de Munique – Dzeko (A-Wolfsburg) – É um atacante que tem brilhado na Alemanha há tempos e não teria problemas de adaptação. Além disso, os Bávaros precisam mesmo de um centroavante mais eficiente do que Klose, Mario Gomez, Olic, etc…

Inter de Milão – Giuseppe Rossi (M-Villareal) – O italiano sabe jogar e a Inter precisa mesmo de mais alguém que possa jogar pelos lados do campo, nem que seja só para completar o elenco.

Juventus – Krasic (M-CSKA) – Ele já foi até o destaque de um texto aqui no blog. É um jogador veloz e técnico, que certamente se encaixaria bem na tática que a Juve tem desenhado para se recuperar na próxima temporada.

Manchester City – Forlán (A-Atlético de Madrid) – Ele está no auge e seria uma ótima opção para brigar por vaga com Tévez ou Adebayor.

Real Madrid – Thiago Silva (Z-Milan) – É melhor do que todos zagueiros que estão lá. Seria um absurdo o Milan perdê-lo.

Real Marid – Evra (LE-Manchester United) – É um dos melhores laterais da Europa e sua péssima participação na Copa não pode queimá-lo. Mudar de ambiente pode ser uma boa saída para evitar isso.

TANTO FAZ…

Barcelona – Marcos Senna (V-Villareal) – Chegaria para ser reserva, mas seria um bom reforço, principalmente por causa da sua experiência.

Juventus – Cissokho (LE-Lyon) – É um lateral apenas razoável, mas é melhor do que o atual titular da Juve, De Ceglie.

Manchester United – Annan (V-Rosenborg) – O ganês foi bem demais na Copa de 2010. Mostrou que sabe marcar e fazer o simples. Mas os Red Devils já têm jogadores que sabem fazer isso.

Milan – Honda (M-CSKA) – É um jogador que precisa ser melhor testado, mas é versátil e pode ser útil para o elenco rossonero.

Milan – Podolski (A-Colônia) – Parece ser um jogador que só rende algo na seleção alemã, mas merece a chance em outro grande time da Europa para tentar mudar essa situação.

Real Madrid – Adebayor (A-Manchester City) – Não é exatamente um reforço necessário, já que Higuaín tem dado conta do recado. Mas o togolês pode render ainda mais.

Real Madrid – Juan Mata (A-Valencia) – É um jovem que fez uma temporada brilhante pelo Valencia e merece a chance de repetir a dose em um time grande. Mas por enquanto é preciso ter um pé atrás.

CAI FORA!

Arsenal – Marchetti (G-Cagliari) – Não creio que o goleiro italiano na Copa seja tão melhor do que Almunia

Liverpool – Gilberto Silva (V-Panathinaikos) – Não sei se seria um reforço bom sequer para o Flamengo. Imagina para um time que enfrentará adversários ainda mais difíceis.

Liverpool – Poulsen (V-Juventus) – Os Red Devils realmente correm o risco de perder Mascherano, mas poderia mprocurar substitutos melhores para o argentino.

Liverpool – Huntelaar (A-Milan) – É inacreditavelmente grosso. E o pior: pode chegar para ser titular, já que Fernando Torres está de saída.

Real Madrid – Hugo Almeida (A-Werder Bremen) – Um time que já tem Higuaín e Benzema não precisa de um centroavante grosso, como é o caso do português.

Real Madrid – Ricardo Carvalho (Z-Chelsea) – Mourinho acha que o português está no auge, mas vou me permitir discordar do ótimo técnico do Real. Carvalho já foi melhor e hoje não acrescentaria tanto ao time espanhol.

NÃO ENXERGAM?

André Ayew (M-Arles-Avignon) – O ganês mostrou na Copa de 2010 que é um jovem de futuro promissor, mas até agora foi pouco especulado no futebol internacional. Merece a chance em um time grande da Europa.

Read Full Post »

SALA DE IMPRENSA

A principal novidades nas análises sobre a vitória da Seleção Brasileira foi a crítica direcionada para a defesa do time de Dunga.

Depois dela estar tão bem nas Eliminatórias, foram três gols sofridos e alguns sustos. Ficou claro que há algum problema ali. O difícil é entender exatamente o que aconteceu.

Caio Maia citou a falta de concentração como motivo, mas também perguntou “Foi só isso?”.

PVC lamentou que não aconteceram os milagres de Júlio César, mas será que é cabível esperar sempre isso dele?

Mauro Cezar Pereira foi mais além e concluiu até que “falta mais cuidado com quem vem pela frente”.

Não dá para discordar completamente destas análises, mas o problema parece mais simples: Lúcio e Juan são bons zagueiros, então o defeito só pode estar ao redor deles.

Ou seja, Gilberto Silva não desarmana ninguém, Kléber é irritantemente discreto até na defesa, e Daniel Alves marca menos que Maicon, com quem o time está mais entrosado.

Só dá para ficar com pena dos zagueiros e de Júlio César. Que Dunga sinta o mesmo, reveja esta situação e corrija. Os comentaristas de futebol estão de olho!

Read Full Post »

SALA DE IMPRENSA

Este é o provável time titular da Seleção Brasileira para o jogo contra o Uruguai neste sábado:

Júlio César, Daniel Alves, Lúcio, Juan e Kléber; Gilberto Silva, Felipe Melo, Elano e Kaká; Robinho e Luís Fabiano.

Sérgio Patrick discordou desta escalação. “Josué, Kléberson, Ramires e Nilmar poderiam ser titulares nos lugares de Gilberto Silva, Felipe Melo, Elano e Luís Fabiano”, argumentou.

Eu só concordo com ele em relação a duas mudanças: as entradas de Josué e Ramires deveriam mesmo acontecer.

Mas é preciso mesmo ressaltar um detalhe: essa Seleção já tem uma cara, uma formação base bem definida. Os “homens de confiança”, como Patrick nomeou.

Várias seleções pelo mundo não possuem isso ainda, o que pode ser uma vantagem para a Copa do Mundo. Apesar dos pesares, ainda é possível acreditar no hexa em 2010 sim.

Read Full Post »