Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Mario Gomez’

Quando saiu o sorteio da próxima fase da Liga dos Campeões, a reação imediata foi comemorar: podemos ter uma final entre Barcelona e Real Madrid. Ótimo! São os dois melhores times do mundo e a expectativa para ver um clássico dessa grandeza é normal. Mas é preciso cautela. A Liga dos Campeões tem dois times que ainda podem parar a dupla espanhola.

É fácil ter a sensação de que o Barcelona é um time invencível. Basta assistí-lo em um grande jogo para pensar isso. Afinal, adversários já tentaram pará-lo com todos tipos de estratégia, mas parece que nada funciona. Com tantos ótimos jogadores e um gênio chamado Messi, parece impossível superá-lo.

Mas alguns jogos já mostraram que isso não é verdade. Quando Barcelona e Milan se enfrentaram na fase grupos, por exemplo, tive essa certeza: o time italiano tem capacidade para bater o time de Messi e companhia. Os resultados foram um empate e uma vitória dos catalães, mas foram dois grandes jogos. Pelo menos um belo espetáculo já podemos esperar no novo confronto entre eles, pelas quartas de final.

Ao olhar para trás, vemos um Milan que foi dominado pelo Barcelona no primeiro jogo, mas que também mostrou qualidades defensivas. O time italiano se retrancou, apostou nas duas linhas de quatro e por pouco isso não funcionou – o gol da virada só saiu em uma cobrança de falta de Villa. Depois, Thiago Silva deixou tudo igual, marcando de cabeça. Foi uma partida em que o Milan pouco atacou, até porque estava sem Ibrahimovic, seu principal jogador. Mas mesmo assim poderia ter vencido.

Já no segundo jogo o Barcelona estava mais desfalcado e partiu para o jogo com seu novo 3-4-3. Dessa vez o Milan perdeu, mas também mostrou que poderia vencer. Afinal, é um time que tem meio-campistas criadores, como Boateng, Nocerino e Seedorf, além de um ataque rápido, pronto para surpreender a defesa nem sempre segura do Barcelona. Vale ainda lembrar que o time catalão não tem entrado ligado em todas partidas desta temporada. Se vacilar dessa forma contra o Milan, certamente sairá derrotado.

Caso o Barcelona realmente passe pelo Milan, não é difícil prever um Real Madrid contra Bayern de Munique nas semifinais. E então existirá outro perigo para que a final espanhola seja concretizada. Afinal, apesar dos altos e baixos na temporada, o time alemão tem qualidade para dar trabalho ao Real.

Ao contrário do Milan, que tem uma base forte e um padrão bem definido, o Bayern depende mais de seus talentos individuais. Mas não faltam jogadores que podem brilhar e decidir: Ribéry, Müller, Robben, Mario Gomez, Schweinsteinger, etc… É claro que o Real Madrid de José Mourinho está em sua melhor temporada, virou um time de verdade e já não depende apenas de Cristiano Ronaldo. Por isso terá todo favoritismo, mas não poderá dar espaço para o veloz e eficiente time alemão.

Não se trata de uma torcida. Também quero ver Barcelona x Real Madrid na final da Liga dos Campeões. Mas nem com o sorteio desta sexta-feira eu me animei com isso. Milan e Bayern de Munique estão prontos para estragar a expectativa de quase todo mundo.

Anúncios

Read Full Post »

Terça foi dia de escolher os melhores. Agora é a vez de eleger os piores. Afinal, também não faltaram decepções na temporada 2009/ 2010 do futebol europeu. Especialmente quando se trata das contratações feitas.

Grandes times investiram grandes valores em grandes jogadores. Mas nem sempre o resultado foi tão grandioso. O Real Madrid, por exemplo, gastou, ao todo, 257,4 milhões de euros em reforços. Resultado: não conquistou título algum e foi eliminado nas oitavas de final da Liga dos Campeões.

O segundo time que mais gastou, o Manchester City (139,3 milhões de euros), viveu situação parecida, já que não ficou com a sonhada vaga na Liga dos Campeões.

Com isso, entre os quatro grande campeonatos europeus, é grande a lista de atletas que despertaram uma expectativa enorme e não conseguiram corresponder em campo. Eles até podem dar a volta por cima na próxima temporada, mas por enquanto estão marcados pelo fracasso em seus novos clubes. São eles:

1º) Felipe Melo (Juventus)
O volante brasileiro saiu da Fiorentina por 25 milhões de euros e era uma das esperanças da Juventus para voltar a brigar pelo título do Campeonato Italiano. Apesar de ter jogado com frequência, ele falhou constantemente, se mostrou indisciplinado várias vezes e naufraugou junto com um time que só decepcionou.

2º) Kaká (Real Madrid)
Ele nem jogou tão mal quanto dizem, mas o alto valor pago para o Milan (65 milhões de euros) somado ao fracasso do Real Madrid fizeram com que ele ficasse marcado como uma das maiores decepções da temporada.

Provavelmente com José Mourinho no comando dos merengues, o brasileiro deve jogar mais vezes em sua posição e crescer de produção no segundo semestre de 2010.

3º) Alberto Aquilani (Liverpool)
Sem Xabi Alonso, o Liverpool foi atrás de Aquilani, na Roma, para substituí-lo, mas não deu certo. As frequentes lesões, que sempre acompanharam o italiano, o atrapalharam mais uma vez e ele não justificou os 20 milhões investidos. Para piorar, ele ainda viu seu time ficar fora até da Liga Europa na próxima temporada.

4º) Karim Benzema (Real Madrid)
Foi uma temporada para Benzema esquecer. Ele saiu do Lyon e chegou ao Real para ser o centroavante de um time cheio de estrelas, mas sequer conseguiu ser titular. O “Ronaldo francês” perdeu posição para Higuaín e ainda ficou de fora da Copa do Mundo. Difícil que a próxima temporada seja pior para ele.

5º) Klaas-Jan Huntelaar (Milan)
O holandês já tinha decepcionado, um ano antes, com a camisa do Real Madrid. Foi para o Milan e o filme se repetiu: poucos gols, raros momentos de brilho, quase nenhuma qualidade técnica apresentada e muita decepção. O titular da posição foi o razoável Borriello, e Huntelaar já está queimado entre os times grandes da Europa.

6º) Dmytro Chigrinskiy (Barcelona)
Não se paga 25 milhões de euros por um defensor para que ele seja a quarta opção do time. Mas foi o que aconteceu com o Barça ao tentar investir no ucraniano Chigrinskiy. É claro que não é fácil vencer a concorrência com Piqué e Puyol, dois dos melhores zagueiros do mundo atualmente, mas ele conseguiu ser reserva até de Gabriel Milito ou Rafa Márquez. Decepção enorme!

7º) Yuri Zhirkov (Chelsea)
Um dos destaques da surpreendente Rússia na Eurocopa 2008, o versátil jogador sofreu com uma lesão e não conseguiu se encaixar no plantel do Chelsea. Tanto na lateral-esquerda quanto no meio-campo a concorrência é dura para ele, mas o fato é que faltou mostrar mais qualidade para realmente justificar o valor investido, 21 milhões de euros.

8º) Mario Gomez (Bayern de Munique)
A decepção não foi tão grande por causa do sucesso que o Bayern conseguiu ao final da temporada, mas os 30 milhões de euros investidos em Mário Gomez não foram tão úteis. Isso porque ooutros atacantes do time, como o jovem Thomar Müller e o croata Ivica Olic se destacaram muito mais.

É claro que Mario foi razoavelmente útil e ainda pode ser mais, mas todo o dinheiro gasto poderia ter feito mais diferença se o Bayern tivesse trazido um jogador para outras posições, como um zagueiro, por exemplo.

9º) Roque Santa Cruz (Manchester City)
Ele não chegou com grandes expectativas, mas 21 milhões de euros foram gastos em um jogador que só foi um reserva medíocre para Adebayor. O paraguaio é limitado mesmo. O City poderia ter buscado uma opção ofensiva melhor e talvez até mais barata para ajudar o time na briga por uma vaga na Liga dos Campeões.

10º) Diego (Juventus)
O meia brasileiro chegou a empolgar no começo, mas logo mostrou que não destoaria do fracasso do seu time na temporada. Ele foi titular com frequência e até viveu bons momentos, mas não conseguiu ser o líder e a referência no meio-campo que a Vecchia Signora tanto precisava.

Agora especulam que seu futuro no clube pode ser ainda pior. Isso porque o novo técnico da Juventus, Luigi Del Neri, costumar usar o esquema tático com duas linhas de 4, no qual Diego não se encaixa em posição alguma.

11º) Zlatan Ibrahimovic (Barcelona)
Aqui a opinião é menos minha e mais da torcida do Barcelona. Afinal, Ibra não foi tão mal em seu primeiro ano em um novo time. Não chegou a se destacar como nos tempos de Inter de Milão, é verdade, mas fez mais de 20 gols e ajudou o time na conquista do título espanhol.

Agora Villa já chegou e ele pode sair do time por falta de espaço, mas ainda acredito que eo sueco poderia ser útil. Só eu. Os catalães não.

Read Full Post »

TOP 11

Recentemente o mercado europeu esteve agitado como há muito não se via. Inspirado pelos gastos de Real Madrid e Manchester City, outros grandes times também fizeram importantes contratações.

Agora chegou a hora de mostrar quem acertou e quem errou nesse processo. É claro que ainda não dá para ter um veredicto final, mas alguns inícios foram mais promissores do que outros.

Veja quais foram as 11 melhores  grandes contratações da Europa até aqui:

1º) Cristiano Ronaldo (Real Madrid)
O jogador mais caro do mundo está mostrando que também tem o melhor custo benefício do mundo. Já é o artilheiro do Campeonato Espanhol com 4 gols, feitos de cabeça, de fora da área, do jeito que for. E não deve abandonar esse posto tão cedo.

2º) Diego (Juventus)
Fez um jogo espetacular contra a Roma e empolgou qualquer um. A lesão no tendão da perna atrapalhou, mas ele deve voltar ao time em breve.

3º) Emmanuel Adebayor (Manchester City)
Fez uma grande exibição contra o Arsenal, seu ex-time. Recebeu uma punição dura, mas já marcou 4 gols e deve voltar em alta.

Momento impagável: Adebayor comemora gol contra o Arsenal diante da torcida que já o apoiou. Provocação de louco!

Momento impagável: Adebayor comemora gol contra o Arsenal diante da torcida que já o apoiou no passado recente. Provocação de louco!

4º) Zlatan Ibrahimovic (Barcelona)
Começou a temporada lesionado e já voltou a se machucar. Ou seja, vai demorar para se adaptar totalmente ao time, mas mesmo assim já fez 4 gols só pelo Campeonato Espanhol.

5º) Diego Milito (Inter de Milão)
Custou 25 milhões de euros e muita gente achou que ele não valeria tanto. Mas já é o vice-artilheiro do Campeonato Italiano e decidiu sozinho o jogo contra o Cagliari no último final de semana. 

6º) Kaká (Real Madrid)
Parece perdido no posicionamento do time, especialmente quando tem que jogar pelas pontas. Mas já mostrou que será essencial no setor de criação.

7º) Robben (Bayern Munique)
A ressalva sobre suas frequentes contusões devem ser feitas sempre, mas o holandês pode formar uma excelente dupla com Ribery no setor ofensivo.

8º) Samuel Eto’o (Internazionale)
Apenas 2 gols marcados até agora podem preocupar, mas o camaronês não tem jogado mal e ainda deve evoluir com o tempo, assim que Mourinho acertar melhor o seu meio-campo também.

9º) Michael Owen (Manchester United)
Ainda é considerado um reserva do time, mas fez o gol decisivo da vitória contra o Manchester City e pode ser usado no lugar de Berbatov tranquilamente.

10º) Carlos Tevez (Manchester City)
Enfrenta uma concorrência pesada, passou por uma lesão há pouco tempo e não foi sempre titular até agora. Mas, quando entrou, jogou bem. Só falta o gol.

11º) Mario Gomez (Bayern)
Foi o sexto jogador mais caro do mercado, tem três gols marcados pelo Campeonato Alemão e já tem feito mais do que Klose ou Luca Toni.

Outros reforços menos badalados também começaram bem, como Lisandro López (Lyon), Felipe Melo (Juventus)  e Glen Johnson (Liverpool).

Ainda existem alguns casos em que é preciso ter paciência para avaliar. Benzema (Real Madrid), por exemplo, não empolgou, mas não foi mal. Zhirkov (Chelsea) e Aquilani (Liverpool) mal estrearam por enquanto.

Então não tem jeito, será necessário ter calma pra avaliar tantas negociações. Mas não dá pra ignorar que alguns já largaram muito na frente. Os outros vão comer poeira desse jeito…

Read Full Post »