Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Santo André’

O Santos vai começar a decisão da Copa do Brasil, contra o Vitória, nesta quarta-feira, e terá uma missão árdua pela frente: não entrar na lista de zebras históricas que costumam surgir nessa competição.

Afinal, apesar da má fase recente do Peixe, ele ainda é o favorito absoluto para o confronto. Por ter mais tradição, camisa, torcida e jogadores melhores mesmo. Além disso, o momento do time baiano também não é dos melhores.

Mesmo assim, tudo pode acontecer na Copa do Brasil. Não é preciso voltar muito no tempo para perceber isso. Relembre algumas das principais surpresas que essa competição já proporcionou na história:

1º) Santo André x Flamengo (2004)
Eram mais de 70.000 pessoas confiantes no Maracanã. Bastava que o Flamengo conseguisse uma vitória simples, mas o time do ABC Paulista, que já tinha superado Atlético-MG e Palmeiras, calou uma nação com gols de Sandro Gaúcho e Élvis.

2º) Paulista x Fluminense (2005)

O time de Jundiaí já tinha eliminado Botafogo, Inter e Cruzeiro, mas outra façanha, em pleno Maracanã, mais uma vez, parecia impossível. Não foi, já que a equipe de Vágner Mancini conseguiu o empate que precisava no último jogo e sagrou-se campeã.

3º) Juventude x Botafogo (1999)
Coube ao Juventude a honra de conquistar o penúltimo título da Copa do Brasil com todos times participando dela, inclusive aqueles que disputavam a Copa Libertadores. E isso veio como uma campanha brilhante, superando Fluminense, Corinthians, Bahia e Inter até alcançar a final e levantar o troféu no Maracanã.

4º) Asa x Palmeiras (2002)
O desconhecido time de Arapiraca perdeu seu segundo jogo, mas se classificou graças a regra de gols marcados fora de casa. Assim, entrou para a história como uma das maiores zebras do futebol nacional.

5º) Brasiliense x Atlético-MG (2002)
Vasco, Náutico e Fluminense já tinham sido vítimas do time pertencente ao político Luiz Estevão. A vitória contra o Galo, por 3 a 0, em pleno Mineirão, foi incontestável. Depois, veio a polêmica final perdida contra o Corinthians, mas o importante foi que aquela Copa do Brasil colocou o Brasiliense no mapa do futebol nacional.

6º) Baraúnas x Vasco (2005)
O time do Rio Grande Norte sequer tinha conseguido vencer o primeiro jogo, em casa. Então o Vasco foi para São Januário com tranquilidade para se classificar. Saiu de casa surpreendido por um justo 3 a 0 e eliminado nas oitavas de final.

7º) Santa Cruz x Botafogo (2010)
A recente decadência do Santa Cruz não o impediu de superar uma equipe da 1ª divisão, mesmo estando na Série D. E o mais impressionante: foi uma recuperação incrível, já que o time pernambucano tinha perdido a primeira partida em casa.

Será que só o Santa Cruz vai entrar para a história como zebra da Copa do Brasil de 2010?

Só o Santinha vai entrar para a história como zebra da Copa do Brasil de 2010?

8º) XV de Novembro x Vasco (2004)
Um tal de Mano Menezes era o técnico do time gaúcho que surpreendeu os vascaínos naquele ano. O jogo era válido pela 2ª fase da Copa do Brasil, mas depois o XV conseguiu alcançar as semifinais e só foi eliminado pelo Santo André, em uma das semifinais mais surpreendentes da história da competição.

9º) Ipatinga x Santos (2006)
De um lado, Luxemburgo, Fábio Costa e Maldonado. Do outro Rodrigo Posso, Jaílton e Marinho Donizete. Venceu a equipe mineira, uma zebra comandada por Ney Franco. Foi nos pênaltis, mas nem por isso deixou de ser surpreendente.

10º) Sport x Corinthians (2008)
A equipe pernambucana eliminou favorito por favorito naquele ano: Palmeiras, Inter, Vasco e… na final, uma derrota por 3 a 1 quase acabou com tudo. No entanto, na Ilha do Retiro, Felipe Falhou, Carlinhos Bala e Luciano Henrique marcaram e outra zebra aconteceu.

11º) Brasiliense x Cruzeiro (2007)
Ainda eram as oitavas de final, mas a Raposa vacilou feio. Perdeu por 1 a 0 no jogo de ida e não conseguiu se recuperar no confronto de volta. O time mineiro , comandado por Paulo Autuori naquele ano, acabou eliminado por uma equipe que sabe fazer história na Copa do Brasil e contava com os alternativos Allan Delon, Dimba e Adrianinho.

Read Full Post »

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o último time do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

Flamengo – Valdivia (M-Al-Ain) – O chileno seria o substituto ideal para Petkovic, que parece cada vez mais distante do Rubro-Negro.

Inter – Tinga (V-Borussia Dortmund) – Costumava jogar muita bola antes de sair do Brasil e não deve ter desaprendido na Alemanha. Sobraria por aqui.

TANTO FAZ…

Corinthians – Bruno César (M-Santo André) – Tem se destacado no Paulista, é verdade, mas seria apenas uma aposta para o banco de reservas.

Inter – Dalton (Z-Fluminense) – Jovem de potencial, encontraria dificuldades para ser titular no Colorado, que tem bons zagueiros experientes como Índio, Sorondo e Eller.

Palmeiras – Carlinhos (LE-Santo André) – Tem se destacado no Santo André, mas seus jogos em um clube grande, o Santos, foram de fracas atuações.

Vasco – Ariel (A-Coritiba) – O jogador é limitado e depende de estar em uma boa fase para ajudar o time. Está longe de ser a solução do Vasco.

CAI FORA!

Fluminense – Adriano (A-América-RJ) – O time já tem muitos atacantes como esse, rápido e para compôr elenco. Seria melhor prestigiar os jovens formados na categoria de base do time.

Palmeiras – Marcos Assunção (V-Grêmio-SP) – Um problema do alviverde paulista é o excesso de coadjuvantes no time. Contratar mais um não o faria evoluir.

NÃO ENXERGAM?

Maxi Moralez (M-Velez Sarzfield) – Tem sido um dos principais jogadores da Copa Libertadores até agora e com certeza não sairia barato da Argentina. Mas, através de parcerias com grupos de investimentos, os times brasileiros poderiam tentar sua contratação. Provavelmente valeria a pena.

Read Full Post »

2010 já começou, mas ainda é possível fazer retrospectivas curiosas sobre o ano que passou. É interessante observar, por exemplo, como vários jogadores de qualidade se aposentaram em 2009. Relembre os melhores atletas do futebol que penduraram as chuteiras no ano passado:

1º) Paolo Maldini (ex-Milan)
É um dos melhores defensores de todos os tempos, seja como zagueiro ou como lateral-esquerdo. Seu currículo é impressionante, com 7 títulos nacionais, 5 Liga dos Campeões e 3 mundiais. Resolveu se aposentar perto dos 41 anos de idade, ainda em forma razoável.

2º) Luís Figo (ex-Inter de Milão)
Eleito o melhor jogador do mundo em 2001, o português teve uma carreira brilhante no futebol espanhol. Não repetiu o sucesso na Itália, mas, mesmo assim, encerrou a carreira por lá com 4 scudetti conquistados.

3º) Marcelinho Carioca (ex-Santo André)
Virou um dos maiores ídolos da história do Corinthians e não foi à toa. Sabia chutar a bola como ninguém e transformou essa qualidade em títulos. Só a aposentadoria, com a camisa do Ramalhão, foi lamentável, já que o time voltou à Série B e não contou com seu melhor futebol.

4º) Pavel Nedved (ex-Juventus)
O meia chegou a ser eleito o melhor jogador do futebol europeu pela France Football em 2003. Liderou uma boa geração da República Tcheca e dava muito trabalho aos seus defensores com habilidade e forte chute nos dois pés.

5º) Juan Pablo Sorín (ex-Cruzeiro)
Era um lateral dos mais ofensivos que já vi e sabia atacar como poucos. Foi bonito o fato dele ter encerrado a carreira pelo Cruzeiro, pois o time realmente deve muito ao argentino e vice-versa.

6º) Christian Vieri (ex-Atalanta)
O Botafogo-SP bem que tentou tirá-lo dessa lista, mas agora já dá pra cravar que ele está fora do futebol. Após muitos gols marcados pela Inter de Milão e pela seleção italiana, o atacante se aposentou de forma lamentável, totalmente fora de forma em campo.

7º) Danrlei (ex-Brasil-RS)

Campeão de quase tudo pelo Grêmio, foi um goleiro que conseguiu seu espaço de destaque no futebol brasileiro durante a década de 90. Só que também ficou marcado por seu temperamento explosivo e algumas polêmicas.

8º) Henrik Larsson (ex-Helsingborg)

A sua passagem pelo Barcelona foi brilhante, principalmente na final da Liga dos Campeões de 2005/2006. Fora isso, teve uma carreira mais apagada, apesar de sempre exibir suas qualidades com a camisa da seleção sueca.

9º) Fábio Luciano (ex-Flamengo)
Construiu uma carreira com passagem por poucos clubes, mas sempre de maneira marcante, apesar da falta de títulos de expressão. Conseguiu se aposentar em alta, já que ainda era muito querido pela maior torcida do Brasil.

10º) Willy Sagnol (ex-Bayern de Munique)
O francês era discreto, mas sempre eficiente. Estava no grupo francês que foi vice-campeão do mundo em 2006 e fez história com a camisa do Bayern de Munique durante 8 anos.

11º) Pedrinho (ex-Figueirense)
Seja no Vasco, no Palmeiras ou no Santos ele sempre mostrou que tinha muita qualidade técnica em sua perna esquerda. É uma pena que as lesões tenham atrapalhado tanto sua carreira.

Outros nomes que não couberam na lista foram Fernando, ex-Santo André, e Dean Ashton, ex-West Ham. Enquanto o primeiro encerrou a carreira aos 41 anos, o outro desistiu do futebol aos 26.

Read Full Post »

Dizem por aí...

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o time atual do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

Botafogo – Ariel (A-Coritiba) – É limitado, mas é jovem e sabe fazer gols. Pode dar certo se o time for arrumado da forma adequada.

Cruzeiro – Alex Silva
(Z-Hamburgo) – Quando saiu do Brasil, era jogador de Seleção Brasileira. Não há razões para desconfiar do seu futebol.

Grêmio – Alan Bahia (V-Vissel Kobe) – Não sei como ele está no Japão, mas apresentava um futebol seguro no Atlético-PR e sempre mereceu uma chance em um time grande.

Inter – Vitor (LD-Goiás) – Esteve entre os melhores do Brasileirão por dois anos seguidos e é outro que merece a chance em um time grande.

Palmeiras – Léo (Z-Grêmio) – Virou reserva durante o Brasileirão 2009, mas jogou bem no ano anterior e pode ter um bom recomeço no clube alviverde.

Vasco – Daniel Carvalho (M-CSKA) – A sua passagem decepcionante pelo Inter em 2008 gera desconfiança, mas tem futebol para sobrar no Brasil.

Vasco – Rafael Carioca (V-Spartak Moscou) – Foi uma das principais revelações do Brasileirão 2008 e o time cruzmaltino precisa mesmo de um volante mais confiável.

TANTO FAZ…

Botafogo – Marcelo Cordeiro (LE-Inter) – Não faria muita diferença em relação ao atual titular do time, Diego.

Flamengo – Michael (LE-Botafogo) – Não tem encontrado seu melhor futebol desde que saiu do Palmeiras, mas é polivalente e pode ser útil para completar o elenco do Rubro-Negro.

Fluminense – Júlio César (LE-Goiás) – Tem qualidades, mas terminou mal o ano e o time nem precisa tanto de um jogador para essa posição.

Grêmio – Marquinhos (M-Avaí) – Acumula uma passagem ruim por outro time grande, o São Paulo, mas o sucesso em 2009 pode inspirá-lo a dar a volta por cima em outro tricolor.

Vasco – Herrera (A-Grêmio) – É limitado demais, mas a sua raça ainda pode contribuir com o time de alguma forma.

Vasco – Reinaldo (A-Botafogo) – As lesões o atrapalham desde sempre, mas ainda tem futebol para compôr bem o elenco.

CAI FORA!

Botafogo – Nunes (A-Santo André) – Não conseguiu fazer os gols que o Ramalhão precisava para não ser rebaixado. Por que daria certo em um time maior agora?

Grêmio – William (A-Avaí) – Ele até pode ter evoluído com o tempo, mas é preciso lembrar de seus tempos no Santos, quando mostrava várias deficiências.

Cruzeiro – Kléber Pereira (A-Santos) – O tempo dele acabou. Fez um Brasileirão 2009 decepcionante e é muito difícil acreditar que ele vá se recuperar agora.

NÃO ENXERGAM?

Leandro Domingues (M-Vitória) – Só o Corinthians chegou a mostrar interesse, mas deve ter desistido, já que Danilo e Tcheco foram contratados. O meia foi um dos melhores jogadores do 1º turno, caiu de produção, mas está de saída e merece uma nova chance em um clube grande.

Leia também:

Read Full Post »

SALA DE IMPRENSA

Ao ofender Simon, o presidente do Palmeiras, Belluzzo, além de errar feio, criou uma velha armadilha que ele deve ter aprendido com Vanderlei Luxemburgo: desviou o foco da imprensa para uma polêmica que não vai dar em nada. Todos caíram na emboscada: a maioria dos comentaristas esportivos deu espaço demais para discussões intermináveis sobre o gol de Obina.

A repercussão gerou boas reflexões (Maurício Noriega escreveu a respeito da  profissionalização dos árbitros), opiniões lamentáveis (Caio Maia exagerou nas críticas ao Belluzzo aqui e aqui) e até algumas teorias da conspiração (Cassiano Gobbet admitiu que desconfia de armações no jogo).

Era o que Belluzzo queria, pois esqueceram do principal: o futebol pífio apresentado pelo Palmeiras contra o Fluminense, que foi o mesmo mostrado contra o Santo André, em outra derrota vexatória. Isso sim merece um grande destaque e enormes discussões.

Os motivos para essa queda do time são intermináveis. As lesões de jogadores importantes (Pierre, Cleiton Xavier, Maurício Ramos, Edmílson, etc…) e a queda evidente de confiança ajudam a explicar, mas não resolvem tudo.

Existem muitos problemas no Palmeiras que não são solucionados e mereciam mais questionamentos do que a bobagem discutida de domingo para cá. Sergio Xavier foi um dos poucos que realmente fez um post bom sobre isso: “Culpar o juiz pelo gol  mal anulado é fugir das verdadeiras razões da crise”, disse ele.

O jogo contra o Sport já é nesta quarta e então veremos se pelo menos o foco do Palmeiras não foi distorcido. É a última chance de recuperação do time de Belluzzo em busca do título.


Atualização às 13h40 de 12/11: Cassiano Gobbet não “acredita em armações no Brasileirão 2009”, como escrito anteriormente. Ele explicou melhor seu ponto de vista aqui.

Read Full Post »

Dizem por aí...

Em negrito – o jogador e o time que pretende contratá-lo
Em itálico – a posição e o time atual do atleta

A fonte do boato está linkada no nome do jogador

DEMOROU!

São Paulo – Marquinhos Paraná (V-Cruzeiro) – O time deve perder volantes no final do ano e fazer a reposição com um jogador experiente seria ideal.

São Paulo – Maxi López (A-Grêmio) – Aparentemente o  elenco do tricolor paulista vai ficar recheado de atacantes velozes e de movimentação, mas precisa mesmo de um centroavante típico.

Vasco – Ronaldinho Gaúcho (A-Milan) – É difícil acreditar, mas ninguém duvida que seria excepcional.

TANTO FAZ…

Corinthians – Guti (M-Real Madrid) – Um reforço internacional é sempre interessante, mas o espanhol nunca me convenceu com seu futebol mediano.

Cruzeiro – Kieza (A-Fluminense) – Não chegaria para ser uma solução para a Raposa, mas tem qualidades para completar bem o elenco.

Grêmio – Borges (A-São Paulo) – Pode reencontrar seu melhor futebol em Porto Alegre, mas não está bem e é um risco a ser assumido.

Santos – Caíque (M-Guarani) – Teve bons momentos na Série B, mas jogar em time grande é diferente, então é necessário ter cautela e não se empolgar.

São Paulo – Júnior Dutra (M-Santo André) – Não sabe ainda se é atacante, meia ou 2º volante, o que é estranho. Mas tem talento e pode dar certo.

São Paulo – Keirrison
(A-Benfica) – Está mal em Portugal e a sua passagem irregular pelo Palmeiras só gerou desconfiança.

Vasco – Léo Gago (V-Avaí) – Tem feito bons jogos no Brasileirão 2009, mas jogar em time grande é diferente sempre.

CAI FORA!

Avaí – Marcinho Guerreiro (V-Real Murcia) – Marca sempre com muita raça, mas não sabe fazer absolutamente nada quando tem a posse de bola.

Santos – André Luis (Z-Barueri) –  Até pode funcionar em um esquema tático com 3 zagueiros, como é no Barueri, mas não dá pra confiar e fazer o time jogar de um jeito por causa dele.

Santos – Renê (G-Barueri) – Nem é um goleiro tão bom, mas acima de tudo é preciso lembrar que o Peixe já tem Fábio Costa e Felipe para a posição.

Vasco – Kléber Pereira (A-Santos) – Após um ano terrível e já com a idade avançada, não dá pra acreditar mais que ele vá reencontrar seu bom futebol.

NÃO ENXERGAM?

Henrique (Z-Racing-ESP) – O ex-palmeirense até tem jogado na Espanha, mas não está bem e o seu time só luta contra o rebaixamento. Seria ótimo, tanto para um clube brasileiro quanto para ele mesmo, que uma negociação acontecesse e acelerasse seu repatriamento.

Leia também

Read Full Post »

BOLETIM BR

O ORGULHO DA TORCIDA

São Paulo – Venceu mais um jogo por 1 a 0, dessa vez contra o Barueri, e se igualou ao Palmeiras na liderança.

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Inter – Perder para o Botafogo, mesmo com um a mais em campo, é o mesmo que dizer: “Obrigado, não queroo título e nem vaga na Libertadores”.

TROFÉU HERÓI

Fred – Fez dois contra o seu ex-time, o Cruzeiro, e salvou o Fluminense de uma derrota que já parecia evidente.

TROFÉU VILÃO

Paulo Henrique Ganso – É claro que não dá pra tirar os méritos do goleiro Bruno, mas o garoto do Santos tremeu na hora de cobrar dois pênaltis no Maracanã lotado.

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Náutico 3 x 2 Sport – O desespero dos times nordestinos esquentou ainda mais o emocionante clássico.

DETALHE TÁTICO

Santo André ofensivo – É um 4-4-2 clássico, mas todos apoiam o ataque, já que nem Júnior Dutra e nem Ricardo Conceição são cabeças de área legítimos.

Pode dar certo em alguns jogo, como foi o caso contra Grêmio e Palmeiras em casa, mas é ousado e diferente para quem tenta se livrar do rebaixamento.

O FUTEBOL É INJUSTO

Goiás 2 x 3 Atlético-MG – O lance que decidiu o jogo foi um pênalti mal marcado para o Galo.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Botafogo – Com uma grande atuação de Jefferson, o Glorioso conseguiu vencer o Inter e está cada vez mais longe do rebaixamento.

ALGUÉM ME EXPLICA?

Vacilos do Corinthians – Com um a mais, como o time de Mano Menezes não conseguiu vencer o Palmeiras?

Os erros da defesa em jogadas aéreas foram incompreensíveis.

ALARME

Feliz 2010! – Não são poucos os times que só vão cumprir tabela no restante do Brasileirão, pois estão sem objetivos e com a cabeça no ano que vem: Avaí, Corinthians, Vitória, Barueri, etc…

Um vacilo contra um desses times pode ser fatal.

VALEU O INGRESSO

William – A fama de grosso que ele tem não é pequena, mas, com uma bela bicicleta, conseguiu calar a boca de qualquer um que já o criticou. Inclusive eu.

Read Full Post »

BOLETIM BR

O ORGULHO DA TORCIDA

São Paulo – Na raça, venceu o Inter, marcou presença na briga pelo título e empolgou os são paulinos por causa da boa tabela, já que vai enfrentar o Barueri na próxima rodada. Só não pode imitar o Flamengo…

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Flamengo – De nada importa a polêmica inútil sobre a mala branca. Perdeu para o Barueri exatamente quando podia ter se firmado no G4.

TROFÉU HERÓI

Obina – Três gols e um passe espetacular. ‘Só’ isso.

TROFÉU VILÃO

Jorge Luiz – Fez o pênalti que abriu o placar para o Fluminense, deixando o Atlético-MG mais nervoso para recuperar o resultado.

Não satisfeito, ainda foi expulso no final do segundo tempo, quando o Galo ameaçava reagir com um time superofensivo em campo.

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Cruzeiro 3 x 2 Santo André – A virada emocionante no final do jogo é pra ser lembrada pra sempre pelo torcedor da Raposa.

DETALHE TÁTICO

3-5-2 do Palmeiras – Muricy resolveu finalmente mudar o esquema tático do time e deu certo. Parece uma boa solução e talvez devesse ter sido feita antes.

O FUTEBOL É INJUSTO

Vitória do Botafogo – O pênalti mal marcado decidiu o jogo, mas não foi só isso que irritou o Náutico durante o jogo.

O empate entre Atlético-PR e Santos também deve ser lembrado aqui, por causa de outro gol absurdamente irregular para o Furacão.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Fluminense – Mesmo no Maracanã, era normal que o Atlético-MG seguisse em alta e na cola do Palmeiras. O tricolor das Laranjeiras fez o inesperado.

ALGUÉM ME EXPLICA?

Vitória do Grêmio – Como o Avaí não conseguiu surpreender o Grêmio nem com um jogador a mais em campo?

Fabio Rochemback foi expulso ainda no 1º tempo e o time catarinense ainda perdeu o jogo por 3 a 1.

ALARME

Cruzeiro – A vitória emocionante contra o Santo André dá moral para o time, que ainda tem uma tabela boa daqui pra frente.

Não acredito em título, mas já virou favorito na briga por vagas na Copa Libertadores de 2010.

VALEU O INGRESSO

Val Baiano e Deyvid Sacconi – Ambos fizeram golaços impressionantes, mas terão que agradecer demais a quem deus os passes. Ou seja, Thiago Humberto e Obina, respectivamente.

Read Full Post »

BOLETIM BR

O ORGULHO DA TORCIDA

Santo André – A torcida do Ramalhão é pequena, mas ficou enorme na quarta-feira. E o time soube corresponder a esse apoio e vencer o Palmeiras.

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Botafogo – A torcida do Glorioso viu o time perder um clássico, Lúcio Flávio desperdiçar um pênalti e ainda voltou à zona de rebaixamento.

TROFÉU HERÓI

Rogério Ceni – Ele tentou ser vilão de todos os jeitos, mas fez o gol da vitória contra o Santos e isso é mais importante que o resto.

TROFÉU VILÃO

Victor – Não foi uma boa rodada para a maioria dos goleiros, mas errar em um Gre-Nal é algo que marca a carreira de qualquer um.

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Santos 3 x 4 São Paulo e Coritiba 3 x 2 Atlético-PR – Empate entre os jogos porque ambos não tiveram tanta técnica e qualidade, mas foram animados.
 
DETALHE TÁTICO

4-3-2-1 do Grêmio – Sem Maxi López e Tcheco, Paulo Autuori teve que inventar na escalação do tricolor gaúcho.

Não foi bem, pois os três volantes não funcionaram como deviam, e o ataque, com Perea mais isolado, pouco assustou o goleiro Lauro, do Inter.

O FUTEBOL É INJUSTO

Avaí 2 x 2 Sport – Eduardo Martini se destacou e evitou que o Leão da Ressacada sofresse uma merecida derrota, em casa, contra o Leão da Ilha.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Fluminense – Começou mal, sofreu dois gols em 15 minutos, mas se recuperou de forma inesperada para complicar a vida do Goiás com um empate.

ALGUÉM ME EXPLICA?

Defesa do Palmeiras com Muricy – Os desfalques complicaram a vida do técnico, tudo bem, concordo.

Mas, mesmo assim, é incompreensível como o time piorou tanto defensivamente sob o comando do tricampeão brasileiro, que sempre soube treinar bem seus sistemas defensivos.

ALARME

Corinthians – Aceito o fato do elenco estar despreocupado com o restante do campeonato. Isso é normal.

Mas nem a preparação para a Copa Libertadores de 2010 está adequada, já que o time não tem funcionado de jeito nenhum ultimamente.

VALEU O INGRESSO

Luciano Henrique – Conseguiu encobrir Eduardo Martini com um belo chute de fora da área.

Read Full Post »

BOLETIM BR

O ORGULHO DA TORCIDA

Palmeiras – Chegou a dar a impressão de que enfim vacilaria, mas venceu um clássico importante e segue firme na liderança.

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Náutico – Em casa, de virada, tendo até 2 jogadores a mais. Assim foi a derrota vergonhosa do Timbu para o São Paulo.

TROFÉU HERÓI

Adriano – O Imperador foi soberano no clássico contra o Flu, mas contou ainda com uma grande ajuda de Zé Roberto

TROFÉU VILÃO

João Paulo – Foi expulso ainda no 1º tempo do jogo contra o Botafogo e prejudicou demais o Goiás.

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Grêmio 3 x 3 Sport – Os vacilos do tricolor gaúcho, que esteve quase sempre à frente no placar, aumentaram a emoção da partida.

DETALHE TÁTICO

Botafogo e Atlético-PR no 4-4-2 – Eles jogaram fora de casa, mas mudaram e surpreenderam.

Ambos conseguiram vitórias importantes e podem ter encontrado novas soluções para o futuro.

O FUTEBOL É INJUSTO

Santo André x Vitória – Não dá nem pra saber direito quem foi mais injustiçado de tão bizarro que foram os erros do juiz.

As expulsões do jogo foram totalmente inexplicáveis e a arbitragem comprometeu a partida mais uma vez.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Sport – Não dava pra imaginar que o time pernambucano complicaria a vida do Grêmio no Olímpico, coisa que a maioria dos outros times não conseguiu até agora.

ALGUÉM ME EXPLICA?

Corinthians sem lateral-esquerdo –  A diretoria não percebeu que é impossível sobreviver com tanta improvisação?

Contra o Atlético-PR, os 3 gols saíram nesse setor, que claramente é um ponto fraco do time de Mano Menezes.

ALARME

Jogadores na Seleção Brasileira – Adriano, Diego Souza e Diego Tardelli se destacaram na rodada, mas agora vão desfalcar suas equipes por 2 rodadas.

Além deles, Miranda e Sandro também vão servir Dunga. Será que esses 5 times resistirão sem eles? Cuidado!

VALEU O INGRESSO

André Lima – Talvez nem tenha sido o gol mais bonito, mas foi uma bela jogada e ganha por vir de uma pessoa tão… inusitada, pra dizer o mínimo.

Read Full Post »

BOLETIM BR

O ORGULHO DA TORCIDA

Vitória – Em casa, tem ido bem contra os líderes.

O time baiano superou o Palmeiras na rodada passada e agora venceu o Inter.

A PIADA DOS ADVERSÁRIOS

Corinthians – Todos esperavam que o time de Mano Menezes ia entrar na briga pelo título, mas definitivamente não foi isso que aconteceu: 4 a 1 para o Goiás em pleno Pacaembu.

TROFÉU HERÓI

Souza – Com um gol e meio (Adeílson praticamente marcou contra), comandou o Grêmio na goleada contra o Fluminense por 5 a 1.

TROFÉU VILÃO

Diego – O bom jovem zagueiro do Corinthians perdeu todas para Fernandão e Iarley. Foi vaiado desde o 1º tempo do jogo contra o Goiás.

UM SHOW EM 90 MINUTOS

Vitória 2 x 0 Inter – A rodada não teve grandes jogos, então a partida menos pior foi um confronto equilibrado entre dois times que fazem boa campanha.

DETALHE TÁTICO

3-5-2 do Corinthians – Para que o Mano abriu mão dos 3 atacantes para usar os 3 zagueiros jogando em casa?

Nem ele entendeu, pois admitiu, logo após o jogo, que realmente errou na escalação para o jogo contra o Goiás.

O FUTEBOL É INJUSTO

Sport merecia mais – O Atlético-PR fez um gol no começo e só segurou o resultado, enquanto o Leão dominou o jogo depois e podia ter empatado.

O FUTEBOL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS

Santo André – Não dava para imaginar que o time ia complicar o jogo para o São Paulo, mostrar que está vivo na luta contra o rebaixamento e ajudar o Palmeiras a ficar na liderança do Brasileirão 2009 por enquanto.

ALGUÉM ME EXPLICA?

Mádson no banco – Luxemburgo escalou Róbson no meio, com Neymar no ataque, mas “esqueceu” do principal jogador do Santos.

Jogando assim, em casa, não dá pra ganhar sequer do Botafogo mesmo.

ALARME

Flamengo – Venceu mais um jogo e encaixou uma boa arrancada. É um aviso para os rivais de que vai brigar forte por uma vaga na Copa Libertadores.

VALEU O INGRESSO

Adriano – Aproveitou o belo passe de Petkovic para finalizar com um qualidade rara, por cobertura.

Read Full Post »

OLHO NELE

Willians, do Flamengo

Willians

Posição: Volante
Idade: 23 anos
Altura: 1,75 m
Peso: 71 Kg
Clubes: Flamengo

Tenho que admitir: faço esse post com certo atraso. Não é de hoje que Willians tem jogado muita bola pelo Flamengo. Faz tempo.

Mas há uma justificativa: o futebol do jovem volante é discreto, como tem que ser. Por isso, sempre faltou um grande motivo para eu pedir que todos fiquem de olho nele. Mas só a sua regularidade já é uma ótima razão.

Explico: Willians é aquele típico marcador que “carrega o piano”, ou seja, marca mais e melhor do que a grande maioria de seus companheiros. É considerado pela torcida do Flamengo como o pulmão da equipe.

Ele chegou do Santo André no começo do ano, após fazer uma bela dupla com o experiente Fernando na Série B. Virou titular facilmente no estadual do Rio, mas chegou a ser sacrificado como zagueiro algumas vezes.

Em sua posição, pode se destacar com seus desarmes precisos e às vezes ainda chega ao ataque com chutes perigosos. Contra o Corinthians, na última rodada do Brasileirão 2009, fez outra boa atuação e mostrou que não precisa de fazer mais do que isso para que todos fiquem de olho nele.

Acesse a ficha técnica de Willians

Read Full Post »

Older Posts »