Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Ibson’

A janela de contratações internacionais foi fechada nesta quarta-feira para os times brasileiros. A oportunidade de buscar bons reforços fora do país acabou e nem foi tão bem aproveitada por vários clubes.

Mas houve quem se mexeu bastante e conseguiu peças importantes para a disputa do segundo semestre. As dez melhores contratações internacionais para a reta final do Brasileirão foram…

10º) André (Bordeaux-Atlético-MG)
É um jogador supervalorizado, principalmente por causa das convocações para a Seleção Brasileira, quando Mano Menezes se importava mais com o projeto olímpico do que com o seu emprego.

Ele não é tudo que pintaram, mas pode sim fazer uma dupla perigosa com Guilherme. O problema é que o Atlético-MG não tem um time tão forte para abastecer essa parceria.

André

André pode dar certo mesmo sem Neymar e Ganso?

9º) Iván Piris (Cerro Porteño-São Paulo)
Jean quebrava bem o galho na lateral-direita, mas o São Paulo ainda precisava de um jogador de origem para a posição.

É preciso ter cautela com Piris, afinal ele ainda corre o risco de não se adaptar. Mas trata-se de um jogador de qualidade, com características mais defensivas, mas que pode ser muito útil para reforçar o elenco do São Paulo.

8º) Cícero (Wolfsburg-São Paulo)
É um jogador versátil, que sabe chegar no ataque, mas também costuma voltar bem para a marcação. Tudo isso pode ajudar para que Cícero logo se torne importante no São Paulo.

O problema é a forte concorrência. O jovem Casemiro, por exemplo, tem características parecidas. Na armação de jogadas a disputa com Rivaldo e Lucas é complicada. Mas Adilson Batista conhece o jogador e saberá usá-lo.

7º) Renato (Sevilla-Botafogo)
Não é a solução do Botafogo, como chegou a ser propagado em General Severiano. Mas é um volante bastante interessante, já que pode até ajudar o time na armação de jogadas.

A experiência de Renato também se tornará fundamental, já que o Botafogo, com seus jovens talentosos, como Elkeson e Lucas Zen, tem mostrado bastante irregularidade no Brasileirão.

6º) Denílson (Arsenal-São Paulo)
Teve apenas uma temporada realmente brilhante no Arsenal, mas sempre foi um volante seguro, que sabe fazer o simples com ou sem a bola.

É preciso que o torcedor saiba que ele não vai fazer a diferença. Mas junto com os bons volantes do São Paulo ele pode ajudar bastante a proteger uma defesa que ainda dá sinais de insegurança.

5º) Ibson (Spartak-Santos)
O único problema dessa contratação é o preço: 9 milhões de reais por um jogador que talvez nem seja titular imediatamente é um exagero.

Porém, com a saída de Ganso em breve, Ibson deve se tornar fundamental para o Santos, já que é um meio-campista de bom passe e experiente.

Ibson

A camisa 10 deve ser de Ibson em um futuro não tão distante

4º) Juninho Pernambucano (Al Gharafa-Vasco)
Ele não vai poder jogar sempre e sequer será tão letal quanto foi na sua estreia, mas certamente vai trazer algo de especial para o Vasco.

Além da ajuda em campo, com cobranças de faltas e muita raça, é uma grande contratação simbólica. Afinal, ter um ídolo em um time é sempre importante.

3º) Henrique (Racing-Palmeiras)
Surgiu tão bem no próprio Palmeiras que fica difícil entender porque ele não deu certo na Europa. Poderia ter sido melhor aproveitado até no próprio Barcelona…

Porém, com o sistema defensivo forte que Felipão já montou no Palmeiras, Henrique deve sobrar. Tem potencial para ser um dos melhores zagueiros do Brasileirão.

2º) Aírton (Benfica-Flamengo)
A dupla de volantes que ele tem feito com Williams já se tornou uma das melhores do Brasileirão, principalmente pelo grande poder de desarme deles.

É tudo que o Flamengo precisava para acertar melhor sua defesa e se firmar como um dos candidatos ao título do Brasileirão.

1º) Alex (Spartak-Corinthians)
Deu azar por ter chegado logo no momento em que Danilo cresceu de produção demais. Fora de posição, Alex será pouco útil.

Porém, Danilo deve cair de produção quando os jogos no meio de semana acontecerem com mais frequência. E é nesse momento que Alex pode ser decisivo para o Corinthians.

Read Full Post »

TOP 11

Um “monstro” chamado mercado de bola levou alguns dos melhores jogadores para longe do Brasil durante a disputa do nosso campeonato nacional.

Alguns deles nem farão falta, mas existem aqueles que deixarão muitas saudades em seus times. Veja a lista dos principais:

1º) Maicosuel (Hoffenheim)
Era o diferencial do Botafogo no começo do ano, mas saiu, foi substituído pelo fraco Lúcio Flávio e o time agora corre sérios riscos de ser rebaixado.

2º) Ibson (Spartak Moscou)
Até agora o Flamengo não encontrou um substituto para ele e o time continua fazendo uma campanha irregular no Brasileirão.

3º) André Santos (Fenerbahçe)

O Corinthians dependia de suas jogadas ofensivas e Mano Menezes ficou sem peça de reposição para colocar em seu lugar.

4º) Ramires (Benfica)
O Cruzeiro ficou mais lento e menos surpreendente sem ele, mas, com dificuldades, já começa a encontrar outras formas de jogar.

5º) Douglas (Al Wasl)
Há quem acredite que Defederico fará com que os corintianos esqueçam dele, mas não vai ser fácil achar alguém que tenha as suas características.

6º) Internacional – Nilmar (Villarreal)
Alecsandro já era um bom nome para substituí-lo, mas Edu também veio, então o time está bem servido. Mas Nilmar estava um nível acima e fará falta.

7º) Corinthians – Cristian (Fenerbahçe)

Era um volante superestimado, mas ver Moradei substituí-lo não deve ter sido fácil para o corintiano. Agora o que importa é que Marcelo Mattos deve até superá-lo em termos técnicos.

8º) Fluminense – Thiago Neves (Al Hilal)

Não estava jogando nada parecido com o que podia, é verdade, mas seria muito bem vindo de volta em um time com tantos problemas.

9º) Émerson (Al Ain)
Ainda é preciso ver o quanto Dênis Marques jogará em seu lugar, mas fazia uma boa dupla de ataque com Adriano.

10º) Wagner (Lokomotiv)

Tem grande qualidade, mas Adilson Baptista rapidamente achou seu substituto: o experiente lateral-esquerdo Gilberto.

11º) Felipe Menezes (Benfica)
Se o Goiás queria se manter no topo da tabela, precisava de um elenco mais forte. Mesmo na reserva de Fernandão, o jovem meia poderia ser muito útil.

Veja a lista completa dos principais jogadores que saíram durante o Brasileirão no Blog do PVC

Read Full Post »

BR 2009!

Antes de começar o Brasileirão 2009, a seção “BR 2009″ apresentou os 12 principais times da competição. Agora, no final do 1º turno, veja a comparação daquelas opiniões, daquele tempo, com o que aconteceu por enquanto. Vejamos o que mudou:

FLAMENGO
Como eu tinha previsto, até agora o time não saiu daquela “zona dos que dizem lutar por uma vaga na Copa Sul-Americana”.

O ataque era o principal problema quando Cuca era o técnico. O comando mudou e o problema também: hoje, com Andrade como treinador, a defesa precisa de uma solução e até o meio-campo, sem Ibson e Kléberson (lesionado), fica fraco demais.

Parece que o time ainda vai se reforçar bastante durante o Brasileirão, o que deixa ele ainda mais imprevisível.

Relembre toda a análise feita no começo do Brasileirão.

FLUMINENSE
Ainda comandado por Parreira, eu chamei o time de “incógnita”, já que estava realmente em transformação. As mudanças aconteceram de todos os lados, desde os jogadores aos dirigentes, e o time só piorou.

É impossível não pensar no tricolor caioca como um dos principais candidatos ao rebaixamento no Brasileirão 2009.

Relembre toda a análise feita no começo do Brasileirão.

GRÊMIO
Mantenho o que escrevi mesmo antes da confirmação de Paulo Autuori como técnico do tricolor gaúcho: “Pode brigar por vaga na Libertadores”.

O elenco ainda precisa se reforçar, o esquema tático talvez precise mudar, mas existe talento para que o time passe a ganhar também fora de casa e suba na tabela. Entretanto, não consigo acreditar em título.

Relembre toda a análise feita no começo do Brasileirão.

INTER
A campanha foi conturbada, mas o Colorado não me decepcionou: eu o coloquei como “principal favorito ao título” e ele segue na briga, podendo ainda ser o campeão do 1º turno.

O time ainda deve crescer com os recém-contratados Edu e Fabiano Eller, a ascenção do jovem meia Giuliano e a possível volta do bom futebol de D’Alessandro.

Dessa forma, não consigo imaginar o Inter fora da disputa pelo título até o fim.

Relembre toda a análise feita no começo do Brasileirão.

Amanhã veremos as análises sobre Palmeiras, Santos e São Paulo. Leia a 1ª parte do Balanço do 1º turno clicando aqui.

Read Full Post »

TABELINHA

“Claro que não queríamos perder o Ibson, mas o nosso elenco está preparado”, disparou Kleber Leite, dirigente do Flamengo, nesta segunda.

É incrível como os cartolas brasileiros parecem viver em outro mundo. Como será que ele viu estas opções existentes no elenco atual do Rubro-Negro carioca? Basta analisar quais são elas e perceber que o time precisa contratar alguém urgente. Reparem:

Gonzalo Fierro
Dizem que é o nome mais provável, mas nunca jogou nada. Nem em qualidade e menos em quantidade. Em quase 1 ano, fez pouquíssimos jogos como titular.

Willians
Tem jogado de zagueiro, mas alguém pode entrar na defesa (Fabrício?), e avançá-lo de volta para o meio-campo. Mas o time ficaria defensivo demais.

Petkovic
Seria simplesmente ridículo. O time perde qualidade, ritmo e, principalmente, marcação.

Zé Roberto
Se voltasse a jogar o futebol dos bons tempos de Botafogo, até seria viável. Mas quem acredita nisso?

Éverton
Jovem ainda, talvez seja a aposta mais viável, mas não é mais do que isso: uma aposta. Das mais arriscadas.

Dênis Marques
Jogar com 3 atacantes? Duvido que daria certo. Além disso, Cuca nunca seria tão ousado.

E aí, Kleber Leite? Existem opções mesmo? O time está preparado? Falar é fácil, pensar é difícil.

Read Full Post »

Dizem por aí...

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o time atual do atleta

DEMOROU!

Corinthians – Tinga (V-Borussia Dortmund) – Tem jogado bem na Alemanha, com futebol para sobrar no Brasil.

Flamengo – Valdivia (M-Al Ain) – O chileno é melhor que Ibson, por exemplo.

Santos – Gabriel (LD-Panathinaikos) – Jogou uma boa Libertadores em 2008, pelo Flu.

TANTO FAZ…

Inter – Ibson (M-Flamengo) – Não tem lugar no time titular do Colorado hoje.

CAI FORA!

Atlético-PR – Paulo Baier (M-Sport) – É fraco, muito fraco. Só engana…

Santos – Alex Mineiro (A-Grêmio) – Hoje é pior que seu ex-companheiro Kléber Pereira.

NÃO ENXERGAM?

Edu (A-Bétis) – Rebaixado na Espanha, tem algum mercado na Europa, mas não deve ser tão difícil repatriá-lo.

Read Full Post »

BR 2009

FLAMENGO

“Vencer, vencer, vencer
Uma vez Flamengo, Flamengo até morrer

QUEM JOGA?
Bruno; Everton Silva (Kléberson), R. Angelim, Fábio Luciano, Juan; Willians, Aírton, Ibson, Léo Moura; Zé Roberto e Emerson (Josiel)

COMO FOI EM 2008?
5º – Brigou por vaga na Libertadores até a última rodada e decepcionou.

COMO SERÁ EM 2009?
Vai ficar naquela zona dos que dizem lutar por uma vaga na Copa Sul-Americana.

COMO VAI GARANTIR OS 3 PONTOS?
O novo sistema tático de Cuca ainda é confuso, mas pode virar uma arma interessante por causa da versatilidade.

O QUE FALTA MELHORAR?
O ataque é péssimo e não é de hoje. Josiel, Obina e Emerson? Fraco… Sem falar da improvisação do preguiçoso Zé Roberto.

QUEM VAI DECIDIR?
Fora Ibson, que deve voltar ao Porto no meio do ano, Juan é o que está em melhor fase, mesmo questionado pela torcida.

QUEM É A ARMA SECRETA?
Erick Flores começou bem na Taça Rio, perdeu espaço, mas ainda é valorizado na Gávea e pode receber mais chances.

O QUE ACONTECERÁ NO MEIO DO ANO?
Deve perder Ibson, referência no meio campo. Léo Moura e Juan também são sempre especulados na Europa e já foram segurados por muito tempo.

ACRÉSCIMOS
Na Taça Guanabara, o time foi eliminado pelo Resende e um dos motivos deste mico foi o atraso de salários. E agora, a diretoria vai cumprir com as suas obrigações?

Read Full Post »